Um papo sobre emprego no Uruguai

Uma das dúvidas mais comuns sobre a vida no Uruguai diz respeito a empregos.

Muita gente quer saber como é na área X, quanto é a média salarial, como estão as oportunidades, se dá para viver bem trabalhando de tal coisa, etc.

É difícil responder essas questões com precisão, primeiro porque não tenho tempo para avaliar o mercado em todas as profissões para todo mundo que pede; segundo porque depende da sorte e CV de cada um; terceiro porque há fatores subjetivos nessa história, aquela coisa do parâmetro pessoal para definir o que é bom ou ruim.

Em linhas gerais, encontrar emprego no Uruguai não é difícil, difícil mesmo é encontrar emprego que ofereça uma remuneração superior a 20 mil pesos líquidos quando se é estrangeiro e recém chegado. 

Portanto, jogue suas mãos para o céu e agradeça se acaso tiver um salário acima dessa média.

Basicamente o caminho que 8 em cada 10 brasileiros traçam quando chegam aqui sem contatos ou contrato de trabalho prévio, é iniciar no mundo das empresas de call center que prestam serviços de atenção ao cliente em português. 


Emprego e Trabalhar no Uruguai

Há bastante oferta e constantemente estão buscando gente (até porque o índice de rotatividade nesses empregos é altíssimo). Logo, se você tiver procurando 'qualquer coisa' acredito que em menos de 2 ou 3 meses você estará empregado.

Mas aí entra essa questão do critério, é isso que você quer para sua vida? Não era o que eu queria para a minha. Cheguei cheia de esperança, com o coração aberto para fazer qualquer coisa até ter uma base para encontrar meu lugar ao sol

Acontece que o tempo passava e o tal lugar ao sol não chegava, por mais que tentasse não conseguia sair desse mundo de atenção ao cliente e a sensação era que estava sujeita a trabalhar com português para o resto da vida no paisito, independente do que fizesse ou tivesse estudado. 

E francamente, isso era frustrante! Frustante porque no meu caso sabia que não estava aqui de passagem curtindo um ano sabático, sabia que podia render muito mais e sabia que tinha as ferramentas necessárias - conhecimento, formação - para estar desempenhando outras funções.

Só permaneci aqui porque tive apoio emocional e financeiro, pois apesar da dificuldade na vida profissional, as outras experiências que estava vivendo me davam um certo equilíbrio. Eu não tinha uma família para sustentar, tinha tempo e meios para esperar o jogo virar.

A gente sabe que cada caso é um caso e que a sorte de Chico não é a de Francisco, mas não acho tão simples estrangeiros conseguirem oportunidades no Uruguai na sua área de formação

As pessoas sempre querem saber como é na área "X", mas de acordo a realidade que vivo aqui, observo que o problema não é a falta de trabalho em si, claro que é preciso entender que estamos falando de um mercado pequeno e com ofertas mais restritas, mas o que me incomoda mesmo é falta de oportunidade, é sentir pouca abertura para mostrar seu valor. 

Eu devo ter mandado centenas de cvs para distintas empresas/cargos nesses anos, mas o que não envolvia "português" eu não recebia nenhum retorno, se o trabalho não tinha o idioma como requisito eu era descartada antes mesmo de chegar a uma entrevista e poder vender minhas habilidades. Conviver com essa limitação do mercado e manter a serenidade é bem difícil.

Mas hoje está melhor do que 3 anos atrás, por exemplo. Hoje, num universo de 20 brasileiros que eu conheço morando no Uruguai, já posso citar 2 ou 3 que conseguiram trabalho independente dessa relação direta com o idioma, ou seja, empregos que não precisam do português, que não são para trabalhar em negócios de brasileiros ou com/para brasileiros. 

Eles conseguiram um emprego no Uruguai como uma pessoa daqui simplesmente conseguiria, parece tão simples a ideia de 'morar num lugar- trabalhar no que eu sei fazer', mas quando a gente avalia vê que essa trajetória requer um pouco mais de cuidado e paciência.

Há áreas que tendem a oferecer melhores oportunidades, como TI, comércio exterior e engenharia em geral.

É importante também levar em conta que a mudança para o Uruguai não é uma mudança de bairro ou Estado, para exercer sua profissão legalmente é preciso estar com o diploma revalidado e esse processo demora facilmente um ano (demora, é burocrático, mas não é impossível, a Vanessa que colaborou no post de Outras Histórias de Brasileiros Morando no Uruguai, é um exemplo de brasileira que conseguiu ter o título reconhecido pela Udelar, agora ela já pode trabalhar como psicóloga no Uruguai). 

Claro que há casos e casos, um profissional de TI vai conseguir trabalho sem a necessidade do título pela demanda de mercado e características da área, mas um profissional de saúde conseguir burlar essa exigência é bem complicado, né? Imagina se uma clinica séria vai arriscar contratar médico, enfermeiro, dentista sem o título?

A boa notícia é que nosso bloco econômico Mercosul está publicando normativas e resoluções para a revalida direta de diplomas de determinadas profissões, o que quer dizer que esse processo será muito mais simples e curto no futuro. Mas daí a ver os empregadores e recrutadores incorporando esse sentido de união latina e intercambio de profissionais no dia a dia são outros quinhentos.

Depois tem um tema que pouca gente dá atenção: o espanhol. Sim, minha gente! Não tem essa história de é parecido, é fácil e não rola querer um emprego bacana com portunhol, com "entendo mais ou menos" ou "se falam devagar consigo me virar". 

Isso não quer dizer que a pessoa tem que chegar aqui com um espanhol perfeito e não cometer erros, mas é preciso levar a sério essa questão do idioma e saber se articular, manter uma conversa formal numa entrevista, por exemplo. 

Sem a fluência no espanhol é muito complicado conseguir algo na própria área de formação, já para empregos com requerimento de português é até possível conseguir a vaga no embromation

Mas, não custa refletir, você dono de um escritório/empresa contrataria alguém - seja para o cargo de gerente ou de secretária - caso não pudesse se comunicar razoavelmente? 

Em relação a remuneração, não vejo um cenário de grandes salários (claro que há altos cargos executivos em multinacionais que pagam maravilhas, mas é um caminho longo, pouco provável encontrar um imigrante aos 30 anos ocupando um cargo desse). Um salário líquido de 35 mil pesos já pode ser considerado uma remuneração muito boa, ganhar 50 mil pesos líquidos sendo empregado não é a coisa mais comum, fique muito feliz se receber uma proposta desse nível. 

Aí você quer saber se contando com essa média de 12 a 20 mil pesos que o 'mercado português' oferece dá para viver bem em Montevidéu ou quanto seria suficiente para levar uma vida boa na cidade. Olha, de novo depende do seu critério do que é bom ou ruim. 

No padrão de vida que eu tenho, se fosse para morar sozinha - e pagar contas sozinha - ganhando 20 mil pesos seria impossível. Também não dá para pensar em sustentar uma família - mulher e filho(s) - com essa grana, mesmo vivendo apenas com o básico. 

Agora se você pensa em dividir casa e contas no esquema estudante/intercambista/casal sem frescura, esse valor dá para passar o mês. Já morar sozinho só será possível dependendo das suas escolhas, fica apertado, bem apertado eu diria, mas com sorte dá para alugar um monoambiente no Centro (seria uma kitnet pequena de 20 ou 25m²) e se virar com uns 18, 20 mil pesos por mês. 

A dica é fuçar os sites com ofertas de imoveis, trabalho, mercado, lazer, os posts da categoria Viver no Uruguai aqui do blog e ir tendo uma noção do que se encaixa nas suas necessidades. 

Analisando friamente, tentar a vida no Uruguai não é tão fácil como parece quando lemos as notícias sobre o país nos jornais ou quando estamos aqui numa tarde de passeio pela rambla, mas pode ser uma experiência prazerosa. 

Eu acredito que deve ser uma decisão pautada muito mais em fatores como viver num lugar mais tranquilo, um lance de identificar-se com a cultura e curtir novos ares do que uma busca por novas oportunidades de trabalho ou construção de uma carreira de sucesso.  

Infelizmente não tenho como definir como será a história de cada um que pensa em aventurar-se em terras charruas, não pude prever nem minha própria história rs, muita coisa aconteceu diferente do que eu tinha planejado nessa questão trabalho no Uruguai, mas ainda assim aqui estou e só posso desejar que vocês tenham muita sorte e dedicação nos próximos passos. 


Abraço! :)



Atualização:

O post rendeu muitos e-mails que não consigo responder com a atenção que gostaria, então para facilitar vou deixar minha opinião sobre as dúvidas mais comuns que surgiram:

- Sou formado na Universidade X, trabalhei na empresa Y, será que consigo algo melhor?

Eu não consigo prever, gente! O que posso dizer é que a falta de oportunidades não está necessariamente ligada a um CV pobre, é claro que quanto melhor o seu CV, mais ferramentas para gerar chances você terá. 

Os exemplos que tenho no meu meio são de pessoas com formação em universidades de qualidade, tanto públicas quanto privadas, ainda assim a dificuldade para encontrar trabalho se fez presente na trajetória da maioria e é um detalhe a ser levado em conta.

- Quero morar aí, mas não quero passar necessidade. O que eu faço?

A remuneração dos empregos do 'mercado português' gira em torno de 12 a 20 mil pesos. Não tenho como dizer se cada um vai conseguir algo diferente, na própria área de formação ou que pague mais do que isso, ou ainda se com esse valor irá conseguir levar uma 'vida boa no Uruguai'. 

- E no resto do país seria mais fácil?

O custo de vida no interior é mais baixo, mas o mercado de trabalho é menor. Em Montevidéu há essas empresas de call center que oferecem trabalho frequentemente, sair da capital é de certa forma abrir mão dessas possibilidades que costumam ser a porta de entrada no mercado de trabalho uruguaio para estrangeiros recém-chegados.

Boa sorte a todos! :)


80 comentários

  1. Que tipo de emprego aí paga em torno de 100.000,00 pesos líquidos por mês? Empregados uruguaios chegam a ganhar esse tanto ou somente os empresários??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Larissa, moro aqui há dois anos e pelo que sei, emprego com este salário que você mencionou acho que somente juízes, diplomatas ou proprietários de GRANDES empresas ou multinacionais..

      Excluir
    2. Larissa, é aquela história 'nunca vi nem comi, eu só ouço falar' rs!

      Um salário de 100 mil pesos líquidos corresponde mais ou menos a 120 mil pesos, ou ao sonho de todo trabalhador nesse país.

      Conseguir um salário desse só em cargos de muita responsabilidade (gerência/direção) em empresas sérias e tendo muitíssimo knowhow na área para fazer a diferença. Definitivamente não são postos que se conseguem da noite para o dia, não são empregos que aparecem com frequência nas ofertas de trabalho.

      Abraço!

      Excluir
    3. Bom, eu discordo, pois não é um valor absurdo para determinadas áreas, se você tem uma boa formação em TI, por exemplo, eu acredito que seja totalmente possível.

      Excluir
    4. Essa remuneração pode ser comum no Brasil, mas entenda que estamos falando de mercados e realidades diferentes.
      Se você viver um dia no Uruguai irá rapidamente sentir essa sutil diferença.
      Impossivel não digo que é, mas embarcar pensando que irá encontrar esse cenário de ofertas e oportunidades iniciais é um pouco de ilusão no meu ponto de vista.

      Excluir
  2. Eu sou professor de Português, no curso superior, e minha esposa, de Português, no curso básico. Acho que não rola, procurar universidades, né?... Ainda mais porque meu espanhol não é lá essas coisas, como se diz. Mas, morar no Uruguai tem sido um sonho, para nós...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Procurar emprego em universidades, digo...

      Excluir
    2. Então, é tudo aquilo que comento no post...

      Excluir
  3. Muito claro seu artigo!

    ResponderExcluir
  4. Oi Mile, você fala tanto em empregos de call-center que eu gostaria de saber qual a média dos salários para tal cargo. Eu e meu namorado temos o sonho de morar no Uruguai, estamos cursando um curso técnico em Turismo, e minha outra dúvida é saber se tem como revalidar diplomas técnicos ai no Uruguai. Obrigada :)

    Patrícia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Patrícia eu trabalhei em call center desde que cheguei aqui, a média de salários varia entre 9.000 a 16.000 pesos por mês, o equivalente a 900 ou 1.600 reais. Algumas empresas pagam vale transporte e alimentação e outras não e também depende da quantidade de horas trabalhadas por dia.

      Excluir
    2. Patrícia, como comentei no post, o mercado português paga a média de 12 a 20 mil pesos.
      Conte 20 mil pesos a exceção que se ganha somando comissão por vendas ou depois de muito tempo de empresa, por exemplo. Para começar é na casa dos 12, 14 mil líquidos por 8h.

      Sobre título técnico não tenho informação.

      Abraço!

      Excluir
  5. E para abrir pequenos negócios como um restaurante ou um café, existe muita burocracia para estrangeiros?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Giulia, a burocracia é a mesma não tem distinção se é estrangeiro ou não. A diferença é que terá que fazer o processo de residência. Mas aconselho a fazer um excelente pesquisa de mercado antes, os uruguaios são resistente a mudanças, gostam de ir nos mesmos lugare sempre.. e vejo muitos cafés e restaurantes fecharem...esse site talvez ajude http://www.uruguayfomenta.com.uy/

      Excluir
    2. Olá! Não existe empecilhos para estrangeiros, a burocracia é a comum para abertura de empresa como no Brasil.

      Agora concordo totalmente com a Samantha no sentido de fazer uma pesquisa de mercado, conhecer o país, entender que nem tudo que funciona no Brasil funciona aqui, etc.

      Abraço!

      Excluir
  6. Oi Jamile, bom dia!!

    Entrei no seu blog e encontrei dicas excelentes! Mas algumas dúvidas ainda permanecem.

    Moro no Brasil e tenho uma micro empresa de lembranças para maternidade e casamento. Na verdade, confecciono de enxovais à acessórios femininos. Estou planejando me mudar para o Uruguay com meu esposo e filhos. A minha intenção seria abrir uma empresa aí, junto com uma sócia. Mas isso, ainda estamos estudando...

    Meu esposo é formado em educação física (bacharel e licenciado) e tem graduação em lutas, capoeira e jiu-jitsu.

    Vc poderia me dizer se o mercado seria receptivo conosco em nossas áreas? E caso seja difícil entrar no mercado em nossas áreas, aceitaríamos em outras também. O salário sendo suficiente para pagar as contas básicas, seria muito bem vindo!

    Muito obrigada, Amanda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda! Muito obrigada!

      Olha, é complicado dizer essas coisas sem estar fundamentada em uma pesquisa de mercado e só no achismo.

      Eu estou grávida e vejo que as coisas aqui são bem mais simples do que no Brasil, por exemplo, e isso tem muita relação com a forma de consumir da classe média, ninguém do meu meio social surta com saída de maternidade, com usar amarelo no primeiro dia e vermelho no dia de ir pra casa, de ter que dar lembrancinha, até o babyshower parece algo relativamente novo (tive que explicar o conceito de chá de fraldas pra todo mundo), não há nem uma tradução ao espanhol.

      São detalhes que você só sente vivendo, apostar no novo é sempre um risco, pode dar super certo porque há pouca gente dedicada a isso ou não.

      No mais sobre 'tipos de trabalho e salários' é o que comentei no post: mercado português é a regra, a exceção é algo na área de formação.

      Abraço!

      Excluir
  7. Olá Mile, muito legal o seu site.
    Estive aí com minha esposa, para passear e prospectar.

    Para procurar vagas em TI, você pode indicar algum site específico, como temos no Brasil?
    Como faço, quais os procedimentos, para revalidar nossos diplomas de forma remota, estando aqui?

    Obrigado
    Marcus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marcus! Muito obrigada!

      Não conheço página especifica para TI, usam muito o linkedin, se ainda não tiver perfil, recomendo que crie um.

      Sobre revalida, há um post na categoria Estudar. E para fazer remotamente capaz contratando serviço...

      Abraço!

      Excluir
    2. Boa tarde Mile Cardoso, parabéns pelo Blog, sou chef de cozinha formado pela faculdade de Trevision na Itália. Também sou Bacharel em publicidade pela PUC - Rio e trabalhei até 2003 em um dos maiores grupos de propaganda do Brasil DPZ propaganda. Quero muito sair do Brasil e minha escolha é o Uruguai. Você tem algum feedback pra me dar em relação a essas áreas? Bjo Leandro

      Excluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Olá Mille meu nome é luana,gostei bastante do seu blog
    moro em Belém/PA , o custo de vida aqui é muito difícil além da cidade ser muito perigosa , mas tenho muita vontade de imigrar pra estudar e trabalhar poder dar uma vida boa para meus pais e a mim mesmo , mas não sei nem por onde começar esse sonho , estou me formando em técnico em eletrotécnica e emprego nessa área aqui é complicado principalmente pra uma jovem que está começando uma vida adulta . Então Se você poder me ajudar , me responda por favor!
    é possível estudar em uma boa faculdade e trabalhar , ter uma boa moradia aí no Uruguay?

    ResponderExcluir
  10. Oi milla gostei do seu blog

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Ola Mille eu e minha esposa sempre sonhamos em morar no Uruguay, não temos formação,li o seu post sobre as faculdades e penso em me formar ai eu e minha esposa, trabalho na área de marcenaria, e minha esposa num escritório de cobrança, mas não me importo de trabalharmos em call center, de um modo simples sem muito luxo seria possível vivermos ai e fazer um curso superior com um espanhol intermediário?

    ResponderExcluir
  13. Existe alguma vantagem no mercado call center se possuir inglês fluente?

    ResponderExcluir
  14. alguém sabe a média salarial de um professor de biologia?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. To tentando descobrir tbm, sou professora de biologia e pretendo mudar pro Uruguai, mas creio que aqui essa resposta não vai rolar, daí fico me perguntando se é tão difícil alguém que já mora no país, saber qual o piso de um professor de área, complicado.

      Excluir
  15. Sou assistente fiscal, cheguei aqui em Montevideo há 4 meses, trabalhava no Brasil com cálculos de impostos federais e estaduais e entregava todas as obrigações fiscais a Receita Federal e Secretaria da Fazenda, trabalhava também com notas fiscais eletrônicas, enfim cuidava de obrigações de mais de 50 empresas de pequena a grande porte tanto no Simples Federal como no Lucro Presumido, inclusive com prefeituras, tenho possibilidade de conseguir um bom trabalho aqui, por onde posso começar.Obrigado pela atenção. Flávia

    ResponderExcluir
  16. Boa tarde, Mile.

    Seu blog me ajudou a tirar muitas dúvidas sobre minha semana de férias no "paisito". E, depois desse curto tempo, planejo viver seis meses e ver melhor como funcionam as coisas. Confirmando as impressões da minha semana, buscar trabalho e uma pós, esticando, assim, minha estada pelo período da faculdade.

    Caso você tenha como responder se o esquema que vou expor abaixo é possível, te agradeço muito, pois pode ser que uma ação A exija B, que eu não tenha listado, ou ainda que A não seja pré-requisito para B.

    Pelo que pesquisei, parece pertinente agir do seguinte modo:
    Ingressar no país como turista (me alojar em albergue umas 2 semanas) -> Já no Uruguai, buscar residência/aluguel, creio ser melhor in loco que fechar daqui do Brasil -> Solicitar os trâmites para a residência Mercosul -> Buscar trabalho temporário com passaporte enquanto não possuo a CI uruguaia -> Caso ingresse na pós, obter prolongamento da residência Mercosul e a CI uruguaia, de acordo com o tempo dos estudos.

    Obrigado pela atenção!

    ResponderExcluir
  17. Ola eu sou casada tenho uma filha de6 anos o meu marido e prjetista mecanico ha uns 10 anos queriamos muito ir morar no uruguai ,tem emprego na area industrial?

    ResponderExcluir
  18. Olá me chamo Edson, sou Sommelier, Técnico em cozinha e estou me formando em Gastronomia, gostaria de saber se essa área aí tem uma demanda de emprego ou se é bem saturada,

    ResponderExcluir
  19. ola => meu nome e Luiz, tenho ingles avançado e trabalhei com compras um bom tempo além de ser contador formado e trabalhado nessa area tambem => pergunto se teria chance de um emprego usando essa habilidades?

    ResponderExcluir
  20. Olá Mile Cardoso,

    Eu meu marido e minha filha de 04 anos estamos fazendo o processo de migração para o país, porém existem muitas duvidas e um pouco de medo, quanto a mudança.
    Existe demando para emprego de Assistente Social? e para gestor ambiental?
    É facil entrar em uma faculdade para fazer mestrado? ou o país da prioridade para quem reside ai?

    Gosto muito do seu site.

    Monalisa.

    ResponderExcluir
  21. olá
    No Brasil sou professora de filosofia com doutorado, será q existe espaço nessa área no Uruguai?

    obrigada
    Emília

    ResponderExcluir
  22. Oi Mile, Bom dia
    Meu nome é Rodrigo e como todos aqui, gostei do seu blog. Escreve de maneira clara, muito bom.
    Minha pergunta é a seguinte:
    Tenho uma renda por mês, algo em torno de R$ 1.900,00 devido a um imóvel que possuo e alugo uma sala. No caso, tenho a intenção de passar uns tempos no Uruguai e fazer exatamente o que vc indica, trabalhar como call center e complementar a minha renda, que não é muita, mas acredito ser suficiente. Dito isso, pelo fato de eu ser brasileiro e ser novo no país, o que eu teria que fazer para arrumar uma moradia ou alugar uma kitnet? Questões burocráticas, comprovantes, fiador, etc. Vc poderia me dar alguma dica?

    ResponderExcluir
  23. Olá....... Primeiramente gostaria de parabenizar a todos os envolvidos no desenvolvimento desse excelente canal de conhecimento sobre esse país tão atraente.....
    Bom, trabalho como Dj especializado em Casamentos em Florianópolis e gostaria de saber se, culturalmente esse mercado é mais ou menos parecido com o nosso. O que quero dizer é, será que por aí esse tipo de evento acontece envolvendo o mesmo número de profissionais que aqui ? É um bom mercado pra se trabalhar por aí ? Decidimos, Eu e minha Esposa, que esse ano saímos de vez do brasil, simplesmente por não acreditarmos mais nisso aqui como conceito de nação ou país justo......... Nos sentimos profundamente envergonhados com tudo o que rola por aqui, apesar de termos uma situação absolutamente privilegiada.......
    Bom, se puder dar umas dicas, agradeço, tá?
    Um abraço.
    Fábio

    ResponderExcluir
  24. Olá... Me chamo Gabriel tenho 28 anos, formado em engenharia da Computação trabalho a mais de 6 anos diretamente na área de Ti, tem ideia de qual a media salarial do profissional de ti por ai e se ainda existe uma boa demanda para este tipo de profissional? Gostaria de saber pois assim como muitos aqui tenho o sonho de morar ai no Uruguai, visando uma melhor qualidade de vida .

    ResponderExcluir
  25. Olá... Me chamo Gabriel tenho 28 anos, formado em engenharia da Computação trabalho a mais de 6 anos diretamente na área de Ti, tem ideia de qual a media salarial do profissional de ti por ai e se ainda existe uma boa demanda para este tipo de profissional? Gostaria de saber pois assim como muitos aqui tenho o sonho de morar ai no Uruguai, visando uma melhor qualidade de vida .

    ResponderExcluir
  26. Vc sabe de vagas para eletrotécnico Com crea ativo ?

    ResponderExcluir
  27. Adorei esse post. Faz tempo que estou querendo sair do Brasil e pensei no Uruguai. Bem, eu realizo trabalho remoto, em sistema de home office, o que me permite prestar serviço de qualquer lugar. Então, eu não iria sem trabalho, mas é claro que um extra não faria mal a ninguém. Como seria sair do Brasil com uma certa remuneração? Acha que vale a pena? Eu queria sair do país, mas mais pela violência aqui no Rio. Não sei como é a questão de segurança aí, mas não deve ser pior que aqui. Pensei num país dentro do nosso "âmbito", pois acho que seria menos problemático do que Europa, EUA etc. Será que vale a pena?

    ResponderExcluir
  28. Olá, gostaria de dar o parabéns pelo blog...
    Quero aproveitar a oportunidade, já que vi que tem um experiência no Uruguai, conhece agencias de empregos onde eu possa pesquisar via internet por empregos na área de metalúrgica e soldador ?
    Um grande abraço e continue com esse trabalho fantástico... BJ

    ResponderExcluir
  29. conserto celulares e tablets no brazil sera que terei exito na minha area ...estou comprando um negocio na 18 de julio

    ResponderExcluir
  30. sou barbeiro e minha esposa cabeleireira sera que conseguimos exercer nossa profissao aí?

    ResponderExcluir
  31. Oi Mile!


    Solicitaram meu CV para trabalhar no Uruguay, como Gerente Comercial, porem, não conheço o Pais, custos, etc.Por onde começar? Estou numa zona de conforto no Brasil, mas este convite mexeu comigo! Alguma ideia de salario?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. já deveria ter ido, se não der certo vc volta, pois aqui no Brazil as coisas vão ficar péssimas

      Excluir
    2. Olá miler uma honra conversar com você. Me chamo breno Teria como eu trabalhar no Uruguai como modelo ou ator. ? Sou bonito de rosto branco olhos castanhos claro. .. corpo magro mais defido tipo manequim . Pode tirar qualquer dúvida pelo whstsap 021982647191 .Facebook :gatto argentino ....Email : brucelee1641@gmail.com. mile obrigado pela atenção

      Excluir
  32. olá, alguém pode indicar saites de empresas de call center que contratembrasileiros no uruguai.OBG!

    ResponderExcluir
  33. Bom dia gostaria de saber se há campo de trabalho para quem é formado em Direito indiciando pós em Direito internacional. Email pra contato é fernandogallo10@ig.com.br

    ResponderExcluir
  34. Bom dia gostaria de saber se há campo de trabalho para quem é formado em Direito indiciando pós em Direito internacional. Email pra contato é fernandogallo10@ig.com.br

    ResponderExcluir
  35. Bom dia gostaria de saber se há campo de trabalho para quem é formado em Direito indiciando pós em Direito internacional. Email pra contato é fernandogallo10@ig.com.br

    ResponderExcluir
  36. Oi tem algum site de emprego na area de callcenter? Desde ja agradeço a atenção.

    ResponderExcluir
  37. Oi sou formado em educação física trabalho como condutor do metrô e já fui agente de segurança. Você acha que terei oportunidade de emprego em montevideo? Não estou muito preocupado agora com o salário só quero ter o primeiro emprego. Preferência seria na minha área academias segurança de shopping ou etc. Obrigado.

    ResponderExcluir
  38. Oi sou formado em educação física trabalho como condutor do metrô e já fui agente de segurança. Você acha que terei oportunidade de emprego em montevideo? Não estou muito preocupado agora com o salário só quero ter o primeiro emprego. Preferência seria na minha área academias segurança de shopping ou etc. Obrigado.

    ResponderExcluir
  39. VOCE É O QUE? EXATAMENTE, COLOCA UM MONTE DE INFORMAÇÕES MAIS NAO TEM EMBASAMENTO, COISA DE INTERNETICA MESMO. NAO ACCREDITO EM NADA DO QUE DIZ E O PIOR MUITA GENTE ACREDITA NESTAS BESTEIRAS QUE VOCE SEM TER PROVAVELMENTE O QUE FAZER COLOCA AQUI.
    VAI LER....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Calma cara! Ela só tentou colocar a experiência dela, apenas isso. Relaxa!

      Excluir
    2. Calma Toupeira!!!!!!!!!!!!

      Excluir
  40. Venho pensando em migrar para o Uruguai. Trabalho na área de TI sabe dizer se a maioria das empresas da área são multinacionais?

    ResponderExcluir
  41. tem industrias se instalando aí? Será que ha vagas para Engenharia de Produção

    ResponderExcluir
  42. Boa Noite querida..

    Pra quem é advogada aqui no Brasil , como funciona no Uruguai?
    Saberia me informar?

    Muito Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. https://venezolanosenuruguay.wordpress.com/vivir-en-uruguay/

      Vejam esse de venezuelanos! Responde de forma muito esclarecida!

      Excluir
  43. MEDICAL e ADVOGADO, por exemplo, SEMPRE NECESSÁRIA REVALIDAÇÃO. Para o título geral de emprego indicar se uma exigência uruguaia ou validada é exclusiva ou não.

    1. No Uruguai, o único órgão competente para validar diplomas estrangeiros é A Universidade da República (UDELAR).

    2. Para aqueles que procuram validar faculdade parcial não é obrigada a fazê-lo exclusivamente pelo UDELAR, cada instituição acadêmica pode avaliar o caso de acordo com seus próprios critérios.

    O processo de revalidação de diplomas universitários é regido pela seguinte Portaria UDELAR. Recomenda-se a leitura cuidadosa do documento. Aqui estão alguns pontos a considerar:

    É necessário ter exclusivo certificado uruguaio para iniciar o processo.
    Os procedimentos de revalidação ou reconhecimento será iniciado na faculdade ou escola que emite o diploma, diploma ou certificado semelhante ou afim para que motiva gestão.
    Enquanto espera o cartão, coloca a faculdade ou escola que emite a carreira relacionada e à procura revalidar dirigir as suas perguntas diretamente para o secretariado do centro de estudos. Para pesquisar a corrida entra no site da UDELAR, clique ENSINO, em seguida, clique em cursos de graduação ou pós-graduação, conforme apropriado.

    O processo de revalidação podem variar entre escolas e faculdades. No entanto, há certos documentos que certamente deve apresentar, pelo menos:

    Carta a Dean
    Certificado uruguaio
    Original e cópia devidamente autenticada e apostilha. O título original do dia da apresentação de documentos para verificação presentes e devolvê-lo. Eles só manter a cópia.
    Notas devidamente certificado legalizado e apostilled.
    Programa de Estudos devidamente certificado pelo estudo casa correspondente.
    Aqui ligações directas com referência a revalidação ou outras formalidades de interesse dos poderes da UDELAR de perguntas freqüentes que recebo.

    Procedimentos School of Medicine
    Escola de Enfermagem
    Título revalidação Faculdade de Arquitetura
    Revalidação Aplicação Faculdade de Economia e Administração
    Secretaria Departamento Faculdade de Engenharia
    Procedimentos de revalidação Faculdade de Ciências Sociais
    Contacto Faculdade de Direito
    O advogado estrangeiro que pretenda exercer no Uruguai deve ter obtido seu diploma de Direito na República ou defender seu título de advogado emitidos no exterior e prestar o juramento de posse perante a Suprema Corte. Assim, eles têm direito a exercer a advocacia nos tribunais da República nos mesmos termos que o advogado uruguaio.

    O processo de revalidação pode durar de seis meses em diante. Cada caso é avaliado por uma comissão que irá decidir se a fazer os exames e / ou fazer cursos adicionais para satisfazer as exigências de cada corrida. Enquanto espera, considerar a aplicação para os estudantes que procuram trabalho estudando o último ano da corrida.

    Para obter informações sobre como preparar os seus trabalhos acadêmicos visitar Exodus venezuelano, uma migração do blog venezuelana.

    ResponderExcluir
  44. estive no Uruguai adorei o problemas ae e o salario mas tenho duvida que ae irei vuver melhor esto me referindo a salario porq em segurança e educação não tenho duvida q no Uruguai seja melhor mas quem sabe apareça ae uma oportunidades.

    ResponderExcluir
  45. olha gente q esteja vendo estes comentários o brasil já foi um brasil pra sonharaq e so corrupção aq e tudo de ruim no sentido politica pais maravilhoso pra se viver mas aq o crime tomou conta as drogas a violência a educação e zero to falando isso mas aq tenho casa propia sou comerciante a 10 anos mas agora não da mais o pais sta afundado e nos vamos juntos infelizmente recentemente estive no Uruguai queria uma oportunidade de terabalho ae queria educar meus filhos em outro pais estive pesquisando o Uruguai e muito bom se algem solber de qualquer trabalho q de pra sobreviver ae neste pais q e maravilhoso já orei na italia e na romenia quando eu era jovem mas não concegui sucesso mas quem sabe no Uruguai agente concegui aq fica minhas opiniões e meu ponto de vista do brasil.

    ResponderExcluir
  46. Oi Mile,

    Tudo bom?
    A minha dúvida é, quero ir pra passar um tempo, dois meses no máximo.
    Por esse período não me importaria de trabalhar em call center, apesar de não ser isso que quero a longo prazo. Sou formada em comunicação.
    Você sabe me dizer se para trabalhos assim por períodos curtos precisamos fazer toda a parte burocrática ou durante os 90 dias que temos de permanência podemos trabalhar legalmente?

    Abraço, e obrigada pelas informações

    ResponderExcluir
  47. Oi Mile, tudo bem?
    Bacana a ajuda ao pessoal que está em busca de uma "virada" a vida. Graças a Deus hoje temos a Internet!!
    Sobre as oportunidades de empregos para quem ainda não domina a língua espanhola, é possível encontrar vagas no comércio? Sou arquiteta, mas sonho mesmo é em trabalhar com moda. Penso que começar como vendedora no comércio, ir conhecendo os hábitos de consumo, etc, possa me ajudar nesse caminho. Paralelamente, vou buscar aperfeiçoar o idioma. Futuramente penso em abrir um negócio, mas quero ir com calma... Alguma dica para mim? Onde busco emprego nessa área? Eu tenho 45 anos, acha que seria difícil um emprego pela minha idade?

    ResponderExcluir
  48. Olá, eu gostaria de saber se há algum beneficio brasileiro para alugar residencia ae no Uruguai, tipo um fiador, e se houver, onde encontro informações!?!? Um Amigo que mora em Montevideo disse que ha algo do genero, mas nem no google achei algo do genero.

    ResponderExcluir
  49. olá parabéns pelo seu blog. Olha sou casado e tenho uma filha e com essas crises que está aqui no brasil quase 11 milhões de desempregados eu venho pesquisando muito o Uruguai e queria saber como é o empreendedorismo ai? também tenho uma pequena fabrica de roupas e será que esse setor de confecção é carente ai no Uruguai? Até para empreender aqui no Brasil já está sem espaço e acredito que o Uruguai ainda está se descobrindo pois é um pais com pouco mais de 3,5 milhões de abitantes

    ResponderExcluir
  50. Cara que BLOG LEGAL !! Meus parabéns !! Trabalho com TI e até me animei rss abcs...

    ResponderExcluir
  51. eu achei sites de busca de emprego no uruguai! como voce falou,tem bastante call center,mas como vou saber quais procuram brasileiros? MUCHAS GRACIAS HAHAHA

    ResponderExcluir
  52. bom dia .muito bom seu blog . ajudando muitas pessoas e seus sonhos...

    ResponderExcluir
  53. bom dia .muito bom seu blog . ajudando muitas pessoas e seus sonhos...

    ResponderExcluir
  54. Oi Pessoal, alguém sabe me dizer onde encontro a lei Uruguaia que regulamenta o direito ou não de vale transporte dos funcionários? Preciso urgente. Obrigada!

    ResponderExcluir
  55. Hola;
    Bom quero contribuir na discussão, ressaltando algumas coisas muito importantes e que penso que devem ser consideradas por quem pensa em morar no Uruguay. No é um paraíso na questão da segurança. Porém muito melhor que no Brasil. O povo tem espirito lutador, porém vivem de forma mais tranquila e numa velocidade bem menor. Não são consumistas. Tem boa cultura geral e uma história rica. A saúde e educação pública funcionam bem. Bens de consumo como ar condicionado e carro, são exclusividade de poucos. O transito por consequência é muito tranquilo. Não pense em comer feijão. Os invernos são muito frios e os verões muito quentes. Buenos Aires é perto...Tratasse de um lugar unico, onde se tem a sensação de ter parado no tempo faz tempo...(se isso é ruim ou bom, depende de cada um), mas se prestarem atenção, irão perceber que eles, igual argentinos e chilenos, olham para a Europa, diferente dos brazileiros, que olham para os EUA.

    ResponderExcluir
  56. Bom dia, sou médico do trabalho aqui no Brasil, ou seja trabalho com saúde ocupacional dentro de empresas privadas, estou bem estabelecido porém adorei o Uruguai. Existe alguma oportunidade de trabalho na área? Por onde começar a procurar?

    ResponderExcluir
  57. Gente bom dia sou o Arthur. Moro em são Paulo e estou pensando em morar no Uruguai vcs podem me dar umas dicas de quais setores eu acharia emprego mais fácil

    ResponderExcluir
  58. Muito legal seu artigo sobre trabalho no Uruguai. Eu estive lá recentemente (01/08/2017) de férias e simplesmente amei o país...Sou formada em Eng. Civil na PUC e gostaria de saber se você tem ideia sobre formalizar a profissão no país, se precisa de revalida. Parabéns pelo post.

    ResponderExcluir