Hotel "BBB" em Punta del Este

Reunir esses três elementos bom, bonito e barato em Punta del este não é fácil, acreditem!

Por sorte na baixa ou média temporada é possível encontrar melhores preços na hospedagem.

Quando vamos a Punta del Este já nem nos preocupamos em pesquisar mais hotel, sabemos que no Hotel Amsterdam vamos encontrar tudo que precisamos a um preço justo.

Não há luxo, mas o hotel é bem arrumadinho, limpo, confortável, o café da manhã é gostoso e até variado - coisa rara no Uruguay/Argentina.

Acho bem localizado, fica em frente a Playa los Ingleses, numa área tranquila com muitas casas, perto do porto, farol e igrejinha.

                                              Esquina da ruazinha do hotel

Viajamos no fim de semana passado e a diária custou 60 dólares. Já contei aqui que gosto de Punta no inverno, né? :P

Fomos no fim de semana passado para aproveitar o salão de vinhos finos do "Hotel Resort Cassino Mantra" (um dos hotéis tops que fazem concorrência com o Conrad) que aconteceu no sábado a noite. 

Não turistamos muito, o domingão amanheceu chuvoso, passeamos pelo porto e logo voltamos a Montevideo.

Então fica a dica para quem estiver procurando um lugar bacana e acessível para ficar em Punta del Este! ;)

Seguem fotos do namorado para deixar o post mais bonito rs e já já atualizo com as fotos do hotel que tirei do celular.








                                                            Área do café da manhã
                                               
                                                              Área do café da manhã


Hotel Amsterdam :

Endereço - Calle El Foque 759

Telefone -  (598 Código do Uruguay) 4244 4170


Abraços!

7

A noite da nostalgia no Uruguai


Hoje é a noite mais movimentada do Uruguai.

Todo dia 24 de agosto o país inteiro celebra a famosa e esperada Noite da Nostalgia.

Resumindo a história da festa, lá pelos anos 1978 o uruguaio Pablo Lecueder que trabalhava numa rádio e tinha um programa de "old music" resolveu aproveitar a véspera do feriado (dia 25 de agosto é feriado nacional pela Declaração da Independência) e fazer aquela festança onde a ideia era se divertir e dançar ao som de muitos sucessos do passado, com o passar dos anos a festa se consolidou e integra o calendário de eventos do país.

No Brasil houve um tempo que estava na moda fazer festas temáticas dos anos 80, aqui é muito mais forte, é uma festa que ocorre em todas as cidades do Uruguai e é quase obrigatório sair essa noite: todo mundo tem alguma coisa programada, tanto os jovens como os não tão jovens.

No trabalho por exemplo todo mundo que me cumprimentava, perguntava "e hoje? vai pra onde?!", bem parecido a agitação que meus amigos ficam lá em Salvador na semana do São João, carnaval ou ano novo.

A proposta da noite é baile, boates funcionando até amanhecer o dia com muita música retrô, clássicos de décadas passadas cantados em inglês e espanhol, shows ao vivo com as bandas que marcaram época e ainda restaurantes que oferecem menu e repertório musical  especiais para a noite, claro.

Entro no clima e deixo meu mini set list! Todo mundo bailando também, hein? ;)


Uma das melhores para se jogar bêbada feliz na pista:




Sucesso absoluto a banda argentina Los Autenticos Decadentes formada em 1986 - quando eu nasci! rs - com o clássico dos clássicos por essas terras, a canção "Los Piratas":


Digam que vocês também fazem passinhos toscos, vai! :P



Porque essa todas as chicas cantam juntas rs! Oh girls just want to have fun...



E um pouquinho de cumbia uruguaia que também toca nas festas:





Boa noite nostálgica a todos! ;)

1

Culinária Uruguaia: Guiso de Lentejas

Esqueçam o churrasco, esqueçam a milanesa ou ainda o doce de leite: o melhor do Uruguai é o guiso de lentejas rs!


Morro de amores, talvez porque seja o mais similar ao feijão nosso de cada dia que encontrei por estas terras.

O guiso de lentejas é feito com lentilha dãã!, chouriça, pedacinhos de batata, abobora e cenoura, aqui em casa agregamos ainda arroz, bacon e depois de pronto um pouquinho de queijo ralado por cima.

Algumas pessoas preferem com mais caldo, outras preferem o guiso mais sequinho, eu gosto dos dois jeitos.


É uma delicia, gente! Vale a pena fazer em casa ou para os que estão com viagem marcada para o Uruguai experimentar em algum restaurante.

Pena que é considerado  "comida de inverno", o pessoal aqui tem dessas coisas de comida de inverno X comida de verão, sabem? E levam a sério essa divisão. 

Em regra as comidas mais pesadas são feitas para o friozinho do inverno e as saladas, grelhados para o calor do verão, até faz sentido, mas quem disse que eu aguento? 

Choco a sociedade comendo feijão, ensopado e sopa o ano inteiro rs! De onde eu vim faz calor o tempo todo e ninguém nunca morreu por comer tudo quente, com pimenta e pesado naquele calorão de meu Deus! :P

Aqui em casa o guiso de lentejas é especialidade do namorado, segue a receita que fazemos.

Ingredientes:

1 cebola pequena
2 dentes de alho
1/2 pimentão vermelho
2 tomates (cortados na metade e ralados na parte grossa do ralador)
2 cenouras médias (1 cortada em cubinhos e outra ralada)
1 batata (quantidade ao gosto do freguês e cortada em cubinhos)
Abóbora ( a mesma quantidade de batata também cortada em cubinhos)
Molho de tomate
Coentro ou salsa
Sal e pimenta
Pitada de açúcar
1/2 cubo de caldo de verdura dissolvido numa xícara de água.
2 chouriças ou calabresa 
Bacon (vai no olhometro rs)
2 xícaras de lentilha

Preparo:

Deixar as lentilhas de molho de um dia para o outro ou por pelo menos 2h.

Aquecer o azeite de oliva. Agregar o bacon e a chouriça cortada em rodelas por 2 minutos. Logo incorporar a cebola picada, o alho e pimentão também picados (esperar ficar transparente a cebola).

Colocar a cenoura ralada e a cenoura em cubos, sal e pimenta a gosto. Esperar 5 minutos e colocar o tomate (o tomate ralado na parte grossa do ralador, fica só a polpa como um purê) e 4 colheres de molho de tomate. Uma pitada de açúcar.

Adicionar 1  xícara de caldo de verduras (esquentar a parte 1 xícara de água e dissolver 1/2 caldo de verduras) e 1 xícara de arroz parbolizado.

Agregar água quente conforme necessidade, se secar muito, vai agregando aos poucos.

Depois que agrega o arroz espera 5 minutos e coloca a abóbora em cubos. 

Espera mais 5 minutos e coloca a batata também em cubos e as lentilhas previamente fervidas (numa outra panela ferver as lentilhas por 5 minutos - quando coloca a batata já coloca a lentilha na outra panela para ferver por 5 min e imediatamente agrega essas lentilhas com a água que sobrar à panela do guiso). 

Agregar salsinha picada. Deixar cozinhar por mais 15 ou 20 minutos. Verificar se a batata está cozida e desligar o fogo.

Deixar repousar por mais 20 minutos com a panela destampada e servir! :)


Bom apetite!


P.S.: lendo esse post agora em 2014 percebi que já não sigo esse protocolo todo para fazer o guiso rs! 

Faço uma receita mais prática: coloco azeite para aquecer, em seguida a chouriça e bacon, depois a cebola, alho e pimentão para refogar. Aí acrescento a batata, cenoura (já não ralo, preguiça master de ralar coisas rs) e abóbora, mexo tudo rapidinho e jogo a lentilha (escorro a água que estava de molho e jogo na panela, sem ferver mesmo) e adiciono água quente com o caldo de verduras dissolvido. 

Hora do sal e pimenta, colocando o caldo acho que nem precisa de sal, mas vai do gosto do freguês.

As vezes coloco o tomate cortado em cubinhos sem sementes (é, preguiça de ralar) e o molho de tomate, as vezes 'pulo' essa parte e vai sem tomate e sem molho mesmo. 

Agrego a salsinha picada, tampo a panela e espero a lentilha ficar no ponto, acho que leva uns 25-30 minutos cozinhando, na panela de pressão deve ser rapidinho, mas até hoje morro de medo de usar. 

Cozinho arroz branco separado e sirvo com o guiso de lentejas. Fica bom também desse jeito rs.

Me conta se experimentar as receitas? :)

Abraço!



*Fotos: Reprodução Google


7

Destino: Salto

Situada no norte do país, Salto é o segundo maior departamento e é também a cidade que mais visitei aqui no Uruguay! ;)

Salto ainda é pouco conhecida entre os turistas brasileiros, os destinos que mais visitamos é Punta del Este e Colonia do Sacramento, mas o norte do país também reserva boas opções de lazer!

É nessa região que se concentram as águas termais! E vamos combinar que é uma boa pedida para descansar, né?

Muitos acreditam no poder terapêutico das águas termais, que cura, renova e transmite energia! Se produz todos esses efeitos em todo mundo eu não sei dizer, mas garanto que sai de lá com as energias renovadas e zero stress! 


                                                         Foto internet

Salto também é conhecida como a terra das laranjas, as melhores que já provei na vida! Na verdade tangerina, mas jamais entenderei o que eles efetivamente chamam de tangerina e laranja rs! Só digo que vale a pena provar a tangerina, naranja, mandarina ou san zuma de lá!


Salto é ainda a terra dos jogadores da seleção celeste que atualmente dão as caras em todas as publicidades do país: Luis Suárez e Edinson Cavani - que com esse nome juro que desconfio que a mãe é brasileira, porque abusar assim da criatividade no ato do registro civil é coisa nossa rs! 

É também a terra do meu namorado, explicado porque visitei tantas vezes! ;)

Voltando as atividades turísticas, há dois centros termais: Daymán e Arapey.

As termas de Dayman estão apenas 10km do centro da cidade e tem parada de ônibus própria para quem vem de Montevideo ou do Centro de Salto. 

As termas de Arapey ficam mais distantes - 90km - e ainda não conheço.

Acho uma graça a area das termas de Daymán, é como uma vila com infra-estrutura própria, tem vários hotéis, camping para barracas e motorhomes, comércio de coisas para turistas, restaurantes, e claro, o parque termal com as piscinas de água super quente, um spa e o parque aquático: opções para todo o ano!



O centro de água termal é de propriedade municipal e a entrada é bem acessivel: 80 pesos  - mais ou menos 8 reais - para não residentes. Dá direito a usar todas as instalações até às 22h, há piscinas e mesas ao ar livre onde muitas famílias aproveitam para fazer um piquenique.

Tem uma piscina coberta - ideal para os dias frios - e outras 2 ou 3 piscinas abertas, algumas mais quentes que outras, uma destinada a descanso onde não esta permitido pular, jogar água pra cima nem brincar com bolas, bóias, etc.

O spa fica ao lado, a entrada também custa 80 pesos, as piscinas são bem menores. E cada tratamento tem um preço determinado. A sauna é disponível com o bilhete de entrada.


Difícil mesmo é tirar a roupa, estamos no inverno e para ficar de biquíni com a temperatura a 10 graus é preciso coragem rs! Mais difícil é querer sair de dentro da piscina, apesar de não ser a coisa mais prática para trazer na mala, um roupão de banho é a peça mais recomendada para levar.

Aproveitamos a viagem para cruzar a fronteira e ir na cidade de Concordia em território argentino comprar coisinhas como vinhos, roupas, produtos de higiene pessoal, etc que têm um preço mais camarada lá.

                                                   Cruzando a fronteira...

A viagem dura apenas 40 minutos e passamos pelo principal centro gerador de energia elétrica do país: a represa binacional de Salto Grande que tem uma ponte que une o Uruguay a Argentina.

Salto preserva ainda o ar de cidade do interior, mas tem vida noturna interessante no fim de semana, as baladas - ou baile como dizem aqui #anos60feelings - costumam terminar com o sol raiando!

A  costanera nas margens do rio da cidade é um local concorrido nos finais de semana, tanto a noite - é onde se concentram os bailes - como durante o dia.


Acho muito legal que na área em frente ao rio tem um bosque com várias churrasqueiras públicas! Muita gente aproveita mesmo o espaço e passa o dia fazendo o churrascão, tomando mate e proseando... o que não falta são paisagens hermosas


                                 Na primavera jogando pedrinhas no rio: sou dessas rs!


Abraços! ;)
16

Festival da Poda e Turismo Enológico no Uruguai

Já havia comentado sobre o caminho do vinho no Uruguai e volto a tocar nesse assunto porque apoio mesmo o enoturismo uruguaio, há muito vinho de qualidade sendo produzido no país e pouca gente na nossa região conhece.

Sempre que pensamos - nós meros leigos, claro - em vinhos na América do Sul tendemos a imaginar nossos vizinhos Chile ou Argentina, mas posso garantir que viajar pelo mundo do vinho aqui no paisito também revela ótimas surpresas.

Daí que próximo sábado acontece um dos eventos anuais do Caminhos do Vinho: o Festival da Poda e da Comida Criolla.

Poderia até falar da importância da poda para a viticultura, mas como não tenho conhecimento suficiente para reproduzir com minhas próprias palavras, foco mesmo na diversão porque disso eu entendo! :P

Já visitei muitas vinícolas aqui no Uruguai e em outros países, apesar de todas terem a dinâmica de visitas mais ou menos parecidas, acho sempre uma experiência diferente e gostosa que vale a pena experimentar.

O enoturismo no Uruguai tem a comodidade de permitir ao visitante conhecer várias bodegas que ficam distantes apenas poucos quilômetros da capital do país.

Para os que se interessam pela produção e cultivo é sempre uma oportunidade para aprender coisas novas e passar momentos realmente agradáveis num ambiente tranquilo e acolhedor.

Nesse festival cada bodega apresentará o processo da poda, os visitantes receberão instruções de como realizar a poda e poderão aventurar-se nos vinhedos. Eu me empolgo mais que criança com essas coisas, juro! :)

Depois é servida a comida, cada bodega oferece seu menu para o dia e os preços variam entre 690 e 1100 pesos uruguaios. 

São 8 bodegas participantes: Viña Varela Zarranz, Marichal Wines, Bodegas Carrau, Bodega Filgueira, Viñedo de los Vientos, Bodega Spinoglio, Bodega Bouza Boutique, Establecimiento Juanicó.

Mais informações sobre as propostas no site das vinícolas.

Fotos emprestadas do namorado em 2 anos distintos, um na Bodega de Lucca e outro na Marichal Wines:







Abraço!
6

Plantão meteorológico 2 - O clima em Montevidéu

Não está frio aqui em Montevideo.

Os dias mais curtos e cinzas de inverno ganharam um toque misterioso com uma neblina que volta e meia resolve aparecer.


E vou contar que eu gosto! Porque lá de onde eu vim não tem isso não, gente! E eu gosto de novidade, pode até ser novidade climática! :P

Da mesma forma que saí toda prosa para tirar foto rodopiando quando vi neve caindo do céu pela primeira vez lá em Dublin, sai toda serelepe para tirar foto na super neblina de Montevideo.


Hoje foi o dia que tivemos menos visibilidade nas ruas, fomos para a rambla de Pocitos e desde a areia da praia não podiamos ver direito os edifícios!

Parece que a cada esquina a gente vai encontrar a galera do clipe  Thriller.

Digam se não dá vontade de fazer o remake do clipe ou arriscar a coreografia nas calles dessa cidade? ;)


Chato é só chegar em casa ou no trabalho com um balaio na cabeça, porque essa umidade deixa as madeixas bem assanhadas, sabem? 

As mocinhas habilidosas arrasam com lindas tranças embutidas, mas eu que não consigo fazer nem seguindo tutorial do youtube rs, dou o ar da graça fazendo cosplay do Rei Leão mesmo! :P

Bom domingão!

P.S.: não se assustem rs! Ontem e hoje (08/08) o dia estava lindo de viver, céu celeste e solzinho! ;)
6