Destino: Salto

Situada no norte do país, Salto é o segundo maior departamento e é também a cidade que mais visitei aqui no Uruguay! ;)

Salto ainda é pouco conhecida entre os turistas brasileiros, os destinos que mais visitamos é Punta del Este e Colonia do Sacramento, mas o norte do país também reserva boas opções de lazer!

É nessa região que se concentram as águas termais! E vamos combinar que é uma boa pedida para descansar, né?

Muitos acreditam no poder terapêutico das águas termais, que cura, renova e transmite energia! Se produz todos esses efeitos em todo mundo eu não sei dizer, mas garanto que sai de lá com as energias renovadas e zero stress! 


                                                         Foto internet

Salto também é conhecida como a terra das laranjas, as melhores que já provei na vida! Na verdade tangerina, mas jamais entenderei o que eles efetivamente chamam de tangerina e laranja rs! Só digo que vale a pena provar a tangerina, naranja, mandarina ou san zuma de lá!


Salto é ainda a terra dos jogadores da seleção celeste que atualmente dão as caras em todas as publicidades do país: Luis Suárez e Edinson Cavani - que com esse nome juro que desconfio que a mãe é brasileira, porque abusar assim da criatividade no ato do registro civil é coisa nossa rs! 

É também a terra do meu namorado, explicado porque visitei tantas vezes! ;)

Voltando as atividades turísticas, há dois centros termais: Daymán e Arapey.

As termas de Dayman estão apenas 10km do centro da cidade e tem parada de ônibus própria para quem vem de Montevideo ou do Centro de Salto. 

As termas de Arapey ficam mais distantes - 90km - e ainda não conheço.

Acho uma graça a area das termas de Daymán, é como uma vila com infra-estrutura própria, tem vários hotéis, camping para barracas e motorhomes, comércio de coisas para turistas, restaurantes, e claro, o parque termal com as piscinas de água super quente, um spa e o parque aquático: opções para todo o ano!



O centro de água termal é de propriedade municipal e a entrada é bem acessivel: 80 pesos  - mais ou menos 8 reais - para não residentes. Dá direito a usar todas as instalações até às 22h, há piscinas e mesas ao ar livre onde muitas famílias aproveitam para fazer um piquenique.

Tem uma piscina coberta - ideal para os dias frios - e outras 2 ou 3 piscinas abertas, algumas mais quentes que outras, uma destinada a descanso onde não esta permitido pular, jogar água pra cima nem brincar com bolas, bóias, etc.

O spa fica ao lado, a entrada também custa 80 pesos, as piscinas são bem menores. E cada tratamento tem um preço determinado. A sauna é disponível com o bilhete de entrada.


Difícil mesmo é tirar a roupa, estamos no inverno e para ficar de biquíni com a temperatura a 10 graus é preciso coragem rs! Mais difícil é querer sair de dentro da piscina, apesar de não ser a coisa mais prática para trazer na mala, um roupão de banho é a peça mais recomendada para levar.

Aproveitamos a viagem para cruzar a fronteira e ir na cidade de Concordia em território argentino comprar coisinhas como vinhos, roupas, produtos de higiene pessoal, etc que têm um preço mais camarada lá.

                                                   Cruzando a fronteira...

A viagem dura apenas 40 minutos e passamos pelo principal centro gerador de energia elétrica do país: a represa binacional de Salto Grande que tem uma ponte que une o Uruguay a Argentina.

Salto preserva ainda o ar de cidade do interior, mas tem vida noturna interessante no fim de semana, as baladas - ou baile como dizem aqui #anos60feelings - costumam terminar com o sol raiando!

A  costanera nas margens do rio da cidade é um local concorrido nos finais de semana, tanto a noite - é onde se concentram os bailes - como durante o dia.


Acho muito legal que na área em frente ao rio tem um bosque com várias churrasqueiras públicas! Muita gente aproveita mesmo o espaço e passa o dia fazendo o churrascão, tomando mate e proseando... o que não falta são paisagens hermosas


                                 Na primavera jogando pedrinhas no rio: sou dessas rs!


Abraços! ;)

16 comentários

  1. Mile,
    que legal esse lugar, nunca tinha pensado!
    ai no UY só em água termal mesmo pra poder pular na agua, kkkk.. deve ser tudo de bom entrar numa piscina quentinha no inverno!

    adorei as laranjinhas decoradas, uma fofura!!

    beijoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Patricia, é bem legal mesmo, vale a pena conhecer!

      hahaha pois é, essas águas são geladas, até hoje só tomei banho de mar 1 vez lá em Cabo Polonio e sabe água de cachoreira? É morna comparada a esse mar! O banho é rápido rs, e revigorante, mas tem que ter coragem! ;)

      Também achei uma fofura!

      Beijo

      Excluir
  2. Olá,

    Muito legal este post sobre Salto. Como chego até esta cidade? Somente de carro ou tem voo São Paulo / Salto direto? Procurei cotação no decolar.com e não achei nada.

    Obrigado e parabéns pelo blog. É um serviço e tanto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Seja bem-vindo ao blog e muito obrigada pelo comentário!

      Salto tem aeroporto, mas para voos domésticos, então você teria que pegar um voo daqui de Montevideo para lá com a companhia BQB, eles também vendem pacotes bem interessantes de hospedagem + transporte a Salto.

      Também pode ir de ônibus, sempre vamos de ônibus a noite, são 6h de viagem.

      No site da Decolar (ou despegar em espanhol) você pode encontrar hospedagem...

      Abraço! ;)

      Excluir
  3. Mile, parabéns pelo blog!

    Você refere-se a dosi centro termais: Daymán e Arapey.
    O centro de água termal de propriedade municipal é um deles ou outro? Onde está localizado?

    Gostei da ideia de ir de onibus a noite!
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Line, ambos centros são de propriedade municipal.

      O centro de Arapey está para o norte a 80 km do centro de Salto, já o de Dayman está para o sul a 10 km do centro de Salto.

      Vale a pena encarar a viagem e ir relaxar nas águas termais! ;)

      Abraço!

      Excluir
  4. Mile, qual a melhor empresa de ônibus e a que tem o preço mais acessível para nos deslocarmos de Montevideo à Salto?
    Será que vc tem essa informação? Um amigo disse que foi pela Nunez, mas que existem outras!?
    Gostaria de saber dos preços tb(ida e volta)

    Obrigada, abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Renata!

      As empresas tem o mesmo preço porque aqui cobram por quilometro percorrido! A diferença está nos horários, tipo de ônibus - executivo ou leito - e serviços.

      As empresas são Agência Central, Nuñez e Norteño.
      Gosto muito da Agência Central.

      Atualmente ida e volta custa 120 reais.

      Beijo!

      Excluir
  5. Mile, Ótimo post. Estamos planejanto uma viagem ao Uruguai que vai certamente passar por Salto. Tens algum contato das vinícolas e termas para que possamos agendar as visitas? Sabe onde posso encontrar esses contatos?
    Desde já, agradeço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Felipe!

      Infelizmente deixei esse comentário passar sem resposta, as vezes me perco mesmo no controle do que está respondido ou não.

      Espero que tenha aproveitado bastante a viagem.

      Respondo sua dúvida, capaz poderá ajudar outras pessoas, para ir as termas não é necessário agendar, só chegar, pagar e entrar.
      Já as visitas as vinícolas, recomendo que entrem em contato pelo e-mail disponibilizado nos sites das mesmas ou nas fanpages do facebook.

      Abraço!

      Excluir
  6. Oi, Mile!
    Estou planejando ir de Montevideo até Salto. Você saberia me dizer se tem aquele voo do Buquebus fazendo esse trajeto? Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Até onde sei o serviço está funcionando, mas é melhor confirmar diretamente com a empresa.

      Abraço! ;)

      Excluir
  7. Olá Mile,

    Por uma situação de trabalho estarei indo morar em Salto no segundo semestre de 2014.

    Tenho planos de mudar com minha esposa e filhos para a cidade de Salto, mas não encontro muitas informações sobre a cidade. Quase tudo que encontro é sobre MVD ou no máximo sobre Punta del Este.

    Vi no seu blog a possibilidade de encontrar algumas informações

    Como vc falou que foi a cidade que mais visitou gostaria de saber, se possível,
    se dá pra morar em Salto? (rs), ou seja, lá tem a infraestrutura mínima de conforto?: supermercados? academias? cinema? parques? boas escolas? shopping? mcdonalds? subway?, internet?, tv a cabo?, etc

    tenho um casal (9 e 11 anos) que vão estudar na cidade, daí minha preocupação com a qualidade das escolas (pela internet identifiquei apenas duas privadas) eu não faço idéia de como funciona o ensino publico uruguaio (sou ignorante sobre o assunto, sei que na cidade de onde venho, no Brasil, o ensino público está muito ruim)

    O meu trabalho não garante a moradia, então terei que alugar mesmo. Mas ao procurar nos sites especializados é difícil achar mais de 10 anúncios razoáveis, quase tudo é anuncio de alquileres por temporada.

    espero não estar abusando com tantas perguntas, mas ficarei grato com o que vc puder me passar de informações sobre a cidade.

    abraços

    Aldo e Simone

    sy.aranhamenezes@gmail.com

    ResponderExcluir
  8. olá Mile,
    como faço para viajar para Salto? moro no nordeste do Brasil, é vantagem viajar na cidade do sul e depois ir de ônibus para salto??

    ResponderExcluir
  9. Olá Mile,
    Muito bom o seu blog, parabéns! Ele está me ajudando muito a planejar minha road trip pelo Uruguai no mês que vem.
    Tenho buscado lugares diferentes dos óbvios MVD, Punta e Colônia, para realçar minha experiência pelo país e certamente Salto entrará no roteiro!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem!

    Li sobre as Termas no Uruguai e fiquei curiosa: em agosto ainda é frio. É um bom programa mesmo assim?
    Há alguma mais recomendada nesse período?

    ResponderExcluir