Onde comer em Piriápolis

Vira e mexe estou falando de comida aqui no blog, não tem jeito!

É que comer bem me deixa numa alegria danada e eu sinto quase uma obrigação gordinha de dividir com todo mundo esses achados.

O restaurante de hoje fica lá em Piriápolis e se chama Trattoria da Piero: tem uma pinta praieira bacana,  fica em frente a praia - vizinho ao Apart Hotel Terrazas de San Francisco - e parece mais caro do que de fato é.

O nome me faz lembrar a Itália e massas, e quando estou na praia preciso comer peixe. Um dia deixei essa história do nome de lado e nos animamos a entrar: o cardápio tem de tudo um pouco.

Como não podia deixar de ser, escolhi peixe, claro.

Meu prato foi "brotola a las finas hierbas" e estava excelente -  brotola é um peixe muito comum na costa uruguaia.

O filé do peixe vem em volta de um purê de batata gratinado e tem um creme de ervas e queijo parmesão:


A escolha do meu namorado foi "pesca del día con salsa salmoriglio y vegetales", o peixe do dia era o linguado. 


Não tinha ideia do que era "salmoriglio" rs, mas é uma delicia, é um condimento da cozinha siciliana - olha a culinária italiana aí também - feito com azeite de oliva, limão e outros ingredientes. 

Os pratos até parecem pequenos, mas não são. E o preço é bom, custa entre 300 e 330 pesos uruguaios ( entre R$30 e R$33). 

No centrinho de Piriápolis tem muito restaurante que oferece o menú turistico por 290 que inclui  um refrigerante ou água,  prato principal e alguma sobremesa simples. 

Lá na Trattoria da Piero há um menú assim também que custa 370 pesos uruguaios. 

E hoje voltando de outra viagem - tema dos próximos posts - decidimos parar em Piriápolis para almoçar, e voltamos na Trattoria de Piero. Pedimos peixe de novo rs e estava igualmente delicioso!


Pedi "brotola com crema de camarones", um prato bem parecido ao que já tinha provado: o filé em volta do purê de batata gratinado, a diferença ficava no creme usado e nos camarões dando o ar da graça.


Meu namorado pediu de novo o peixe do dia com a diferença que o peixe de hoje era a brotola.


Para acompanhar pedimos um vinho chardonnay... e depois fomos tirar uma sonequinha no parque sob a sombra das arvores.

Fica a dica para quem passar pelo simpático balneário! ;)

Abraço!

13 comentários

  1. Que delícia esses pratos!!!
    Deu água na boca esse purezinho em volta do peixe, devia estar muito bom!!

    E adorei o estilo com chapeuzinho! Ficou linda :)

    Beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paty, muito obrigada querida! ;)

      E sim, estava muitooo bom rs!

      Beijo!

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Éééé... Você fica feliz aí e a gente triste aqui!

    Já que gosta tanto de comida, devia abrir um restaurante de culinária baiana ou nordestina aí no Uruguai. TEM?!... Se não tem abre que vai fazer o maior sucesso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rsrs eu amo comer, não sei se tenho o mesmo talento com as panelas! ;)

      Abraço!

      Excluir
  4. Concordo c Alex aí em cima.. Assim vc causa agonia na gente rsrs
    Mas,não se preocupe que é uma agonia boa!!
    Já pensou um restaurante de culinária baiana aí?!
    Hahahaha,os uruguaios iriam comer moqueca apenas no verão,e olhe lá.Do jeito que eles acham um simples e inocente guiso de lentejas pesado!
    Imagine caruru,vatapá...Ia matar um!!
    Eu experimentei o brotola,em Pta...Maravilhoso!!

    Parabéns,belo texto,pratos e visual!!


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já pensei seriamente rs, mas o uruguaio é tããão especial que tenho muitas dúvidas se daria certo!

      Poderia ser coisa de novidade e depois ficar as moscas, sabe? Em todos os restaurantes nos balneários sempre vejo saindo muita carne/milanesa, então "meu" restaurante teria que ser de comida baiana E parrilla... fora que a parte de comida baiana funcionaria só no verão mesmo! :S

      Obrigada pela visita! ;)

      Beijo

      Excluir
    2. Dendê é um substrato ímpar também,acho meio perigoso apostar!
      Falando em comida..
      O que acho boas opções para apostar são:Cachorro-quente,que estar em alta aqui,até!Aquele da tia mesmo,ou algo inovador..Colocando ingredientes a mais(usando o chivito de inspiração)e com salsicha sadia,mesmo.
      Esse tipo de salsicha(sadia)vende nos supermercados daí?

      Eu conheci o chivito, de longe..Confesso que senti um pouco de medo dele,rs!Qdo o avistei,parecia que ele que ia me comer e não o contrário,rs

      A outra coisa que boto fé,acho que seria um bom investimento para quem gosta de cozinha,que NÃO é o meu caso,é a famosa coxinha de galinha(com massa de batata então e catupiry).

      Será que meu pensamento é coerente,o que acha?

      Pelo que leio no seu blog,pizza é um assunto unânime,né?
      Costumo comer pizza apenas regada ao azeite!Meu sabor predileto é atum c/ catupiry. Esqueci de perguntar se tem esse sabor aí.. Tem?
      No mais amo vinhos e cervejas mais amargas,por isso dei muitos pontos a zillertal.E o item cafeterias, me encanta.. Se bem que as conheci mais através do seu blog..
      Pronto,morarei em Montevideo também,rs!

      Beijo

      Excluir
    3. Re, também acho rs!
      Menina, a salsicha aqui vale ourooo, cada vez como menos cachorro-quente, um pacotinho com 8 custa R$8!

      Oh, a coixinha é sucesso, como não amar? Já fiz, na verdade tentei umas receitas da internet mesmo rs, umas 2 vezes e ainda não conheci ninguém que não gostou.

      Catupiry é uma coisa que não acho aqui, tem todo tipo de queijo, inclusive a qualidade é bem alta, mas catupiry é "coisa de brasileiro"...
      Humm, as pizzas aqui são mais clássicas, nunca vi pizza doce por exemplo!

      Os vinhos e cervejas daqui amo! Acho que todo mundo deveria experimentar também!

      Que maravilha, seja muito bem-vinda a city! ;)

      Beijo

      Excluir
  5. Estou adorando seu blog, parabéns!

    ResponderExcluir