Viver no Uruguai - Parte 1: Morar em Montevidéu

Bem, já faz um tempinho estou devendo um post sobre as coisas práticas de morar no Uruguai sob o meu ponto de vista, queria deixar bem claro isso, não pretendo que o exposto seja tomado como verdade absoluta, pois são apenas impressões tiradas das experiências que eu tenho vivido no paisito.

Então vamos lá falar um pouco sobre o custo de vida, serviços, educação, aluguel, segurança, e o que mais vocês quiserem saber nos comentários! ;) 

P.S. post longo.

Acho que me adaptei relativamente rápido ao ritmo de vida daqui, uma das coisas que mais gosto é viajar, é ver coisas diferentes e aprender, foi fazendo isso que descobri que para uma mesma situação sempre há mil possibilidades de encarar a vida, e não cabe a mim julgar se é melhor ou pior que a outra. 

Pode parecer fácil deixar esse ser julgador de lado, mas não é. Ainda é um exercício diário deixar as comparações de lado, principalmente quando alguma coisa não dá certo ou complica mais que o normal, o primeiro pensamento que sai em tom enfurecido é "ahhh, mas no Brasil não é assim!".

Não estou no Brasil, não posso esperar que as coisas sejam como são lá, apesar da proximidade geográfica, são países distintos, com outro clima, cultura e tradições.

Digo isso porque acho péssimo quem sai do país e insiste em querer viver a vida como se ainda estivesse lá, sem se permitir absorver a cultura do lugar novo que está vivendo, não digo para esquecer as raízes, de jeito nenhum, eu sou brasileira, gosto de cores, do meu feijão e minha moqueca, escuto nossa música, tomo cerveja e caipirinha, mas também me permito e adoro conhecer mais sobre a história do meu novo lar.

Uma vez decidida a permanência no país, temos que ir a Dirección Nacional de Migración solicitar a cedula uruguaya, ou melhor, a residência no país. Obviamente existem também vários tipos de visto, cada um com seu respectivo procedimento: o visto de estudante, de trabalho, etc. 

Como somos brasileiros, é mais conveniente solicitar a Residência Mercosul, tem que ir lá pedir uma cita, aguardar pacientemente uns 2 meses e levar os documentos solicitados: RG ou passaporte, certidão de nascimento,  2 fotos 3x4 e o carnê de saúde que tira aqui. 

Pediam também o certificado de antecedentes penais emitidos pela Polícia Federal, não aceitavam o expedido pela internet. Tenho que ir lá semana que vem resolver exatamente essas coisas porque enrolei mil anos e tenho toda a documentação atrasada, daí atualizo a informação do post. 

A desvantagem da residência mercosul é que após um período, tem que renovar e fazer todo o tramite novamente.

Oh, demora para receber a cédula! Demora inclusive para os uruguaios, a identidade aqui tem prazo de validade, a cada tanto eles têm que fazer uma nova e se não pedem o procedimento urgente, leva como 2 meses para receber o documento. Tem gente aqui que não acredita quando eu digo que no Brasil tiramos no mesmo dia nosso RG e que não tem data de vencimento* como a carteira de motorista, por exemplo.

*Quando esse post foi escrito o projeto de lei que regulava a validade das carteiras de identidade no Brasil havia sido aprovado pela Câmara (a legislação anterior não previa prazo de validade), ficando pendente à sanção presidencial, portanto a informação do post estava de acordo à legislação vigente.

Com a cédula em mãos você pode ser cidadão, né? Trabalhar legalmente, pagar impostos, fazer conta em banco - se bem que isso eu consegui com o passaporte, etc.

Eu trabalhei sem cédula, me pagavam descontados os impostos que a empresa nunca repassou ao Estado, claro. Apesar de não achar bacana essa situação, tampouco me incomodava muito porque sabia que era algo provisório.

Você pode trabalhar legalmente sem a cédula se conseguir um trabalho em alguma zona franca do país, eu trabalho na Zonamerica e nesse caso me descontam 12% do salário ao invés dos quase 20% que os uruguaios pagam porque aporto como estrangeira, porém contribuindo assim não tenho direito a benefícios da Previdência Social, como por exemplo o tempo de trabalho para aposentadoria. E precisei pagar a um escrivão por um certificado de domicílio no país, assim que o melhor é tirar logo a cédula e pagar os impostos como os uruguaios.

E já que pintou o tema "trabalho", vamos seguir falando disso.

Foi minha maior dificuldade aqui, porque conviver com a saudade da família e amigos uma hora a gente acaba se adaptando, os poucos momentos que pensei em voltar ao Brasil foram devidos a busca por trabalho

Se abrimos os sites de ofertas laborais ou de consultoras de recursos humanos, assim como os classificados dos jornais, vemos que sim há trabalho. E segundo as estatísticas do governo a taxa de desemprego no país é de 6%, ou seja, é baixa.

Minha realidade não foi essa, me cadastrei em quase todas consultoras do país, enviei acredito que mais de 100 currículos a distintos postos de trabalho, de secretaria, auxiliar, professora de português a supervisora, coordenadora, etc e fui chamada a 15 entrevistas apenas, das quais resultaram em 3 empregos de... call center!

O primeiro era fazendo pesquisa para um canal de tv a cabo, fiquei 1 semana. O segundo era atenção ao cliente de uma página de publicidade sobre casamento, aguentei 2 meses. O terceiro foi também uma pesquisa, dessa vez para uma operadora de celular, fiquei 2 semanas e o contrato era só por 3 semanas.

Aqui necessitam muita gente com português para empresas de call center, há muitas, todos os dias saem avisos de seleção. Algumas ferem a dignidade humana, no sentido que se você precisa ir ao banheiro tem que solicitar a coordenadora e coisas do gênero, outras são corretas e dignas, algumas pagam míseros 600 reais, outras podem pagar até 1.600, chegando aqui rapidamente você tem conhecimento das que prestam e não prestam.

Hoje vejo que essa rápida experiencia em call center me ajudou muito como crescimento pessoal e até profissional, vivi coisas que estando na minha zona de conforto no Brasil jamais viveria, quebrei paradigmas, estive em empresas com hierarquias bem definidas, e eu estava na base da pirâmide. Me surpreendi com o nível - humano e intelectual - dos meus companheiros, esses call centers prestam serviços para empresas do mundo inteiro, e os atendentes são bilíngues em inglês, português, alemão, italiano, francês e a maioria faz faculdade, uma das companheiras uruguaias de cubículo que eu tinha fazia psicologia e falava fluentemente inglês e português, entre uma ligação e outra gerundiando no "podemos estar enviando para o Sr." ela lia livros de Freud ou Jorge Amado.

Sou formada em Direito pela Universidade Católica, terminei um curso técnico em Recursos Humanos numa universidade privada aqui em Montevideo, falo português, espanhol e apesar de não me sentir comoda com meu nível de inglês, meus certificados atestam um nível intermediário, em tese teria boas chances, né? 

Pois, faz apenas 1 mês e meio que consegui um trabalho na área administrativa que está o mais próximo do que poderia me satisfazer: gosto da empresa, gosto muito dos companheiros, o trabalho em geral é bom, há perspectiva de crescimento, paga minhas contas e me deixa mais tranquila, mas levou mais de 1 ano ter essa oportunidade, e não foi falta de tentativa ou conhecimento.

Para quem trabalha com informática ou engenharia há muito campo, acredito que seja mais fácil e rápido conseguir boas oportunidades. 

Inglês é um requisito fundamental para um bom posto de trabalho, em muitos avisos - inclusive para cargos mais básicos - vocês vão ver  nível mínimo de inglês requerido "aprovado o exame first certificate da Cambridge", requisito que eu não tenho, e acredite muita gente aqui tem.

Sites úteis de busca laboral: CompuTrabajo, BuscoJobs ambos com atualizações diárias e o Gallito que sai edição nova todos os domingos.

Sobre educação, acho a qualidade de ensino muito boa, além do que me parece sensacional as pessoas terem garantido o direito de fazer um curso superior! Podem falar o que quiserem da faculdade pública, que as salas de aula tem 200 pessoas amontoadas, greves e coisas assim, mas garantir o acesso a educação a milhares de jovens é algo que acho realmente fantástico.

Eu noto uma grande diferença entre os jovens estudantes aqui e os jovens estudantes da minha realidade em Salvador. Não sei, cada vez ando mais convencida que nós temos as coisas muito fáceis, eu quando fiz 18 anos ganhei um carro, um carro popular, mas era um carro! E vivia de mesada, recebia uma grana boa para gastar com bobagens, e meus pais não são ricos, era um esforço que faziam para me dar além de muito amor e valores, o que eles entendiam que eu precisava, e assim como eu, várias das minhas amigas viviam da mesma forma, era uma realidade comum no nosso meio.

Aqui ganhar um carro aos 18 anos é coisa de gente muito rica! Fazia faculdade privada em Montevideo e na minha sala todo mundo andava de busão, e muitos eram de família como a minha no Brasil, mas não há essa realidade de tudo fácil e eu acho fantástico mais uma vez. Talvez por isso as pessoas sejam menos exibidas e mais conscientes com a grana.

Em termos gerais os jovens trabalham desde cedo, na faculdade no Brasil eu fazia estágio 4 horinhas do meu dia. Aqui o minimo que vejo são 6h, e muitos estudantes trabalham 8h e depois vão para a faculdade, é uma rotina perfeitamente normal. 

Os primeiros empregos deles? Caixa de supermercado, secretária, operadores de call center, as mocinhas bonitas promovendo marcas em eventos e toda sorte de "assistente". 
Poucas vezes vi anúncios para o que seria o que entendemos por estágio, estes geralmente são voluntários ou em instituições públicas, o comum mesmo é chamar estudantes universitários para serem assistentes ou auxiliares, e as responsabilidades são de gente grande, ninguém passa a mão pela cabeça.

Gosto do climão de cidade pequena e cidade grande daqui, é meio louco, mas a sensação que tenho é que o novo e o velho convivem em harmonia. Ainda é um lugar tranquilo, ameno para viver, apesar do crescente número de violência e criminalidade que preocupa a população e gerou uma serie de medidas do governo, inclusive a tão comentada legalização e controle do Estado sobre o consumo e produção da maconha.

Acho as pessoas amáveis e receptivas, nunca senti preconceito por exemplo, ao contrário sempre sinto um interesse muito grande relacionado ao Brasil, mas ainda há muito conservadorismo e tradicionalismo na sociedade. 
Muitas vezes escuto expressões arcaicas que ao meu ver chegam a ser preconceituosas, mas ninguém parece perceber ou se importar, e poucas vezes escutei em tom efetivamente agressivo. Talvez seja só coisa da minha cabeça de 'revolucionária reprimida' mesmo rs.

E se engana muito quem pensa que o custo de vida aqui é baixo! Lembro quando fui com minha mãe ao mercado e ela ficava chocada com tudo rs! 
Acho comida e aluguel caríssimos em comparação ao salário médio que as pessoas recebem, mas curiosamente sair para comer num restaurante bacaninha pode sair mais barato que ir a um restaurante similar no Brasil. Já um restaurante "comum" geralmente cobra mais caro que um restaurante no estilo PF nosso. É, Montevideo tem dessas contradições! :P

Alugar um apartamento ou casa requer muita paciência, dinheiro para as garantias e algumas burocracias.

Eu gosto muito das zonas próximas as ramblas, são as mais caras, mas procurando bem dá para encontrar boas opções em relação ao preço.

Recomendaria os bairros de Pocitos, Punta Carretas, Villa Biarritz. Nesses bairros um apartamento quarto e sala custa em média entre R$1.100 e R$1.300. Há o que eles chamam de monoambiente que são mais baratos, porém são bemmm pequenos.


O condomínio aqui acho um pouco mais barato, seguramente o preço do condomínio do apartamento que vivemos aqui seria mais alto lá em Salvador. 
Os gastos comunes seria o que chamamos de condomínio e  acho interessante que muitos dos edifícios mais novos têm apartamentos com várias plantas diferentes, no mesmo andar há um monoambiente, 1/4 e sala, um apartamento de 2/4, etc, e o preço varia de acordo ao tamanho do apartamento, é justo. 

Nas áreas que citei acima os gastos comunes variam em média de R$100 a R$300 para um apartamento quarto e sala.

Em Malvin e Punta Gorda tem mais casas, são boas áreas também. E em Carrasco geralmente é onde estão as super casas da burguesia montevideana rs, gente que eu não conheço inclusive, o que me leva a crer que rola dessas coisas de grupinhos fechados ou eu que saio pouco e conheço pouca gente.

Pelo Centro há opções mais econômicas, recomendaria Cordon, Tres Cruces, La Blanqueada, Parque Batlle e Parque Rodo. 

Procuramos apartamento no site do Gallito, é o mais completo. Nosso ap que eu gosto muito, estava publicado sem foto, uma amiga também conseguiu um muito bom publicado nas mesmas condições, então vale a dica de visitar também o que parece interessante e não tem foto.

Pensando em mais gastos... água e telefone são similares ao Brasil, eletricidade também, salvo no inverno que eu sofro com a conta que triplica graças a calefação, que vamos combinar já que é para pagar caro, que pelo menos não passemos frio, deixo a casa sempre a 20 graus e todo mundo diz que é um pedaço da Bahia ou que um dia vou levar um choque térmico chegando da rua! :P

Assistência medica privada é algo que ainda não domino bem, não me agrada muito o sistema. Aqui é através de mutualista, pago 150 reais por mês e cada vez que tenho que ir ao médico - são hospitais determinados vinculados à mutualista, não há consultórios que aceitam vários "planos" - tenho que pagar uma taxa que varia entre 5 e 15 reais a depender da especialidade do médico, a mesma coisa para exames. Eu que não gosto mesmo de médico, uso raríssimas vezes.

Escrevi muito e já não tenho mais ideia do que dizer rs, para terminar só preciso compartilhar e registrar minha indignação com o kg do maracujá a 20 reais nesse país rs!

Brincadeira, não dá para terminar o gigante post sem expressar palavras positivas! De verdade fico bem feliz com o interesse e curiosidade das pessoas pelo Uruguay, e aos que planejam viver aqui um dia desejo toda a sorte do mundo e que a mudança possa reservar tanta surpresa boa como acontece comigo.

Ah, o Uruguay é bacana, coisa e tal, mas não disse o real motivo de ter vindo parar no paisito, né? Pois bem, provavelmente não estaria aqui se não fosse ele!  


Morar no Uruguai

Abraços! ;)

Obs.: Como esse papo rendeu, fiz a continuação desse post nesse link aqui.

Obs.2: O post foi escrito em 2012, dados como procedimentos para a cedula e preços estão desatualizados. Fazendo click nos links oficiais vocês encontram a documentação requerida e preços corrigidos.

Obs.3: Peço que os comentários sejam direcionados a Parte 2 ou Parte 3, já passamos de 300 comentários aqui e está complicado carregar toda a página para responder, acaba travando e demorando bastante.


334 comentários:

  1. Oi Mille... Viu como foi bom te “puxar a orelha” (rs). Você escreveu bastante e o texto ficou ótimo (agora pode ir dormir – rs). Mas sempre sobram dúvidas para um chato perguntador e curioso como eu; então vamos por partes:

    TRABALHO, MORADIA E CUSTO DE VIDA:

    Já fui empregado, porém trabalho como autônomo na área artística há mais de 20 anos. Nem lembro o que é ter carteira assinada, o que não é exatamente um Éden. Ocorre que por motivos irrelevantes não estou NADA FELIZ com minha área profissional no Brasil. Mais especificamente em São Paulo que se tornou muito inchada, além de desinteressante e um tanto medíocre. Fora àquilo que recebo pelo meu trabalho, obtive por parte de benefícios que ganhei do Estado uma renda fixa e mensal em torno de 1.000 e 1.500 Reais (ou 10.000 e 15.000 Pesos que somados aos demais ganhos me deixa na faixa dos 30.000 Pesos). E levando em conta que eu posso comprar um imóvel à vista – segundo tudo o que já vi no mercado imobiliário uruguaio – qual sua avaliação destes valores para se obter uma boa qualidade de vida? Existe muita burocracia para um brasileiro comprar um imóvel ou financiá-lo?... Ah, eu vivo só e desta forma não tenho dependentes!

    Claro que não me permito discordar de suas avaliações sobre o custo de vida por aí em comparação a Salvador, mas me cabe fazer um contraponto já que o Brasil tem realidades econômicas e de IDH muito distintas. Talvez o custo de vida uruguaio seja mais alto que as do Norte ou Nordeste, mas não sei se maior que o de São Paulo. Pois hoje, mais caro que viver aqui, só em Zurique ou na Lua (o negócio anda feio até pra comer um PF que eu tanto adoro).

    EDUCAÇÃO:

    Nossa, essa é a coisa que mais “pega” pra mim. Daquilo que faço e já fiz na mídia, me sinto decepcionado pelo que ouço, leio, assisto e ao individualismo e materialismo que usurparam nossa cordialidade. Assim sendo e longe de estar em busca de um “shangri-la da cultura”, acredito que exista nesse mundo gente que ainda dê mais valor a um livro que a uma calça de marca, ou que saiba pelo menos dizer: “por favor”, “bom dia” e “com licença”. E mesmo que eu esteja equivocado nisso, sempre atribuí aos nossos hermanos do sul uma maior atenção à educação, assim como acho a gentileza do povo nordestino no tratar das pessoas, bem superior se comparado aos paulistas (e não digo isso por estar “na presença” de uma baiana, hein!). Pois a idéia de viver no Nordeste também me apetece.

    Por enquanto vou terminando para estender o texto, mas tenho ainda outras perguntas a fazer sobre saúde pública, telefonia, Internet e documentação.

    Um grande abraço, baiana... E obrigado!

    PS: não ligo pra maracujá, mas se disser que não tem cupuaçu (mesmo congelado) no Uruguai... Vou ficar triste!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. por que no escriba en español, weona esta muy bueno vea como esta el mio http://latinoamericalengua.blogspot.com.br/

      Excluir
  2. Obrigada Alex!
    Imagina, pode perguntar mesmo! Só ando demorando de responder pelo cansaço, sempre ele rs! ;)

    Olha, ainda não cheguei ao ponto de comprar imóvel no Uruguay, mas acredito que não haja mais burocracia que o comum para este tipo de negócio, em Punta del Este por exemplo uma grande parte dos imoveis pertencem a argentinos e outros estrangeiros ricos, o pessoal deve estar bem acostumado a fazer esses tramites por aqui!

    Pode discordar rs, eu até gosto!
    São Paulo realmente tem um custo de vida mais alto que Salvador, porém se você comparar os salários, em SP se paga muito melhor que em SSA, então pra mim sempre uma coisa compensa a outra, lá é tudo mais caro que em SSA, mas também a média de salário é mais alta, se gasta mais, porem se ganha mais.

    Já aqui em Montevideo eu não vejo essa diferença na média de salário em relação a SSA e por isso as coisas me parecem mais caras aqui! Com os salarios que pagam nao entendo como a comida e produtos de higiene, aluguel, gasolina (R$3,50 o litro), etc, podem custar tanto!

    Claro que quando vamos como turista essas coisas não são tão explicitas, por exemplo das vezes que fui em SP, sair a noite para barzinho, fazer compras e "turistar" em geral nunca me pareceu com uma diferença tão gritante a lugares similares que ia em Salvador, mas sei que se fosse viver em SP ia achar o aluguel, impostos, comida no mercado, etc, mais caros... enfim já não sei se consegui expressar o que queria rs! :P

    Sobre educação é bem isso que eu penso, acho que é cada vez mais difícil romper essa bolha que vivemos, cada vez acho o povo mais alienado e com menos valores, vazios, e isso é triste! Esses dias estava justamente comentando que ainda acho o povo aqui mais atento com o ser humano em geral, nas pequenas coisas do cotidiano, coisas simples que gente como a gente percebe, sabe?
    Não que seja um paraíso, inclusive acho que muita coisa já está se perdendo, é muito difícil manter-se na contramão dessa corrente cega do mundo "moderno".

    Cupuaçu? hahaha junto com a graviola, banana da terra e carne seca seria um sonho achar por essas bandas! :P

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Mile, você que é sempre atenciosa... Eu já tive site e sei que esse negócio dá trabalho pacas, viu! Esse lance da gasolina uruguaia, já tinha lido que é cara mesmo. E assim como você, também vou de táxi!

      Só um detalhe específico sobre o que lhe perguntei: em relação a viver no Uruguai, você acha que o valor que recebo (em torno de 30.000 pesos) é considerado alto, na média, ou baixo por aí?

      Snif! Não tem cupuaçu... Meu suco preferido (rs)!

      Excluir
    2. Obrigada você, Alex! Faz esse espaço mais interativo! ;)

      Olha, isso é muito relativo, mas eu acredito que seja considerado médio! Dependendo do estilo de vida dá para viver sossegado!

      Abraço!

      Excluir
    3. Oi Mile, estou pretendendo ir para o Uruguai mês que vem curti um pouco, vou ficar 9 dias, gostaria de saber se é muito caro pra comprar coisas, comer, roupas, enfim, antes pensava em ir pro Chile mas uma amiga minha que esta la disse que ta tudo muito caro, agora estou definindo outro lugar e me veio o Uruguai, enfim (de novo), se puder me dar uns toques sobre ficarei muito grato!
      Abs

      Excluir
  3. Olá Mile,

    Parabéns pelo post, super didático e bom de ler, matou grande parte da minha curiosidade sobre a vida no Uruguay. Só estou esperando uma oportunidade de visita-lo novamente.

    Um abraço,
    Madson.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Madson!

      Muito obrigada! Que essa oportunidade chegue logo e você possa passear bastante! ;)

      Abraço!

      Excluir
  4. Olá, estava pesquisando sobre o Uruguai e encontrei seu blog. Excelente conteúdo por sinal!

    Como funciona o quesito qualidade de vida no Uruguai? O ensino público funciona? Hospital público é bom? E um dos principais: A segurança. Pode andar tranquilamente pelas ruas de Montevidéu? Tanto de dia quanto a noite?
    Existem alguns lugares ou bairros a serem evitados?

    E as demais cidades/estados? Quanto mais pro interior, mais tranquilo é? Quais você recomendaria para eu ir com esposa e filho pequeno.

    Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Muito obrigada! ;)

      Essas perguntas são bem relativas e depende muito da vida que cada um leva aqui, da experiência que cada um tem.

      Eu considero a qualidade de vida boa, apesar das coisas não serem baratas - comida e moradia por exemplo - e do nível de violência urbana estar crescendo, ainda acho um lugar com suas particularidades especiais!

      O ensino público no meu ponto de vista funciona, conheço pessoas que estudaram em escolas públicas e o nível de educação não deixa a desejar ao de nenhuma escola privada que eu estudei no Brasil. Como disse no post, ensino superior também é garantido, ainda que tenha suas falhas, é algo garantido pelo Estado.

      Sobre saúde pública não conheço a realidade para comentar, nunca precisei usar.

      E segurança, é como toda cidade grande, nem em países considerados de "primeiro mundo" que já estive, existia essa garantia de paz plena, claro que a probabilidade de um assalto a mão armada era menor, mas bandido e zonas menos seguras tem em todo o mundo...

      Sim, quanto mais para o interior, mais tranquila a vida.
      Para indicar depende do que está buscando, é mais tranquilo, mas é mais difícil começar a vida, há menos oferta de emprego por exemplo, mas se dinheiro não é problema, eu indicaria Salto, é uma cidade pequena com opções de lazer...

      Abraço!

      Excluir
  5. Tem uma uruguaia na igreja onde reúno e ela precisa e quer se legalizar e tornar-se cidadã brasileira. Vc. Pode informar quais os passos ela deverá seguir? Ela precisa de um atestado de antecedentes criminais do Uruguai, mas não pode ir aí. No Consulado uruguaio ela consegue isso? Estamos em Vitória-ES
    Se puder nos ajudar meu e-mail é: madadedeus@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Acho que o melhor é buscarem informação segura no consulado!
      Os funcionários tem mais condições de explicar os procedimentos corretos e documentos necessários.

      Abraço!

      Excluir
  6. Oi Mile Cardoso, parabens pelo posto, bem informativo.

    Estou pensando em larga tudo aqui no Brasil e pretendo passar um bom tempo no Uruguai, Tenho 23 anos nao tenho ensino superior so cursos basicos Informatica, autocad, fotoshop etc...

    Mas ja estou decidido e vou! So que como nao quero pedir nada a meus pais pretendo ir com uns 1 600 $ sei que é loucura mas nao ligo de trabalhar em trabalho "nao digno".

    Queria ver oque voce acha ja que tu mora ai a um bom tempo e umas dicas de quando eu chegar por ae! =]

    Impossivel é so questao de opnião!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lucas! Muito obrigada!

      Olha, a sorte de Chico não é a de Francisco! No meu caso tive muita dificuldade em conseguir um emprego legal, levou mais de 1 ano para ter uma oportunidade!

      Quando a gente planeja uma mudança assim sempre tende a acreditar que de um jeito ou outro tudo vai se resolver, é normal minimizar o peso das dificuldades quando estamos programando, então o que posso dizer é que avalie bem todos os pontos.

      Se vale a pena ou não só você saberá dizer, a gente tem que estar em paz com as decisões que toma, se eu fosse dar bola para o que a maioria das pessoas pensam sobre a minha mudança, estaria perdida! :P

      Abraço!

      Excluir
  7. Oi Mile, estava buscando experiências compartilhadas sobre Montevidéu e encontrei seus dois blogs.
    Meu namorado também é uruguaio e também me mudarei para vivermos juntos aí.
    Durante estes anos de namoro, sempre que estou no Uruguai vou conhecer algum lugar diferente e foi muito legal ver você dando dicas fora dos clichês. Há tanta coisa linda além de Punta de Leste e Colônia!
    Me mudo em dezembro e mesmo antes de ler sua visão sobre o mercado de trabalho já ficava tensa, pois acompanho as vagas pelo "El país" e "Buscojobs" e já havia percebido maior demanda para call center. Mas, fazer o que né, durante o primeiro ano meu diploma ainda estará sendo validado pela Udelar, o emprego que pintar será lucro! Você validou o seu? Quanto tempo levou? O meu é de psicologia e segundo a faculdade daí, um ano é o tempo habitual.
    Que bom ter acesso a uma brasileira em Montevidéu, creio que vou precisar de algumas indicações que só mulheres podem fazer. Como por exemplo uma depiladora de confiança, você já encontrou?
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi querida! Muito obrigada pelo comentário!
      Olha só, mais uma brasileira, seja bem-vinda e que tenha muita paciência e felicidade na nova vida em terras charruas! ;)

      Dá uma olhada também no site do gallito.com.uy e uy.computrabajo.com , tem bastante ofertas e acho mais eficaz que o Buscojobs e El Pais.

      Não validei meu titulo, infelizmente Direito é especialmente mais complicado que as demais carreiras! Estive a ponto de iniciar os tramites porque queria fazer uma pós, acabei temporariamente desistindo, primeiro porque fiquei na dúvida se fazia algo relacionado a rrhh ou direito mesmo, e depois porque uma pós aqui custa o dobro que no Brasil.

      Há bastante oferta para psicólogos em rrhh, muita mesmo! Em contrapartida há muitos psicólogos no país, essa semana li um artigo que é o país com mais psicólogos por habitantes (http://www.elpais.com.uy/suplemento/ds/el-uruguay-analizado/sds_659551_120826.html#.UDrXg7F1pzW.facebook).

      Menina, acredita que até hoje não encontrei depiladora!? Já consegui para cortar cabelo, fazer escova inteligente, mas para depilar, não!

      Abraço!


      Excluir
    2. Como assim?? As mulheres não se depilam no Uruguai???? rsrsrs

      Excluir
  8. Olá Mille, muito bacana o seu blog.
    Estava pesquisando sobre o Uruguai e o encontrei.
    Eu e meu namorado conhecemos o Uruguai e nos apaixonamos por esse país. Já que vc já vive aí. Gostaria de saber se comprar uma residência facilita o visto permanente no pais(Já que nós dois somos brasileiros)??
    E com relação a profissão, nós dois temos nivel superior. Como fazemos para atuar nas nossas áreas? No caso, seria necessário fazermos uma pós ou algo parecido?
    Um beijo e desde já, gracias.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Muito obrigada! ;)

      Olha, não há necessidade de comprar um imóvel para postular a residência permanente. Não saberia dizer se a compra agilizaria alguma coisa...
      Tenho amigas que tiraram a residencia do Mercosul que são 2 anos porque o processo é mais rápido e tenho uma conhecida que está com os tramites da residencia permanente.
      No site da Dirección Nacional de Migraciones tem os requisitos: http://www.dnm.minterior.gub.uy/tramites_residencias_definitiva_requisitos.php

      Com relação a emprego acho sempre um tema delicado, segundo a experiência que vivo, acho importante levar em conta que educação aqui é um direito acessível a muita gente, a depender da área de formação contar com um título universitário sendo estrangeiro não torna as coisas tão mais fáceis.
      No geral as empresas valorizam demais indicação - isso é o que mais me incomoda, referências e experiência na função.

      Para exercer teria o processo de revalida do titulo que independe de uma pós e o processo varia de acordo a carreira e instituição, por exemplo Direito na faculdade pública seria necessário cursar determinadas matérias que levariam mais 3 anos de estudos...

      Abraço! ;)

      Excluir
    2. Obrigada, querida, pela atenção!
      Deu para perceber que vc é uma pessoa muito atenciosa e perspicaz. Vou averiguar o site!
      Um grande abraço.

      Excluir
    3. Oi Mile, não resisti e voltei para te alugar mais um pouco, perdão.
      Estava olhando os trâmites e surgiram algumas dúvidas. Na verdade, foi uma ideia que passou na nossa cabeça,p o futuro. E como não é ainda uma decisão séria,ao invés de ir diretamente ao consulado aqui, recorri à internet e foi dessa forma que encontrei vc.
      Sim, voltando, estava olhando os trâmites e como disse(repetindo) surgiram algumas dúvidas. Qdo vc foi vc foi com visto de turista (3 meses?) e como entendi a partir de seu blog, vc requisitou o visto mercosul aí, né isso? Pela internet me informei que temos que comprovar contrato de trabalho ou algo semelhante para essa solicitação. No seu caso vc já estava trabalhando? Ou eles não são muito rígidos com isso? Outra coisa com relação à antecedentes criminais, vc não teve que agilizar aqui no Brasil? Sou muito grata com sua atenção. Irá nos ajudar bastante. Ah, outra coisa que li, foi com relação à docência. Pelo que entendi nessa área não necessita revalidação (é isso?) Sou professora de artes aqui em Fortaleza e meu namorado(noivo) nutricionista.Vamos casar no final desse ano e penso numa vida mais calma (ele também). Mas, ficamos receosos, entende? Ele muito mais do que eu. Ele é mais apegado à bens materias e se preocupa muito com o futuro. Eu não, se pudesse já estava aí.Qdo a gente perde pessoas amadas na vida, as coisas ficam muito mais simples e o apego some.Se tivermos medo de tudo, a gente acaba não fazendo nada nesta vida tão efêmera e curta. Espero convencê-lo! Ui, isso soou como um desabafo... Fui digitando digitando e nem percebi. rs. Me desculpe.


      Grande abraço e seja feliz.

      Excluir
    4. Sim, você pode chegar com o visto de turista e ir diretamente na Dirección de Migraciones solicitar a residência Mercosul!

      Minha dica é já trazer a certidão de nascimento - não pode estar plastificada - legalizada por um consulado uruguaio no Brasil, depois tem outro tramite que faz aqui e custa uns 100 reais a tradução juramentada. Já trazendo isso, já é uma mão na roda!
      Depois os antecedentes penais emitido pela PF no Brasil - te entregam em 48h, ou pode emitir pela internet aqui no consulado brasileiro também, fique tranquila que no consulado brasileiro e na Direccion de Migraciones te explicam todo o passo a passo.

      Para a residencia definitiva é obrigatório estar trabalhando e é um sem fim de tramites, documentos da empresa, legalizações! A do Mercosul é um pouco mais simples. Ambas demoram em média 2 meses para ter a primeira "cita", você vai lá e agenda um dia para começar os tramites.


      Espero ter ajudado...

      Abraço! ;)

      Excluir
    5. Ajudou muito, querida Mile!
      Muito Obrigada pelas informsções tão precisas!
      Eu achava que até mesmo p/ o visto mercosul, necessitava ter algo produtivo aí (algum trabalho). Não precisa está na ativa? Algum curso ou algo do tipo? rs
      Acho que acabei lhe fazendo outra pergunta e te alugando mais um pouquinho!!

      Abraços e MUITA SORTE :)

      Excluir
    6. Oi Mile, vim passear no seu blog.. Vc foi tão gentil e atenciosa que gostaria de compartilhar com vc, o nosso desfecho. Bem, resolvemos ficar por aqui mesmo.Como resposta do destino surgiu um melhor emprego p o meu noivo (e ele está gostando muito) e sempre gostei do meu! O nosso motivo mesmo foi pq nos apaixonamos pelo paisito (como vc mesma o chama). Mas, fortaleza é legal tb.. Não é como a Bahia que acho um estado nordestino bastante violento. A violência lá só cresce.. Tenho familiares lá!
      Obrigada mais uma vez pelo blog, pela atenção e boa vontade..
      Continuarei lendo o! É um espaço bom p/ descobrir coisas.. e trocando informações podemos ajudar muita gente.
      Um grande beijo e boa sorte!

      Excluir
    7. Muito obrigada pelo carinho de voltar e contar sua decisão! ;)

      Que bom que as coisas foram se encaixando, né? Vocês podem visitar o paisito sempre que tiverem oportunidade, trazer e levar essa energia boa.

      Continua mesmo aparecendo por aqui!
      Beijão!

      Excluir
  9. Estimada Mile, parabéns por seu blog. Fiquei fascinada com a sua simpatia e também sua boa vontade emtransmitir seus cumprimentos. Gostaria de lhe pedir nalgumas questões. Sou Portuguesa e tanto eu quanto meu marido somos Aposentados, com salário médio alto para a Europa.Vivemos em Lisboa, estamos pensando em mudar para o Uruguai pois gostamos de tudo o que temos vindo a saber sobre o País. Como sabe Portugal atravessa uma crise económica grande a vida cá tornou-se cara. Estamos a pensar ir primeiro de férias por 15 dias ou um mês e depois aí sabermos melhor juntos dos Serviços o que necessitamos para residir. O facto de não irmos procurrar trabalho já deve ajudar não acha? Qual o melhor local junto da praia para se morar na sua opinião? e em local pequeno e calmo?
    Ficar-lhe-ei grata.
    Um abaraço

    Maria Peyroteo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maria, muito obrigada!
      Compartilhar minhas experiências nesse espaço tem sido uma grata surpresa por comentários como este! ;)

      Sinceramente acho aqui o lugar ideal para viver depois da aposentadoria, há muitos estrangeiros fazendo isso no departamento de Maldonado (Punta del Este, Piriapolis e outros pueblitos).

      Comparado com outros países da América do Sul, o nível de vida não é barato, em compensação o nível de tranquilidade e educação que encontramos aqui é superior a maioria dos países latinos.

      Apesar de achar que vocês irão optar pela mudança, acho super válida a ideia de provar por 15 dias ou 1 mês, afinal é uma mudança intensa.

      Não haverá problemas na permanência legal no país, uma vez que demonstram ter ingressos mensais fixos. É só ter paciência com a burocracia dos tramites comuns em qualquer Estado...

      Recomendo que venham entre novembro e dezembro, ou fevereiro e abril, explico: com sol e calor tudo é mais encantador!
      Excluiria o mês de janeiro porque é temporada altíssima, parece que todo o país tira férias nesse período e o aluguel de uma casinha aconchegante em Piriapolis tem como média 100 usd por dia, e há muita gente nas praias, quando em outros meses ainda na temporada de verão/férias é possível encontrar pela metade desse preço!

      Se pudesse escolher um lugar para viver tranquila, elegeria Piriapolis! Confesso que já me vi diversas vezes com um pouco mais de idade, vivendo sem pressa numa casinha fofa com uma pequena horta nos fundos! ;)

      Ah, aqui faz frio, bastante frio no inverno...

      Abraço!

      Excluir
  10. Estava a navegar e cai aqui em seu Blog amiga,...

    fiquei encantado, darias certo em qualquer país,...

    como se comunica, indica,... e postura.

    Um abraço do amigo Marcelo Machado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ô Marcelo, muito obrigada por tanta gentileza! ;)
      Fico feliz que tenha gostado... volte sempre!

      Abraço!

      Excluir
  11. Olá, adorei o seu blog! Estive recentemente em Montevideo e ficamos encantados com a cidade. A ponto de despertarmos o interesse de minha sogra a retornar permanentemente para sua terra natal, terra esta que ela não visita a alguns anos. Gostaríamos de poder contar com sua ajuda, pois você como moradora da cidade poderia nos dar algumas dicas!
    Se não houver problema por favor me responda.
    Desde já obrigada por suas informações esclarecedoras e saiba que ganhou mais uma fã, que irá acompanhar seus posts e notícias.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Liliana! Muito obrigada! ;)
      Não há problema, fique a vontade para perguntar, se eu puder ajudar, ajudo com gosto! Ando um pouco ausente do blog, mas sempre que tenho um tempinho passo aqui.

      Se não quiser postar por aqui, pode mandar um e-mail (jcardoso.jamile@gmail.com).

      Abraço!

      Excluir
  12. Olá, Mile. Parabéns pelo seu estilo receptivo, franco, acessível, despretensioso, enfim, um presente. Seu q vc já se acostumou a ler elogios a seu respeito, mas, acredite, eles são sinceros: Vc cativa aos desconhecidos com muita naturalidade, talvez seu verdadeiro talento esteja na área da literatura, pois interesse alheio no que escreve é algo que os autores/escritores sonham conquistar.
    Bom, vou querer tb um naquinho dessa sua gentileza espontânea e solicitar umas infos também.
    Sou aposentado, 42 anos, com esposa jovem e 3 filhos menores (12, 8 e 1). Mudando para o Uruguay, eles teriam acesso a escola gratuita aí? Inclusive faculdade?
    Muito obrigado por tudo q já publicou. Fique com Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Francisco querido, muito obrigado! ;)

      De verdade é uma satisfação ler os comentários de vocês!

      Sim, mudando para cá e tramitando a cedula uruguaya seus filhos poderão ingressar a faculdade pública que por sorte o acesso, inclusive em carreiras como Direito e Medicina, é muito mais amplo comparado a nosso ensino público no Brasil.

      Abraço!

      Excluir
    2. Mais uma vez, obrigado pelas informações, Mile.
      Minha cara, esta Cédula que vc citou, é o que, mais especificamente? Um tipo de visto de permanência?
      Outra: quanto custaria o aluguel de um apartamento ou casa(+ ou - 100m²) numa área residencial tranquila e bem localizada, sem necessariamente ser bairro elite?
      Um abraço e fique com Deus.

      Excluir
    3. De nada! ;)
      A cedula é a identidade uruguaia, conseguimos dando entrada nos tramites do visto mercosul, por exemplo.

      Dá uma olhada no site www.gallito.com.uy lá tem preços de alugueis em todos os bairros.
      Esses bairros residenciais tem bons preços: La Blanqueada, Tres Cruces, Cordon, Malvin, Prado.

      Claro que dentro de cada bairro sempre tem a melhor zona e os preços variam de acordo a localização dentro do próprio bairro.
      Zonas caras: Pocitos, Puerto Buceo, Punta Carretas, Carrasco.

      Abraço!

      Excluir
  13. Olá, Mile! Faço eco aos elogios anteriores. Muito bom o blog e bastante informativo! Também sou soteropolitano e estou indo morar 6 meses no Uruguay a partir do mês que vem. Como estou indo sozinho e nunca me importei muito com luxo, estou a procura de um apartamento mobiliado simples em Montevideo quarto e sala ou até mesmo um monoambiente. Dei uma olhada no site que você postou anteriormente, o Gallito, e achei um apt monoambiente mobiliado por U$S 1.200 com água e luz inclusos. Você acha que este preço está na média? Gostaria de saber pela sua experiência como foi alugar um apartamento aí no Uruguay sendo estrangeira e quais documentos foram necessários. E se você tiver algumas sugestões de apartamentos nesta faixa de preço pra me indicar, serei eternamente grato.

    Abraços da Bahia,

    Victor Jah

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este apartamento que falei está com o preço em dólar, pensei que estivesse em peso uruguaio, ou seja, está totalmente fora das minhas condições financeiras. Estou à procura de algo bem mais em conta.

      Abraços,

      Victor Jah

      Excluir
    2. Oi Victor!
      Olha só outro baiano em terras charruas, que legal!

      Esse preço está bem salgado! Em regra apartamento mobiliado e por temporada é bem mais caro em qualquer lugar, aqui não é diferente... meu conselho é procurar no centro, talvez você encontre mais coisas estando aqui, pode ficar uns dias em hostel e ficar procurando!

      A maioria dos meus colegas de trabalho jovens vivem no Centro, há muitas republicas estudantis também - não sei se você vem para intercambio ou coisa parecida.

      Tenho uma amiga que trabalha num site de anúncios de aptos, não consigo encontrar o link, vou perguntar e assim que tiver, posto aqui!

      Sobre a papelada, como convivo com meu namorado e ele é uruguaio, tudo está no nome dele... ainda assim é burocrático!

      Abraço!

      Excluir
    3. Olá Mile! Obrigado pela resposta, realmente devo achar algo com preço bom só quando estiver por aí.

      Como não estou fazendo essa viagem pela universidade, acho que não daria pra eu conseguir uma vaga numa republica estudantil, por isso já dei uma pesquisada em alguns hosteis e albergues pra ficar enquanto procuro apartamento.

      Obrigado novamente pela resposta e se eu tiver mais alguma dúvida volto aqui pra te importunar. haha

      Abraços,

      Victor Jah

      Excluir
    4. Imagina, Vitor! É sempre um prazer ajudar, já vivi em outros lugares e sei como é essa curiosidade antes da viagem de buscar informações, já perguntei muita coisa a muita gente também rsrs! ;)

      Excluir
  14. Olá Jamile, estava pesquisando coisas da Argentina na net e acabei me deparando com o seu blog. Fiquei curioso p saber quais são os trabalhos que necessitam de gente falando português.Tanto aí,como na Argentina.. Seria em hotéis, agências de viagens?

    Muito bom o seu blog..Além de informativo é muito criativo.

    Abraços,

    Marcelo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marcelo! Muito obrigada!

      Os empregos são para call center, serviço de atenção ao cliente, e acho bem pesado escutar só reclamação todo o dia! É uma experiência que serviu para aprender muito da vida, mas não repetiria.

      Uma das maiores empresas daqui presta serviço para seguro de automóveis, depois tem algumas de cassinos e jogos on line que acredito que seja mais ameno o trato com o cliente já que ninguém liga muito histérico. Tem outra empresa que vende pacotes de viagens. Há um instituto de pesquisas tipo o Ibope que também contrata gente para ligar pra "X" pessoas perguntando coisas...

      Abraço!

      Excluir
  15. Muito Obrigado,Jamile!
    Vc deixou uma pessoa feliz!Uma não,acredito que vc deixa todos os seus leitores felizes com informações tão precisas e oportunas!
    Se não for abusar muito da sua cordialidade e gentileza gostaria de saber em qual porta bater p buscar esses empregos!!
    Penso em passar um tempo aí, tenho uma reserva, mas quero trabalhar porque não consigo ficar parado e também p aliviar nas finanças!
    Será que é algo viável postar os "nomes" das empresas onde brasileiros podem recorrer à empregos aí?
    Quero procurar pessoalmente (ou levar currículo pessoalmente), eu gostei das opções!!Principalmente, a de pacotes de viagens!
    Eles têm preferência de sexo ou idade??
    Beijos e muito obrigado!

    Marcelo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Mile, vim conferir novamente seu blog e lembrei de completar minha pergunta e uma preocupação que veio à meus pensamentos.Eu sou nivel avançado em espanhol(experiência comprovada),mas sou péssimo em inglês!!Além de ter aprendido em escola particular, até fiz um curso de extensão, qdo estava na faculdade.. Mas não rendeu muito. Não adianta.. Eu e o inglês não nos entendemos. Fiz 3 semestres e desisti na metade do terceiro rs, sem sorte nem os comprovantes eu tenho!!
      Vc acha que posso ter problemas por conta disto? Em especial nesses cargos e empresas que necessitam de "gente falando português"

      Atenciosamente,

      Marcelo

      Excluir
    2. Oi Marcelo! Muito obrigada! ;)

      Olha, acredito que não há preferência para estes trabalhos em call center, basta dominar o idioma que a empresa necessita, sempre vi muita gente diferente, várias "tribos", fiquei pouco tempo, mas tive essa impressão.

      Para call center tendo o português e espanhol já resolve, para empregos administrativos já é requerido o inglês e pela minha experiência é algo bem difícil de conseguir!

      Sobre as empresas que trabalham para o mercado brasileiro, dá uma olhadinha nos sites de ofertas de emprego - tem os links no post - que você vê os avisos das empresas buscando gente com português. Para citar algumas de call center: Mapfre, RCI e Atento - nunca trabalhei nessas, então não tenho como dar mais detalhes.

      Abraço! ;)

      Excluir
    3. Obrigada, querida!
      Agora só preciso me organizar.. E pesquisar mais um pouco!

      Abraços!
      Valeu mesmo pelas dicas!

      Excluir
    4. De nada, Marcelo! Volte sempre! ;)

      Excluir
  16. Querida, estava vendo tb sobre alquiler..
    Pede-se como garantia: Anda o Contaduría ?
    Poderia explicar-me.. Qué pasa? rs

    Abraços,

    Marcelo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcelo,

      Contaduría tem que ser empregado público, dessa forma o Estado desconta o aluguel do salário da pessoa e não precisa de garantia.

      Anda é outra forma de dar a garantia, a pessoa se faz sócia - a depender do salário - e paga-se uma cota mensal para chegar em determinado valor e eles asseguram a garantia.

      A forma mais simples é a pessoa ter o dinheiro correspondente a 6 meses de aluguel e aí faz uma conta conjunta com a imobiliária ou dono do apartamento, terminado o contrato de aluguel você retira esse dinheiro corrigido pelo tempo que ficou no banco, como uma poupança.

      Sim, é complicado o processo de aluguel rs...

      Abraço!

      Excluir
    2. rsrsrs..
      É assim mesmo;)
      Para sermos felizes, às vezes, necessitamos correr atrás um pouquinho..
      Fico muito agradecido pelas informações.Muito mesmo!
      Essas explicações nos ajudam a esclarecer mais as ideias.. Deus te abençoe sempre!

      Um abração,

      Marcelo

      Excluir
  17. Precisod e um conselho sobre empresa de telefonia.
    Não vivo sem celular. Tem alguma prestadora de celular pré-pago que recomenda?
    Usei bastante em BsAs (contatando amigos e para pedr pedir taxi, por exemplo).
    Acho melhor que usar roamming.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Line!

      Eu uso Antel e nunca tive problemas! Gosto da movistar também!

      Não se recomenda muito a Claro!

      Abraço!

      Excluir
  18. Ola mile moro em Sorocaba SP minha filha esta indo fazer medicina na Argentina em São Tome divis com São Borja RS , mas vendo seu Blog achie interessante ela estudar ai vc poderia me dizer o custo da Faculdade de medicina ai mensal , e se tem vestibular para o ingresso ou é igual a argentina apenas saber espanhol esta dentro , minha sobrinha fez na argentia e ja validou o diploma e esta ja na ativa aqui em sorocaba como medica .eu vi uma www.fmed.edu.uy mas pelo horaio agora a noite liguei la e me pediram para falar amanhã na secretaria , mas voltando ao caso minha filha tem 19 anos da Dó de manda-la ai , mas aqui não adianta querermos pagar a faculdade particular , poiis a vaga é 40 x 1 ai é dificil né

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rocenil!

      A faculdade de medicina aqui é pública e não há vestibular para entrar, no entanto creio que é necessário estar legalizado no país para poder cursar.

      O custo de vida aqui é alto e o curso de medicina a média para conclui-lo é de 10 anos.

      Abraço!

      Excluir
    2. Oi Mile: gostei demais das suas informações sobre o Uruguai.Sou aposentado no Brasil e pretendo comprar um monoambiente no centro de Montevidéu e você,gentilmente, me elucidou sobre o visto de residência no país(Mercosul).Estive no Uruguai por mais de vinte e cinco vezes e acho o pais com um nível cultural muito elevado e o comportamento das pessoas muito conservador e tradicional,o que realmente vem de encontro ao meu perfil de personalidade.Gostaria de registrar o meu profundo agradecimento pelas suas colocações e orientações aos brasileiros.Um abraço.Hilton Ronald

      Excluir
    3. Olá Ronald! Muito obrigada pelo comentário tão gentil!

      Desejo muita felicidade nessa sua nova etapa aqui no paisito! ;)

      Abraço.

      Excluir
  19. Oi mile,
    Parabéns pelo seu blog!
    Gostaria de ir pra ai pra morar .Tenho tres filhos, e gostaria de dar um futuro melhor pra eles. Aqui a violencia ta demais e decidi que quero ir para o Uruguai. Será que com uma renda de 5 mil reais (50 mil pesos) que teria de renda de aluguel, conseguiria viver tranquilamente ai?
    Eu e meu marido falamos ingles fluente mas espanhol vamos comecar a estudar agora, então creio que ele não conseguirá um bom emprego de imediato, mesmo sendo bacharel em administração, superior em tecnologia de processos gerenciais e MBA em controladoria, acho que sem espanhol dificilmente encontrará emprego na area. Pesquisei o catalogo de alguns mercados e fiquei pasma de como as coisas são caras. Poderia me dar uma ajuda? O que voce acha?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! ;)

      Olha, essa questão da renda x qualidade de vida é sempre bem relativo, tudo depende das prioridades de cada um...

      O caminho é esse mesmo de buscar os preços e ver o que se encaixa a seu perfil e ter uma noção da média fixa de gastos. Pontos a levar em conta, por exemplo seria o bairro e tipo de moradia, se vai usar transporte público ou comprar carro, a educação das crianças se será pública ou privada, gastos de lazer...

      Em relação ao idioma, acho que com disposição conseguimos muita coisa, seria uma barreira inicial, mas com o tempo é logo superada.

      O que eu observo aqui é que pessoas estrangeiras com certa qualificação podem até conseguir um emprego na área, mas quase sempre em cargos hierarquicamente inferiores aos que ocupavam no seu país de origem. A inserção laboral não é fácil, mas não é impossível!

      Tenho visto algumas matérias e estudos sobre estrangeiros que estão migrando para cá, com crises na Europa e certos fatores que atraem as pessoas a quererem viver aqui, é um movimento que começa a chamar a atenção dos uruguaios e acredito que as oportunidades podem melhorar muito num futuro próximo.

      Ah, comida em geral é caro mesmo, mas dá para comprar nas feiras que sai um pouquinho menos caro! ;)

      Abraço!

      Excluir
  20. Ah...
    Eu tenho 34 anos e ele 35
    A escola pública é segura? Há casos de bullying entre crianças contra estrangeiros na escola pública?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que há escolas seguras e outras não tão seguras.

      Tenho uma amiga que tem 2 filhas brasileiras - de 5 e 8 anos - e elas nunca sofreram discriminação na escola.

      Geralmente os uruguaios tem uma atitude bem positiva em relação aos brasileiros.

      Já percebi que o mesmo não ocorre com os peruanos e bolivianos, por exemplo! No Brasil lamentavelmente também, né? Basta vermos os casos de exploração trabalhista que a cada tanto aparece na mídia...

      Fiz o curso técnico numa faculdade privada aqui e meus companheiros sempre foram todos muito queridos, passaram todo o curso fazendo perguntas sobre a Bahia e o Brasil rsrs!

      Abraço!

      Excluir
  21. Mile! O blog ta show demais!
    Seu texto me ajudou muito, tirei algumas duvidas que tinha.
    Parabens e continue escrevendo!
    Tem algum email pra contato?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nathan! Muito obrigada pelo comentário e incentivo a seguir escrevendo! ;)

      Sim, meu e-mail é i jcardoso.jamile@gmail.com

      Abraço!

      Excluir
  22. Vc sabe como é o mercado de trabalho na área do meio ambiente por aí? Sou bióloga e estou pensando em passar um tempo no país. Se puder me dizer algo ou me indicar onde posso conseguir essa informação ficarei mto grata.

    Tenha um bom dia :)
    Mariana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mile, muito lindo tudo! Tive sorte ao encontrar seu blog! seguinte..sou gaúcho e vivo em santa Maia-RS. Atualmente estou de intercâmbio em Tucumán AR. Aqui conheci uma Uruguaya de Montevidéo e estou disposto a fazer o mesmo que você fez, viver ai e mudar tudo por ELA. Confesso que tenho um pouco de medo mas adoro de safios. Estou decidido a ir tentar viver próximo dela ai. Minha principal dúvida é, consigo alugar um espaço, pode ser pequeno, e comer com o salário base dai? Como estudante me conformo com o pouco e com o tempo e a vontade de buscar mais, creio que as coisas melhoram.. Desde já agradeço muito a ajuda, espero em breve estar desfrutando essa cidade, essa cultura linda e o meu amor também!

      Excluir
    2. Mile, muito lindo tudo! Tive sorte ao encontrar seu blog! seguinte..sou gaúcho e vivo em santa Maia-RS. Atualmente estou de intercâmbio em Tucumán AR. Aqui conheci uma Uruguaya de Montevidéo e estou disposto a fazer o mesmo que você fez, viver ai e mudar tudo por ELA. Confesso que tenho um pouco de medo mas adoro de safios. Estou decidido a ir tentar viver próximo dela ai. Minha principal dúvida é, consigo alugar um espaço, pode ser pequeno, e comer com o salário base dai? Como estudante me conformo com o pouco e com o tempo e a vontade de buscar mais, creio que as coisas melhoram.. Desde já agradeço muito a ajuda, espero em breve estar desfrutando essa cidade, essa cultura linda e o meu amor também!

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    4. Oi Mariana!

      Não conheço o campo de biologia aqui, mas você pode dar uma olhada no site da Udelar - facul pública - e ver se tem algum link ou noticias relacionadas.

      O site de emprego mais completo é o www.gallito.com.uy

      Tenha um bom dia também! ;)

      Excluir
  23. Mile, muito lindo tudo! Tive sorte ao encontrar seu blog! seguinte..sou gaúcho e vivo em santa Maria-RS. Atualmente estou de intercâmbio em Tucumán AR. Aqui conheci uma Uruguaya de Montevidéo e estou disposto a fazer o mesmo que você fez, viver ai e mudar tudo por ELA. Confesso que tenho um pouco de medo mas adoro desafios. Estou decidido a ir tentar viver próximo dela, ai. Minha principal dúvida é, consigo alugar um espaço, pode ser pequeno, e comer com o salário base dai? Como estudante me conformo com o pouco e com o tempo e a vontade de buscar mais, creio que as coisas melhoram.. Desde já agradeço muito a ajuda, espero em breve estar desfrutando essa cidade, essa cultura linda e o meu amor também!

    Excluir

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Owww que lindo! Menino, que bom encontrar um brasileiro que veio por amor rsrs! Até hoje só conhecia mulheres, lá no trabalho já até fazem piadas dizendo que as brasileiras estão "roubando" todos os bons uruguaios! :D

      Conheço muitos estudantes que vem do interior, todos dividem apartamento com algum amigo e a maioria se mantem com o salário que ganham. Não sei dizer se com os empregos mais comuns é possível alugar algo sozinho...

      Boa sorte na mudança!

      Abraço! ;)



      Excluir
  24. Mile, adorei seu blog. Já está salvo nos favoritos. Meu marido e eu estamos estruturando uma mudança para o Uruguay e seus comentários cairam como uma luva para nós. Obrigada, Patrícia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Patricia! Muito obrigada pelo comentário! ;)
      Boa sorte no planejamento da mudança.
      Abraço.

      Excluir
  25. Hola Mile, soy uruguaya y vivo en Santa Catarina, me gustó mucho lo que escribiste en tu blog, me pareció muy objetivo y seguramente de gran ayuda para cualquier Brasileño que quiera vivir en Uruguay. Deseo Uruguay te brinde un lugar donde puedas desarrollarte y cumplir algunos de tus sueños, Abrazo. Susana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hola Susana! ;)
      Muchas gracias, me alegro que te haya gustado.

      Espero que Brasil te permita cumplir tus sueños también.

      Abrazo!

      Excluir
  26. Ola Mile,
    Parabens pelo blog, já li quase todos os posts.
    Eu tenho uma dúvida que não consegui achar a resposta na internet. Eu estou comprando um casa no Uruguay e gostaria de levar meus móveis e pertences, você sabe como eu faço? se tenho que pagar impostos para isso?
    Obrigado mesmo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Flávio, desculpa me intrometer na conversa paralela que não é paralela.. Mas, quais foram os trâmites necessários e exigidos para a compra? Vc pesquisou em imobiliárias do Uruguay?
      É complicado..Com relação a papelada e tal?
      Ficarei grato pelas respostas!!

      Obrigado desde já!

      Excluir
    2. Marcelo, o pessoal da imobiliária Terramar no Uruguay está me ajudando com tudo, eles indicam alguns despachantes que fazem tua documentação uruguaia com isso pode comprar imoveis, abrir conta em conta em banco, é fácil e 100% legal.

      Excluir
    3. Cara,valeu!Obrigado!
      Deus lhe abençoe!

      Excluir
    4. Oi Flávio!
      Não tenho informação sobre os procedimentos uruguaios para esses casos, recomendo que entre em contato com o consulado solicitando maiores informações ou com uma empresa de mudança internacional ou ainda um despachante aduaneiro.

      Há procedimentos a serem realizados para saída da carga/mudança do Brasil: http://www.receita.fazenda.gov.br/aduana/viajantes/ViajanteSaindoBrasilSaber.htm

      Encontrei essa página que também pode te ajudar a coletar informações: http://www.logisticadescomplicada.com/passo-a-passo-para-sua-mudanca-internacional-bagagem/

      Abraço!

      Excluir
  27. Olá Mile, estava vendo os trâmites no site:Dirección de Migraciones e entendi que a certidão de nascimento legalizada pelo nosso consulado aqui (correspondente) é só necessário p/ menores de 18 anos, o que entendi é que a ID já basta. Será que isso faz parte de alguma atualização? (já que na sua época foram necessárias ambas?).E li também que os documentos brasileiros não necessitam de tradução (isso quer dizer tradução juramentada?)
    Não se preocupe em responder. Pode ser que sejam atualizações. Basta a gente correr atrás, mas se estiver ao seu alcance... Melhor ainda!
    Próxima pergunta(eu dou trabalho)rs, qdo vc cadastrou ou enviou seu currículo, vc enviou em português ou já traduzido para o espanhol!

    BRIGADÃO, DESDE JÁ

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marcelo!

      Todas as pessoas que conheço que fizeram o procedimento, fizeram com a certidão. Se houve alteração, não tenho conhecimento.

      Quanto ao CV sempre mande em espanhol, ainda que o cargo seja exclusivamente para trabalho em português.
      Quem vai receber esse cv é o pessoal do rh da empresa, e em regra eles não tem que saber nosso idioma. E para ser bem sincera nunca tive supervisora/coordenadora que soubesse efetivamente falar português rs...

      Excluir
  28. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  29. Olá Mile, muito bacana sua postagem sobre o Uruguay, parabéns, sua escrita é muito boa! Bom, estou pretendendo me mudar para esse país, mas tenho um pouco de receio, pois não sei falar espanhol, apenas inglês, mas nada que umas aulas não resolva.

    Embora seja um plano para concretizar daqui uns anos, após terminar a faculdade, quero aproveitar seu blog e tirar umas informações com você.

    Estou cursando Licenciatura em História e como você tem dito que educação é algo prioritário para os uruguaios, imagino que há oferta de trabalho para professores de ensino básico. Ou, você sabe me dizer se, para lecionar no Uruguay existe outros requisitos?

    Existe xenofobia no Uruguay? Os brasileiros são queridos?

    E a corrupção é tão escancarada como é no Brasil? Os impostos pagos têm retorno para a sociedade?

    Estou decidido a sair do Brasil devido a tanta corrupção e falta de perspectiva de vida. Sei que não devemos fugir dos problemas, mas enfrentá-los aqui no Brasil não é fácil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ednilson, muito obrigada pelo comentário! :)

      Sim, com força de vontade o idioma é uma barreira que logo vencemos!
      A educação acho melhor que no Brasil, principalmente na questão do acesso ao ensino público, porém atualmente não vive o melhor momento, infelizmente aqui também as condições de trabalho para os professores não são as melhores!

      Para poder lecionar aqui, acredito que primeiro terás que cursar algumas matérias para revalidar seu titulo, não sei informar todo o processo, mas você pode entrar em contato com a universidade e consultá-los.

      Acredito que os brasileiros são queridos aqui, sim! Já comentei que não vejo o mesmo em relação a outros povos latinos...

      Há corrupção, para mim menos que em nosso país, mas existe! As pessoas ainda demonstram repudio e indignação, não sei se resolvem, mas questionam e me alivia não ver tanto conformismo de "é normal".

      O Uruguay apesar de ter muitos aspectos culturais relevantes, ainda é um "país latino em desenvolvimento" com todas as vantagens e desvantagens que essa definição pode trazer. Não existe paraíso, há muita coisa podre também, mas há muita coisa linda, assim como no Brasil...

      Abraço!

      Excluir
  30. Olá gostaria de saber se dá para sobreviver ai com o salario mínimo uruguayo???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Tudo depende da vida que cada um leva, na minha opinião a resposta seria não, não é possível viver dignamente com o minimo...

      Abraço!

      Excluir
    2. Quanto é o salário mínimo uruguaio?

      Obrigada!

      Excluir
  31. Oi Mile , sou brasileira e nordestina como voce :)
    Achei super interessante seu blog , já li todos os links, rs .
    Estarei visitando o Uruguai durante o carnaval , e gostaria de saber quanto mais ou menos se gasta em 8 Dias com alimentação e quanto vc recomendaria levar em dinheiro ! Ah, e tbm gostaria da sua opniao , onde nao devo deixar de conhecer e o carnaval de la pedrera vale a pena ?
    Espero resposta e desde já agradeço :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Joyce! Muito obrigada pela visita, que bom que gostou do blog! :)

      Essa questão de quanto trazer é complicada porque depende de um monte de coisas, onde e o que comer, por exemplo! Há restaurantes e restaurantes...

      No geral com 220/250 se come bem!
      Se você vier na época do carnaval aconselho conhecer as murgas e candombe, sempre tem apresentações pela cidade.
      Gosto das feiras de villa biarritz e do parque rodo - o parque é imperdivel, passear pela rambla, conhecer o mercado do porto, caminhar pela ciudad vieja, se curtir teatro assistir alguma apresentação no teatro solis, comer muito: provar carnes, chivitos, empanadas, pastas, queijos, todas as sobremesas com doce de leite rs!
      E acho que vale muitooo a pena visitar alguma vinicola! É um passeio bem gostoso!

      Sobre ir a La Pedrera, se tiver no clima paquera e agito acho que dá pra ir, assim como em Punta del Diablo onde rolam várias festas! Se quiser algo mais sossegado, não recomendo ir nos dias de carnaval, mas em outros dias sim porque o lugar é uma delicia!

      Abraço!

      Excluir
  32. Oi Mile, adorei seu blog!
    Pretendo vicitar o Uruguai e suas informções são super úteis!
    Ao ler sua publicação e respostas tirei praticamente todas as minhas dúvidas!
    Parabéns! Estarei sempre por aqui pois amei vc e suas informações....
    Margarida

    ResponderExcluir
  33. Oi Margarida!
    Muito obrigada pela gentileza!
    Que dê tudo certo em sua viagem e continue aparecendo por aqui! ;)
    Abraço!

    ResponderExcluir
  34. Mile poderia me passar seu e-mail,pois gostaria de saber o que faço para abrir uma empresa no Uruguay.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Hugo!
      Infelizmente não tenho como ajudar muito, não estou por dentro de todos procedimentos para abertura de empresa aqui.

      Recomendo que verifique o site da DGI e BPS.

      Abraço.

      Excluir
  35. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  36. Oi, sério mesmo seu blog era tudo o que eu estava buscando !!! Bom acredito que a minha historia tem um pouco a ver com a sua ,então acho que você poderia me dar uma ajudinha rsrs. Bom, eu tenho 18 anos e necessito ir morar em Montevideo !!! O motivo desse desespero de ir pro uruguay é o mesmo que o seu rsrsr pois é , um pibe uruguayo.Eu ainda não tenho faculdade e gostaria de ir viver em Mdeo , não so por ele mais também pra poder fazer uma faculdade e ter uma vida ao lado dele , como ele mesmo me fala :ser ''una uruguaya mas''. Ele tem um amigo que aluga uma casa ''republica'' para meninas que vão para mdeo para estudar , voce acha que seria uma boa (até eu poder me estabilizar)? Eu pensei em uma kitinete ,vc sabe se sai caro? E eu nao sei se devo começar estudar depois conseguir um trabalho ou buscar um trabalho e depois estudar. Ele ja havia me dito desse call center e eu acho q seria uma boa(trabalho na adm de um call center atualmente ) , só nao sei se vou conseguir assim de cara. Quanto a faculdade eu gostaria de fazer pedagogia ''magisterio'' ou nutrição,pelo que eu sei acredito que essas areas tem espaço sim , oq voce acha? Bom ja perguntei de mais rsrs , mais gostaria muito da sua ajuda pois até o final de 2013 já quero estar ai .ojala !muito obrigada pela sua atenção , adorei seu blog , muito completo . espero por sua resposta ,saludos (:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ruchelle! Obrigada pelo comentário!

      Olha, uma mudança de país não é nada fácil! Vim pra cá aos 25 anos, já formada e com uma reserva financeira que me permitiu viver enquanto buscava me estabelecer.

      Sendo bem sincera, não me imagino passando por todas essas mudanças aos 18 anos, mas cada um sabe de seu cada um, né?

      Se você vem com o intuito de realmente estudar, acho válido. O país é caro para viver, trabalhar 8h por dia e ir a faculdade é difícil, vejo pelos companheiros de trabalho que ainda estudam e têm que se virar nos 30 (a faculdade aqui é puxada).

      Sobre qual carreira seguir isso só você pode escolher, quando a gente faz o que gosta, havendo maior ou menor demanda no mercado, uma hora encontra o espaço que precisa.

      Abraço!

      Excluir
  37. Menina, sempre procuro informações sobre o Uruguai e seu blog foi um achado.Não sou entendido em internet e espero que esteja enviando um recado para você.
    Desde pequenino sonho conhecer o Uruguai. E tomei uma decisão de não adiar mais os sonhos, afinal tenho 61 anos.
    Sou analista de sistemas, e professor de tai chi chuan há 35 anos.
    Quero dar vida nova a minha vida velha.
    Professor de Taichi Chuan teria chances ai?
    Ah, não se assuste com os 61 anos, a vida começa toda manhã.
    Parabens pelo blog, grato pela gentiliza de nos responder

    Muita paz,

    zeluis.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Zé Luis! Obrigada pelo comentário!

      Que bacana colocar os velhos sonhos em prática, né? ;)

      Não sei muito sobre Tai Chi, te passo o link da página de Tai Chi aqui do Uruguay, capaz encontra algo interessante lá: http://www.taichienuruguay.com/

      Abraço!

      Excluir
  38. Cristiano Sul de minas gerais
    oi Mile somente uma pergunta como é a distribuição de renda no URUGUAI , VC notou alguma desigualdade no país ?
    se em comporação com o Brasil é mais igualitário ou não ?

    UM ABRAÇO DESDE MINAS GERAIS PARA VOCÊ ..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cristiano!

      Há desigualdade social no Uruguay também. Há pobreza, corrupção, descaso, etc.

      Com base em um estudo da ONU, o país apresenta os menores índices de desigualdade da região da América Latina e Caribe, mas isso não quer dizer necessariamente que estamos mais próximos das condições e políticas sociais ideais.

      Abraço.

      Excluir
  39. Oi, Mile, tudo bem?

    Parabéns pelo blog. Você já está conhecida como a pessoa a ser procurada quando se tem alguma dúvida sobre o Uruguai. Já estive várias vezes em Montevidéo e Punta del Este, pois adoro o Uruguai, mas nunca estive em Montevidéo no final do ano. Já sei que as festas se concentram em Punta, mas existe algo para se fazer em Montevidéo? Há fogos na Rambla? Estarei hospedada no Centro, portanto você sabe se pelo menos há algum restaurante que tenha uma ceia festiva no dia 31/12 à noite?

    Um abraço, Denise

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Denise! Tudo bem e você?

      Muito obrigada pelo comentário!

      Estive todo o mês de dezembro de férias, com pouco acesso a internet como deve ser rs!

      Que tal contar como foi a noite de reveillon? Pode ajudar outras pessoas no futuro... nunca passei o ano novo aqui, então não tenho muito o que dizer!

      Abraço!

      Excluir
  40. Alexandre Carvalho. Brasília, 22 de Dezembro de 2012.

    Cara Mile,

    Parabéns pelo seu blog, ele é fantástico por si só e pela maneira clara como você expõe as situações vividas por você e a forma clara como esclareçe a todos. sensibilizou-me o comentário da uruguaya que vive em SC, cheio de gratidão a você. Não quero abusar de sua boa vontade, mas me interessa muito saber se é difícilabrir empresa no Uruguay, quais os trâmites, etc. Se houver algum site o qual vc possa me indicar, agradeço-lhe antecipadamente. e de maneira recíproca me coloco à disposição para conceder lhe quaisquer informações que venha por um acaso necessitar.

    Agradecida e atenciosamente.

    Alexandre Carvalho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alexandre!

      Muito obrigada pela gentileza!

      Sobre abrir empresa no Uruguay, recomendo que verifique os sites da DGI e BPS - órgãos onde deverá realizar o registro da empresa.

      Essa página tem informações importantes:
      http://ahorrar.com.uy/invertir/empresas-invertir/como-crear-una-empresa-en-uruguay/

      Abraço!

      Excluir
  41. Mile, muito bacana sua generosidade em auxiliar e satisfazer curiosidades e peculiaridades sobre o Uruguai. Um aposentado brasileiro consegue sobreviver bem neste país?. Qual a relação da moeda local como o real?. Quais são as marcas de automóveis que rodam no Uuguai? há assistência mecânica para as marcas brasileiras? é possível levar um carro nacional para aí? Quanto gastaria um classe média-média brasileiro num supermercado?
    Desde já, muito grato. Sim, a quantos gráus chega o inverno no Uruguai? minha esposa é maranhense, portanto ....

    Valdevir Galvão
    Araraquara, SP

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Valdevir! Muito obrigada pelo comentário!

      Depende do valor da aposentaria, depende da vida que a pessoa leva.
      É subjetivo definir quanto uma pessoa gastaria num mês, se avalio com base nas minhas necessidades chego a X, se avalio com base nas necessidades de outra pessoa chego a Y.

      O real nos últimos tempos, caiu bastante, atualmente R$1, equivale a 8,70 pesos uruguaios.

      Há muitos carros chineses/japoneses aqui, também há ford, chevrolet, fiat, peugeot, citroen, marcas que rodam no Brasil. Acredito que assistência mecânica é fácil de achar para todas as marcas.

      O inverno aqui é bem frio, pode chegar a 0 grau, algumas vezes com sensações térmicas negativas. O mais comum é uma média de 5 e 10 graus no inverno.

      Abraço!

      Excluir
  42. Mile, adorei o blog! E tenho uma pergunta... como faz para entrar nas faculdades do Uruguai? Em especial a Universidad de la Republica?
    Pretendo cursar medicina e, pelo que eu li nos comentários, não tem prova, então do que eu preciso? É necessário fazer algum ano extra, que não temos no Brasil, ou só com o colegial daqui eu posso entrar?

    Obrigada desde já!

    Renata.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Renata! Obrigada pelo comentário!

      Recomendo que verifique a página da Udelar (http://www.fmed.edu.uy/) para maiores informações sobre os tramites.

      Cada caso é um caso e a secretaria da faculdade te auxilia com os procedimentos.

      Abraço!

      Excluir
  43. Olá Mile, gostei muito do seu blog! parabénsss!!! olha, sou fascinado por países do Merco-sul, e um que me chama a atenção em especial é o Uruguai. Sou aposentado, gostaria de saber se com 4 salários mínimos (em reais), é possível viver uma vida razoável ai com minha esposa e filha. Outrossim, minha filha quer fazer medicina, vc pode me informar quais são as chances de Ela entrar ai para a faculdade? se é difícil ou não? e outra coisa também do tipo: custo de vida, aluguel e etc...

    Desde já atenciosamente, agradeço a vossa atenção!

    E um feliz 2013 cheio de muita paz, felicidade e alegria no coração!

    Claudio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Claudio! Obrigada pelo comentário! ;)

      É muito difícil mensurar o que seria razoável para cada pessoa, recomendo que verifique os links já disponibilizados, como sites de mercados, alugueis, para ter uma noção dos preços e custos de vida.

      Com dedicação para seguir os tramites, sua filha pode cursar medicina na faculdade pública.

      Abraço!

      Excluir
  44. Ola Mile , meu nome é Marcos moro em Sao paulo e meu filho estuda Medicina na Bolivia , eu gostaria de saber se a Medicina no Uruguay e semelhante a da Bolivia em questao da matricula e vestibular,por exemplo se chegarmos como brasileira podemos ingresar de imediato na faculdade? Ela é publica e nao paga é isso? .
    E que eu e minha familia estavamos pensando em ir mora na Bolivia mais dependendo se for melhor iriamos para ai , e vimos uma entrevista de seu presidente achamos muito interessante o formato com que ele lida com seu pais , e comparado com a Bolivia me parece que a frontera é mais facil a entrada e saida pelo Sul do Brasil , tbm porque voce menciona que empresas de telemarketing e como trabalho a mais de 20 anos nesta area me atraiu mais ai do que na Bolivia porque ai poderia trabalhar e ajudar meus filhos ou seja mais facil , mais gostaria de saber se todos nos podemos estudar Medicina ai inclusive eu de 44 anos e meus filhos um ja estuda a 1 ano o otro vai começar a estudar medicina agora e preocupado com um filho no ensino fundamental com 6 anos,estou preocupado se vai ter dificuldades .

    Desde de ja Agradeço a sua Atenção e desculpa pela pergunta imensa e de grande interece , Obrigado ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marcos! Obrigada pelo comentário!

      O Uruguay é muito, muito mais caro que a Bolívia. Não conheço a medicina da Bolívia para poder avaliar com a medicina daqui.
      A faculdade é pública e exige determinados requisitos para ingresso, cumprindo estes requisitos, é possível cursar qualquer carreira.

      Abraço!

      Excluir
  45. Na boa, ...acho que vc deveria fazer, ou mandar fazer uma revisão de tudo que é perguntado e respondido em português, e elaborar uma agenda-livro, para ser vendido aqui no Brásil, além de todas as informações, datas e aspctos detalhados da cultura uruguaya, daí vc procuraria uma parceria com uma empresa de intercambio ai no uruguay...o nosso país, cresceu...mas infelizmente não amadureceu, impostos, violência, aluguéis, custo de vida, a piora na educação..tudo aumentou, o povo vai ver que o Uruguay não é nenhuma Europa, mas comparado à America Latina, é um oasis!!...algumas vezes penso nas palavras de um querido amigo uruguayo (Eduardo Brocco).."O brasil só tem tamanho!!!"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. El Uruguay no quiere una persona aburrida cómo vos!

      Dale

      Seu incoveniente e deselegante!
      (imagine uma pessoa lhe dando língua)

      Excluir
    2. SOU INCOVINIENTE PORQUE FALO O QUE PENSO, EU NÃO SABIA QUE EU SÓ PODERIA FALAR O QUE OS OUTROS QUEREM OUVIR!É ALGUMA DITADURA ISSO? DESELEGANTE, EU??? NÃO FUI EU QUE CHAMEI NINGUÉM DE "ABURRIDO", SE TOCA!!!AH SIM...MEUS AMIGOS URUGUAIOS NÃO ACHAM QUE O URUGUAI NÃO ME QUER,A NÃO SER QUE VC SEJA ALGUM REPRESENTANTE DA POPULAÇÃO URUGUAI NO MUNDO, É ISSO MESMO???...GENTE COMO EU ENTRA EM QUALQUER LUGAR COLEGA!!!

      Excluir
  46. acho de verdade que vc pode fazer um bom dinheiro como uma "embaichadora" brasileira no uruguay, seu que seu intento é sincero em informar as pessoas sem um fim lucrativo, mas todos necessitar ganhar "la plata", então porque não unir o útil ao agradável? caso queira comentar , meu nome é Alexandre. topingles@hotmail.com;Forte abraço para vc e sua família!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alexandre, primeiro, vc que deveria fazer uma revisão do seu pensamento e da sua gramática.Brasil, não tem acento!Já intercâmbio,tem.
      aí no Uruguay, não ai no Uruguay.. Ai, Uruguay!!! O que foi, o Uruguay te bateu?
      Alguém aqui está falando que o Uruguay é algum país da Europa... Sim, que por sinal... Me parece que o continente europeu está em crise, né?
      Embaixadora é com X X X, ou será que qdo vc era criança vc não assistia o Show da XuXa...
      Mas todos necessitam (e não necessitar), agora vc virou índio!! UHHHHHHHHHHHHHHHH

      Excluir
  47. Oi, sério mesmo seu blog era tudo o que eu estava buscando !!! Bom acredito que a minha historia tem um pouco a ver com a sua ,então acho que você poderia me dar uma ajudinha rsrs. Bom, eu tenho 18 anos e necessito ir morar em Montevideo !!! O motivo desse desespero de ir pro uruguay é o mesmo que o seu rsrsr pois é , um pibe uruguayo.Eu ainda não tenho faculdade e gostaria de ir viver em Mdeo , não so por ele mais também pra poder fazer uma faculdade e ter uma vida ao lado dele , como ele mesmo me fala :ser ''una uruguaya mas''. Ele tem um amigo que aluga uma casa ''republica'' para meninas que vão para mdeo para estudar , voce acha que seria uma boa (até eu poder me estabilizar)? Eu pensei em uma kitinete ,vc sabe se sai caro? E eu nao sei se devo começar estudar depois conseguir um trabalho ou buscar um trabalho e depois estudar. Ele ja havia me dito desse call center e eu acho q seria uma boa(trabalho na adm de um call center atualmente ) , só nao sei se vou conseguir assim de cara. Quanto a faculdade eu gostaria de fazer pedagogia ''magisterio'' ou nutrição,pelo que eu sei acredito que essas areas tem espaço sim , oq voce acha? Bom ja perguntei de mais rsrs , mais gostaria muito da sua ajuda pois até o final de 2013 já quero estar ai .ojala !muito obrigada pela sua atenção , adorei seu blog , muito completo . espero por sua resposta ,saludos (:

    ResponderExcluir
  48. NÃO SEI SE AS PESSOAS DEVERIAM USAR O BLOG DOS OUTROS PARA FAZER ATAQUE A QUEM NÃO CONHECE, ESSA AGRESSIVIDADE E ESSA FALTA DE EDUCAÇÃO, É BEM TÍPICA DE ALGUNS BRASILEIROS. AQUI EU EXPUS MINHA OPINIÃO E SÓ. VIVI MUITO TEMPO FORA FALO 5 IDIOMAS E DE FATO O PORTUGUÊS NÃO É O MEU FORTE. SOU TRADUTOR PARA O EXÉRCITO AMERICANO E BRASILEIRO. TALVEZ O PORTUGUÊS ME INTERESSE MENOS...A EUROPA PODE ESTAR EM CRISE, MAS É UM CONTINENTE DE FORTE TRADIÇÃO CULTURAL, A HERANÇA EUROPÉIA EM TERMOS DE DIREITO E CONQUISTAS CIVIS É SEM PRECEDENTES NO MUNDO, NÃO DÁ PRA COMPARAR.
    SOBRE A XUXA, NÃO VOU NEM COMENTAR...É ALGUÉM QUE DESCONHEÇO COMPLETAMENTE!...VC QUE ME CRITICOU DEVE TER UM EXCELENTE PORTUGUÊS, MAS QUERO LEMBRAR QUE ESSE PERFIL DE PESSOA QUE CONHECE ALGUMA PEQUENA COISA E SE ACHA GRANDE COISA, É O MAIS COMUM DO MUNDO E MUITO GENÉRICO...SÃO ESSES TIPOS QUE FAZEM GUERRAS E PROMOVEM BARBÁRIES E GENOCÍDIOS DE TODO TIPO!!...SOMENTE PELO FATO DE SE ACHAREM MELHOR QUE OS OUTROS E DE SE SENTIREM NO DIREITO DO DESRESPEITO GRATUITO...QUANDO ESSE PERFIL DE CRIATURA SUMIR NO MUNDO, A VIDA SE TORNARÁ MUITO MENOS PESADA DE SE VIVER...!

    ALEXANDRE.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara ninguém aqui está afim de saber sobre sua vida particular e acho meio falta de educação uma pessoa, do nada, dá uma opinião tão íntima "de negócios e profissões para um pessoa que não conhece. E que pelo que percebi, não " está afim de ganhar direiro dessa forma". Isso aqui é um espaço lúdico, amigo e pelo que vejo, nunca surgiu ninguém com o seu perfil, do tipo: "VAMOS GANAR LA PLATA" UHHHHHHHH... Minha gente, o quê importa nessa vida é DINHEIRO, MONEY, LA PLATA, DINDIN, BUFUNFA. Acho que o perfil que combina mais com GUERRAS, GENOCÍDIO, ATAQUES DOIDOS NORTE - AMERICANOS EM ESCOLAS E CINEMAS É O SEU, meu chapa!! É aquele perfil frio, estratégico...Não acha??? É bem típico daquele perfil que só pensa em MONEY. Se bem que HITLER, aquele famoso por incitar la gran guerra mundial... Era sensível, sabia? Ele gostava de poesias...
      Vc deve ser um sujeito bem desagradável e o que vem de baixo, meu caro, não me atinge.
      Estude um pouco mais de psicanálise ou psicologia analítica. Vc conhece Jung (discípulo de Freud?) Acho que ele conseguiria traduzir as suas contradições...
      Quer uma dica, vai fazer análise... Já que vc se acha no direito de dar dicas,a escritora do blog. Vc deve ser bom de ouví-las tb, né?

      Abraços e vamos parar por aqui. Afinal,esse espaço me parece ser leve (sem suas dicas ambiciosas)

      Excluir
    2. O que vc acha não me importa, é irrelevante. Sou americano sim, com naturalidade brasileira. E tenho muito orgulho das duas condições. Se não gostou do que ouviu aprenda a ser gentil primeiro, para não ter que receber o que da e se queixar depois.Sua pseudo-intelectualidade é simplesmente patética, usea para vc mesmo se ela tiver proveito pelo menos pra vc!!!...sobre dinheiro, nosso povo; o americano é mais genuino e não é hipócrita, a vida poderia de fatp ter outra moeda de troca, mais enquanto isso não chega, ele, o dinheiro é importante sim, ele paga suas contas e é fundamental na qualidade de vida, para ter um opinião tão adversa, como dizem no brazil, vc deve viver de mesada! sobre o que as pessoas estão interessadas ou não , vc não pode falar por elas, isto aqui é um blog, e em um blog (os americanos criaram o blog) é um espaço com finalidade livre, mas se a ditadura perpetua ainda na cabeça de certos latino americanos, não sou eu a lamentar! falar de dinheiro em um blog é muito comum nos USA, porque os blogs tornam-se livros, isso é comum nos US e na communidade europeia, não sugeri não que em um país desenvolvido não se saiba. Americanos dizem o que pensam, essa é nossa cultura, não dizemos os que os outros querem ouvir, algo que os latinos precisam aprender a fazer e respeitar. O Uruguay é um pais pequeno, que tem belezas, mas de sérios problemas sociales e economicos, amigos uruguayos que vivem em brazil, todos dizem "não há emprego no urugauy, e muitas vezes procurar emprego é uma situação humilhante!!!!"...mas vcs querem convencer as pessoas que Uruguay é um paraiso em america de sul, já pensaram que pessoas podem gastar seus recursos de economias, separar de suas famílias por uma ideia errada??...apenas me defendi das grosserias que recebi neste blog, já que vc falou de nível...não voltarei a me expressar aqui...não tenho interesse por um blog fechado e que pessoas só tem e podem expressar um tipo de opinião, do contrário será profundamente derespeitada, como eu fui. Meu tempo é precioso! .

      Excluir
    3. Tudo que vc relatou aqui, não é novidade para mim. Falar a verdade é o meu forte... Hipocrisia não chega perto de nenhum rótulo que possa receber... Vc falou algo que acha, eu também. O mais grave das limitações humanas que conheço é qdo uma pessoa transforma uma "elucubração" em verdade absoluta ou questiona a sapiência de alguém, mesmo que a conheça(pois existem diversos tipos de inteligência, inclusive a emocional). Não, eu não vivo de mesada ( Graças à Deus)... Há muito tempo que não sei o quê é isso... E também não vem ao caso à minha profissão e cargos. Enfim, acho e sou muito a favor da liberdade de expressão. Mas, acho que não deve haver ironia nestas. Vc poderia ter sido claro ( exposto sua opinião) sem ironizar a coisa, tipo; " embaichadora" etc... Como inicialmente, se colocou. Me desculpe, eu tomei as dores,na verdade,e me expressei tb, pois desde sempre falo o que penso. E não suporto pessoas "irônicas".Acho que vc ganhará muito mais sendo direto, deixando seu recado(de forma sensata). Ironia só gera ironia e inimizades.
      Uruguay não é Europa, nem muito menos E.U.A, acho que todos sabem disso... Eu conheço Uruguayos mesmo, que moram aqui no Brasil, porque gostam do clima tropical etc, outros porque o avô (artísta plástico), veio p o Brasil, e posteriormente, a família veio, e gostou do clima, entende? Pelo que vejo aqui... As razões do interesse de uma mudança: é um namoro, ou clima, ou a tranquilidade da cidade etc... E por ter uma vasta fronteira com o Brasil, as pessoas acabam não se sentindo tão afastadas dos familiares..Entende?
      Eu já morei 2 anos na Espanha... E, sinceramente, não repetiria a experiência.

      Abraços,querido.

      Excluir
  49. Alexandre, só finalizando. Olha sua incoerência. Vc que se diz tão "sabichão" assim. Pra mim de sabichão vc não tem nada... Vá ser feliz, meu filho!Não sei se vc é uruguayo, norte -americano ou brasileiro. Mas, a primeira impressão que tive foi: Deve ser um Uruguayo "aburrido", altista ou sei lá o quê... Será que xenofóbico? Mas, com certeza, não tomarei nenhuma das minhas elucubrações, como verdade absoluta.
    Acho que de mente humana, eu entendo um pouquinho..
    Eu li sua alma, desde o início. Entendi que vc escreveu de forma irônica, desde o início.E vc só fez confirmar, com a sua contradição.
    Veja bem... Vc sugeriu a escritora pra fazer um livro, intercâmbio, coisa e tal... "Embaichadora" etc (embaixadora), e depois fala dos problemas sociais e da inflação uruguaya?!?
    Entende... Eu só me expressei tb, man...
    ODEIO IRONIA!
    ACREDITO QUE NINGUÉM GOSTE, PORQUE IRONIA NÃO É COISA BOA NEM AQUI E NEM EM NENHUM LUGAR :)

    ResponderExcluir
  50. Senhores, vamos manter a compostura, ok?

    Esse espaço é aberto, o blog atualmente tem um número grande de visitas, fato que sinceramente não esperava quando comecei a escrever e não gostaria de passar a moderar comentários, justamente porque acho que um blog só tem graça quando rola um intercambio de ideias e experiências com as pessoas que pelo interesse que seja, o visitam!
    Se não tivesse tolerância a opiniões diversas - inclusive diferentes das minhas - escreveria um diário privado, mas a partir do momento que publico minhas experiências a estranhos estou aberta a ouvir/ler a opinião alheia também, desde que haja respeito, é claro.

    Em nenhum momento EU trato de vender uma imagem ilusória do país, tenho consciência que quando as pessoas planejam uma mudança tendem a minimizar os problemas e focar nos aspectos positivos, isso não é restrito ao Uruguay, acontece em qualquer mudança que fazemos.
    Ocorre que não sou EU a responsável por dizer venha ou não venha a ninguém, essa decisão não me cabe.


    Em outra oportunidade comentei a outro leitor que:
    O Uruguay apesar de ter muitos aspectos culturais relevantes, ainda é um "país latino em desenvolvimento" com todas as vantagens e desvantagens que essa definição pode trazer. Não existe paraíso, há muita coisa podre também, mas há muita coisa linda, assim como no Brasil...

    Creio que há formas e formas de encarar a vida, a perfeição não existe - ainda bem! - e escolher viver aqui sem lamúrias pese certas dificuldades é minha opção e isso não quer dizer que acho que todo mundo deveria fazer o mesmo.

    Como disse a principio não esperava que o blog crescesse como cresceu e tenho outras atividades, sempre dediquei tempo como um hobby mesmo, mas ganhar dinheiro com blog hoje em dia é bem comum com anúncios, links publicitários, posts patrocinados, etc. Não descarto totalmente, mas nunca busquei nada.

    Grata pela compreensão!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  51. Olá Mile,poderia me tirar uma dúvida? Eu e meu marido pretendedmos morar nmo Uruguay e tenho entrado no site que você indicou "Gallito" e procurado sobre vendas de Comércios. Como funciona Petshop no Uruguay ? Vocês possuem? tem um nome específico? Obrigada Anna Beatriz e Fábio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Anna!

      Há petshop aqui no Uruguay, nunca prestei muita atenção nos nomes rs, mas acho que chamam pet shop mesmo. É comum chamar os bichinhos de "mascota" e acredito que alguns estabelecimentos devam usar este nome também.

      Como não tenho nenhum animal, nunca precisei entrar, mas pelo que vejo "por fora" funciona como no Brasil: tem veterinários, venda de animais e produtos de higiene, comida, brinquedos, etc.

      Abraço!

      Excluir
  52. Mile, muito bom o seu texto, sou uruguaio e moro no Brasil há 25 anos e a última vez que visitei o URUGUAY foi em 2006, confesso que logo de cara imaginei o motivo da sua mudança de país rs, fico feliz de ver que existem tantas pessoas interessadas em obter informações deste "paisito" como você gentilmente se citou, e reforço a sua impressão quanto ao interesse (e eu iria além, admiração) que as pessoas demonstram para com o Brasil e os brasileiros, isso já acontecia quando eu ainda morava em Montevideo nos bairros de la Aguada y também Sayago.
    Quanto ao conservadorismo, também senti quando visitei o país depois de me mudar, dá uma sensação de "atrasado" né? Sempre disse aos meus amigos que no Brasil existem mais possibilidades de se sobreviver do que no Uruguay, aqui se você pode se virar de várias formas, veja bem SOBREVIVER, existem mais oportunidades de bicos e quebra-galhos que possibilitam a subsistência de alguém, e realmente o que consideramos supérfluo aqui, é luxo aí, pelo menos essa é a impressão que eu tive na última vez que estive por aí.
    E a educação? sempre tive orgulho em dizer que o curso superior era garantido e tal, mas vejo que a situação não está tão boa, mas beleza, obrigado por compartilhar com todos as suas experiências e desejo tudo de bom a vocês em sua jornada cisplatina, abraços... Fernando Aléxis

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Fernando!
      Muito obrigado pelo comentário e por dividir também sua experiência aqui!

      Felicidades no Brasil! ;)

      Abraço.

      Excluir
  53. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  54. Prezada Mile, conheci hoje seu blog, e li todos os comentários para evitar, talvez, fazer perguntas às quais já tivesse respondido. Concordo um pouco com o Alexandre mais acima, que, citando um amigo uruguaio, disse que "o Brasil só tem tamanho". É o que penso também. E por isso e outros motivos penso em sair deste país. Hoje assisti a um vídeo de um discurso do presidente Mujica na Rio+20 e fiquei pensando: "meu Deus, um país que elege um homem que pensa dessa forma só pode ser um bom país, com uma boa gente!". E fiquei realmente interessado em me mandar com a família toda para aí. Somos um casal com 3 filhos, de 16, 11 e 8 anos. Já li algumas respostas suas, mas uma coisa não me ficou muito clara: o ensino aí é todo público e de qualidade? Ou tem qualidade apenas melhor do que no Brasil (o que, convenhamos, não chega a ser exatamente uma vantagem, né)? Há escolas particulares aí também? Sou aposentado. Com uma renda de 11 mil reais, dá pra viver bem aí, morando em apartamento de 3 quartos e dando boa educação a esses meninos? Um aspecto que não vi ser abordado no seu blog: minha esposa é morena escura, bem como meu filho mais velho, do tipo que seriam considerados "negros" em qualquer país do mundo, exceto o Brasil. Sente que há racismo de alguma espécie no Uruguai, ou eles seriam tratados normalmente?
    Boa sorte, espero que continue tendo paciência para atender a tantos brasileiros com essa generosidade e educação que demonstra, além de bom humor. Um abraço desde Brasília, DF. Fernando.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nande!

      O discurso do Mujica no Rio+20 é realmente sensacional!

      O ensino público - fundamental e médio - não passa pelo melhor momento, mas acredito que ainda é de melhor qualidade que no Brasil, claro que dentre as públicas há escolas e escolas, não saberia citar quais ainda mantem um bom nível. Há escolas privadas também, muitas bilíngues (español/inglês, alemão/español, francês/español), em regra são caras.
      A universidade pública ainda goza de muito prestigio, também há privadas (em menor quantidade que no Brasil que há uma em cada esquina e o nível também é bom).

      Sempre digo que a questão da renda é subjetivo demais, tudo depende da vida que cada um leva, é praticamente impossível eu avaliar as necessidades de pessoas que não conheço.

      A renda que você dispõe poderia dizer que viveria muito bem aqui, mais aí já entram mil fatores, por exemplo se você vai colocar os 3 filhos em escola privada, o bairro onde pretende alugar esse apartamento de 3/4, se vai contratar assistência médica privada para os 5, quais são as atividades de lazer da família, etc!
      Se dá para viver bem? Sim, dá! Se manterá o mesmo padrão de vida atual do Brasil já não consigo avaliar por não ter conhecimento sobre a rotina da família.

      Sobre racismo, é um tema bem complexo para ser respondido com sim ou não.

      O que posso dizer é que eu como mulher, estrangeira e negra, nunca sofri diretamente nenhuma discriminação, nunca me senti excluída por nenhuma dessas condições.

      Agora o que eu como cidadã observo é que os negros vivem em guetos, a cultura negra é exaltada no carnaval e nos souvenirs turísticos, mas no meu cotidiano de classe média aqui não costumo cruzar com outro negro com a mesma condição minha: frequentando as mesmas lojas, bares, restaurantes, faculdade, bairro, etc.

      A cada tanto ocorrem episódios de racismo que dividem as opiniões, vide caso Tania Ramirez.

      Nunca presenciei agressão direta a determinada pessoa em razão da raça, já ouvi bastante comentários/expressões arraigadas de cunho racista, muitas delas proferidas por pessoas do meu meio social, acredito que muitas nem tenham noção da força do que dizem, apenas repetem o que ouviram toda vida sem fazer juízo de valor.

      Enfim... como em todo lugar, inclusive Brasil, há de tudo!

      Abraço!

      Excluir
    2. Olá, Mile! Desculpe a demora no retorno. Achava que quando houvesse resposta eu seria notificado pelo Gmail. Hoje, por acaso, resolvi voltar aqui porque estava conversando com meu irmão a respeito dessa ideia, a mudança para o Uruguai. E então vi as respostas a meu post.
      Meu padrão de vida, em Brasília é de classe média-média. Meus filhos não estudam nos melhores colégios, longe disso, mas estão todos em escola particular, em que pago cerca de R$ 2.100 reais para os três. Aluguel, aqui, em apto de 3 quartos, está em torno de 3 mil reais. Esse é meu teto, um dos motivos pelos quais penso em sair do Brasil é ter um pouco mais de folga no meu orçamento, para realizar outros projetos. Em Brasília, incluindo plano de saúde para a família toda (mais de 1200 reais), e gastos diversos, vivo meio apertado, apesar desse, aparentemente, bom salário.
      Gostaria de ir para algum lugar onde pudesse gastar no máximo 2 mil reais com moradia e uns 1.500 reais com escola, se necessário. Não sei se teríamos direito a escola pública no Uruguai, sendo estrangeiros. Minha ideia é continuar pagando plano de saúde no Brasil e, em caso de alguma necessidade maior, ir a Porto Alegre, pelo nosso convênio. Mas estive olhando, parece perto, mas POA é bem longe de Montevidéu, né?
      São essas minhas dúvidas. Quanto ao racismo, pelo jeito o Uruguai não difere muito do Brasil, né? Já sofri com esse racismo velado ou meio inconsciente – e até com racismo explícito – nesta "democracia racial" em que vivemos, sei bem do que está falando.
      Gratíssimo pela sua atenção!
      Nande

      Excluir
  55. Fernando, não tem discriminação não em Uruguai, imagina, no nosso carnaval as "comparsas" são de "negros y lubolos" no "desfile de llamadas", a gente não tem esse tipo de preconceito graças a Deus (infelizmente sempre tem algum que outro - acontece em qualquer parte do mundo ne)Alem se tu faz uma visita pelo bairro SUR Y PALERMO posso dizer que o 90% do pessoal que mora no bairro são "negros".
    Com uma renda de 11 mil reais da para viver muito bem, da uns 110 mil pesos por mês e isso é muito dinheiro la em Uruguai, da até para vivir em um bairro de esses que ficam na beira da praia (Pocitos, Carrasco (eu acho que carrasco é O bairro mais caro de MVD) Punta carretas, Punta Gorda)
    No Uruguai tem escolas publicas e privadas, a qualidade de ensino em ambas duas são boas, eu gosto mais da escola publica porque se tu quer sair bem nas qualificações do ano tu tem que estudar e nas escolas privadas muitas vezes acontece que como tu paga a mensalidade esta tudo bem e vai la pro proximo ano sem problemas...

    Desculpa o atrevimento Mile de responder para o Fernando e tbm pelo meu "portunhol" rsrsr

    Abraço


    PD: Todo mundo sabe que Uruguai não é a Suiza de America maaaas cada pais tem o que tem! saudades do paisito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Dayana!

      Imagina, sempre que quiser pode deixar sua opinião aqui, fica mais interessante! ;)

      Abraço.

      Excluir
    2. Olá, Dayana!
      Eu gostaria realmente de colocar meus filhos em escolas tipo espanhol-inglês, se puder. Mas se eles puderem aprender ao menos o espanhol, bem, já terá valido a pena.
      O Brasil é exatamente o oposto do Uruguai. Aqui, as escolas públicas é que aprovam indiscriminadamente, e as particulares é que são mais exigentes nesse aspecto. Gostaria muito de colocar meus filhos em escolas públicas do Uruguai, se isso for possível. Sabe estrangeiros têm direito a utilizar o sistema educacional público no Uruguai? E quanto ao sistema de saúde?
      Obrigado pela sua atenção!
      Nande

      Excluir
  56. Ha uma informacão relevente a ser considerada com muito respeito, a américa de sul hoje tem uma forte base de economia sustentada em capital especulativo. Investimentos que sobrevivem de juros. Em meados dos anos 2002 a 2004 não esto muito exacto. Por conta de uma crise forte financeira em america de sul. 1/3 (UM TERCO!!!) da populacao de uruguay se migrou fora de uruguay. Ainda penso que o uruguay, como economia agrícola e de capital especulativo, ainda hoje detain riscos, no campo do emprego e do investimento. Otro ponto a observar é a taxa de cambio menor, como reverter investimento com cambio tão diferentes?...existira sempre risco de perdas...para o amigo Fernando, se ele tem 11,000 de salario (+- $ 4,000), pode viver tranquillo em qualquer lugar...se me permite opinar!...boa sorte!

    ResponderExcluir
  57. Ola Mile,
    Obrigado pelas respostas , Mas voce fala que a e muito muito mais caro que na bolivia eu achei muito semalhante com o brasil a unica despesa menor e a mensalidade da faculdade exemplo 10% em relaçao ao brasil o resto aluguel alimentaçao etc tudo igual , a pegunta é? hoje com R$ 800 reais se paga um apto ou casa com 3 quartos no uruguay com os mesmos R$ 800 se faz uma compra para 30 dias para uma familia de 4 adultos e 2 crianças comendo razuavel nao bem porque hoje a moda e regime baixar calorias as demais despesas sao extras sabemos como lidar com elas veja voce se economisarmos na faculdade teremos R$ 1,400 reais para envestir em sobrevivencia mais o caso nao este e que vejo dificuldade de ir e vir para santa cruz porque e temos 700 km de bolivia de corumba a sta cruz e dos mesmos 200 e de estrada de chao muito perigoso ai a pergunta se a entrada e saida do uruguay por terra o acesso seria totalmente mais facil pelo sul do brasil porque nas ferias gostaria de vir ao brasil e para pagar passagem aerea para toda familia ajudaria a esgotar minhas reservas e como eu falei ja trabalho tambem na area de vendas por telefone e na bolivia nao a esta condiçao pois eles nao tem empresas que trabalhao com o brasil enfim o salarios deles sao muitos baixos tambem.

    Desculpas pelos erros e muito obrigado pela sua colaborçao por aguentas pessoas que perguntao muito como eu e que Deus te abençoe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagina, Marcos...

      Quando falo da tal subjetividade para avaliar essa parte financeira é justamente sobre essas diferenças de como cada pessoa vê as coisas, para minha realidade no Brasil e aqui no Uruguay os preços praticados na Bolívia são consideravelmente mais baixos, já você acha similar.

      Recomendo que verifique os links que já disponibilizei de jornal, supermercado e faça as contas, só você poderá saber se é viável ou não.

      Sobre alugar um apartamento de 3/4 por R$800 me parece difícil, com o cambio de hoje esse valor seria equivalente a 7000 pesos. Tenho amigos que pagam 6000 pesos em um monoambiente e 10000 em 2/4 no Centro, onde moro esse valor já sobe mais.
      Capaz há bairros onde seja possível, mas eu não conheço.

      Sobre a facilidade em viajar, recomendo também que verifique os preços das passagens, porque a proximidade geográfica não quer dizer bons preços.

      Abraço!

      Excluir
  58. Oi tudo bem?
    Como esta a vida em Montevideo?
    Meu marido e eu estamos pensando em ir morar ai, mas estamos com duvidas na documentação, é que estamos na Argentina e não gostaríamos de ir pro Brasil pra fazer algum documento, é possível fazer os documentos entrando como turista?
    O consulado brasileiro aí, ajuda na documentação?
    E quanto a trabalho é fácil conseguir um que pague em torno de 10000 pesos?
    Eles tem algum preconceito em contratar estrangeiros?

    Tomara que possa me responder.
    Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fernanda! Tudo bem e você?

      O que todo mundo faz quando necessita algum tramite no Brasil é ir ao Chuí.
      A passagem fica em torno de 50 reais e a viagem dura entre 4h e 6h a depender da linha de ônibus.

      Entrando com o visto de turista é possível posteriormente solicitar a residência.

      Não diria que preconceito, mas eu acho que são mais reticentes para contratar estrangeiros, sim.

      Sinto que na dúvida entre um uruguaio com menor qualificação e um estrangeiro mais qualificado, opta-se sempre pelo uruguaio. E isso obviamente reduz nossas chances e praticamente nos limita a trabalhos que essencialmente necessitam do português falado, ou seja, call centers.

      Já vi de tudo por aqui, então não me atreveria a dizer se seria ou não "fácil" pra você. Recomendo que fique de olho nas ofertas de trabalho e veja se te parece razoável.

      Abraço!

      Excluir
    2. Oi!!
      E assim que a gente da a entrada pra fazer os tramites ja nos dão alguma permissão pra trabalhar?
      É caro pra fazer os documentos?

      Mas hoje no Uruguay tem bastante ofertas de trabalho né, pelo menos é o que leio.

      Obriga eim!

      Excluir
  59. Oi Mile, primeiramente, parabéns pelo seu blog. Digamos que foi um presente achá-lo. Bem, sou capixaba e estou querendo fazer um curso sobre vinhos aí ou na Argentina. Na verdade, penso mais em fazer aí, por ter uma grande amiga Uruguaya.No caso, ela me falou sobre o visto mercosul e meu intuito não é trabalhar no país. Tenho " uma renda" e quero me aperfeiçoar no mercado dos vinhos. O curso terá duração de 6 meses. E no caso, li seu texto e o lance da certidão de nascimento me chamou a atenção. Porém, aqui no Espírito Santo não tem o consulado Uruguaio. Gostaria de saber a qual consulado recorreu? Qual o mais indicado, ou o mais propício?? Será que pela embaixada aí, não consigo agilizar as coisas, pois no minha cidade de origem não o(consulado)temos?
    Grande abraço,
    David

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi David! Muito obrigada pelo comentário!

      Eu super aposto na qualidade dos vinhos uruguaios e acho que merecem um espaço mais destacado na nossa região!

      Sabe que comecei a fazer o curso de sommelier na faculdade de química? Amei, mas infelizmente tive que abandonar porque o horário chocava com o trabalho, ainda vou voltar a estudar porque acho uma área fascinante!

      Onde você pretende estudar?

      Como disse a Fernanda, a opção mais viável do pessoal que já está aqui e necessita tramites a serem realizados no Brasil, é ir ao Chuí.

      Você pode solicitar também o visto de estudante ou prorrogação do visto de turista.

      Não sei se vale a pena todo o tramite do visto mercosul para ficar apenas 6 meses - esse processo não é rápido - e sem intenção de trabalhar.

      Abraço!


      Excluir
    2. Oi!!
      E assim que a gente da a entrada pra fazer os tramites ja nos dão alguma permissão pra trabalhar?
      É caro pra fazer os documentos?

      Mas hoje no Uruguay tem bastante ofertas de trabalho né, pelo menos é o que leio.

      Obriga eim!

      Excluir
    3. ops lugar errado hehe
      Desculpa!!

      Excluir
  60. Olá, Mile. Feliz 2013. Vc está cada dia mais incrível. Com todo o respeito, esse Uruguaio q te conquistou deve ser "O cara" da música do Roberto Carlos.
    Parabéns, parabéns. Quando a gente consegue iluminar nem que seja um diazinho de alguém já é muito compensador. Agora, imagine você que é feito um sol pra muita gente que anda no breu.
    Continua assim que o mundo já é seu.
    Um abraço de muita admiração.

    ResponderExcluir
  61. Esse finalzinho do blog caiu como uma luva.Eu nem ia lhe perguntar isso.Pensei em levar as documentações e,justamente, apostar em um consulado próximo; pelo RS, pq o consulado em Ssa está fechado há mais de um ano!(Eu lendo a conversa alheia,rs..) Até cheguei a trocar e-mail(s) com a Gato Dumas, pensei em fazer o curso de sommelier tb (1 e meio), mas desisti. Não posso investir em duas coisas ao mesmo tempo.Gosto dessa área tb. E tem um pouco a ver com minha área de estudos. Formei aqui na ufba; em farmácia c/ especialização em análises clínicas. A área de farmácia tem a ver; pois estudamos muita química, as reações,o processo de fermentação, os compostos fenólicos,taninos etc. Mas, em relação à área de análises clínicas, não se assemelha. Fiz um curso no senac daqui; estudo sobre os vinhos (Brasileiro). Maravilhoso. Não sei se me servirá para alguma coisa, além do prazer que tive(mas,coloquei no meu currículo).

    Valeu, Mile.

    Re

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Re,

      Que legal! Eu espero um dia poder trabalhar com algo relacionado a vinhos rs! ;)

      Excluir
  62. Valeu pelas dicas. Na verdade tenho que confirmas se ainda existe o curso com duração de 6 meses, antes ofereciam.
    Gato Dumas.
    Brigadão mesmo

    ResponderExcluir
  63. Mille, vc tem fôlego.
    Estou esperando a esposa me responder se aceita conhecer Montevideo.
    Suas palavras vão me ajudar.
    Abraços.
    JF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rsrs obrigada JF!

      Tomara que ela aceite, né? Muita coisa bacana para ver lá!

      Abraço!

      Excluir
  64. Mile, obrigado pelo seu post, vou te explorar um pouco. Estou há um ano para minha aposentadoria, estou triste de ver a violência do Brasil gostaria de abri um pequeno negocio no Uruguay ou simplesmente viver aí. Voce sabe se simplesmente compro uma casa e vivo sem problemas ou tem algum impedimento legal?
    Obrigado
    Sergio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sergio!

      Você na qualidade de estrangeiro pode comprar imoveis em território uruguaio.

      Pode também permanecer legalmente no país, abrir empresa, etc. Dá uma olhada nos tramites necessários no site da DNM e DGI.

      Abraço.

      Excluir
  65. Olá Mille, tudo bem, sensacional sua postura diante de tantas perguntas e indagações a respeito de como se "virar" no Uruguai.
    É minha intenção também, estou desanimado aqui no Brasil e querendo dar aquela virada na vida. Tenho 53 anos, sou publicitário, casado e sem filhos.
    Absorvi todas as informações que vc postou e acredito que morar aí no Uruguai depende mesmo das condições que se queira levar.
    É uma decisão dificil, mas já tomada. Se vc puder me passar algumas informações a respeito de como iniciar uma vida com emprego aí, ajuda muito, passo a passo, desde aluguel, até como conviver a principio com os brasileiros que já moram aí. Muito obrigado, um super 2013 para vc.
    Marcos Arroyo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marcos!

      Obrigada pela visita!

      Olha, chegar aqui já com emprego é algo realmente difícil, a maioria das empresas vão optar pelo candidato que passou por provas psicológicas e entrevistas cara a cara, mas você pode tentar entrar em contato com empresas, mandar CV, se candidatar as vagas anunciadas nos sites de ofertas laborais.

      Há uma certa quantidade de brasileiros vivendo aqui, porém desconheço organização de eventos ou encontros fixos/habituais. Os brasileiros que conheci foram através do trabalho ou entrevista de emprego tendo português como requisito essencial.

      Fiz uma continuação desse post, depois dá uma olhadinha.

      Abraço.

      Excluir
  66. Muito bom seu conteudo.

    ResponderExcluir
  67. Oi Mille, vou para Montevideu a trabalho em Maio e ficarei por 2 semanas.

    É tudo bem tranquilo aí? Pode-se caminhar a noite pela rambla sem medo de ser assaltado igual aqui em SP? Tem alguma recomendação de bairros que devo evitar a noite, ou mesmo de dia?

    Os bairros bons não perguntarei pois já os encontrei aqui no seu blog.

    Aliás, está na hora do blog virar um livro... É o melhor guia de Montevideu escrito em Português Brasileiro :)

    Obrigado!

    Jonny

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jonny!

      Difícil responder pela segurança, comparando com grandes capitais pode-se dizer que é sim mais tranquilo, porém gente mal intencionada tem em todo lugar, né? Cuidados normais com seus pertences, se vai andar a noite buscar as ruas mais movimentadas e iluminadas, etc.

      Acho que você como turista não irá parar em zonas mais perigosas, pelo fato de não haver nada interessante desde o ponto de vista turístico nesses lugares.

      Eu costumava andar a noite na rambla (por volta das 20h, 21h), é claro que não ia com brilhantes nem andava com a bolsa aberta mostrando la plata rs, mas também não ficava neurótica olhando para os lados.

      No centro/ciudad vieja andava um pouco mais atenta porque sempre há muita gente, muito turista e acho que requer mais cuidado, mas também nunca tive problemas. E trabalhei um tempo nessa área, ia todos os dias.

      Obrigada pelo elogio!

      Abraço!


      Excluir
  68. Opsssss...
    Faltou um OU na primeira pergunta: "pode-se caminhar a noite pela rambla sem medo de ser assaltado OU é igual aqui em SP...

    Sorry!!

    Jonny

    ResponderExcluir
  69. Olá, inicialmente preciso no mínimo agradece pelo post. Bastante objetivo e direto. Só que o meu caso é complicado e não há menção a ele no post, mas vamos lá:
    -Sou Cirurgião Dentista, formado a 6 anos e inconformado com a desvalorização da saúde no Brasil e principalmente os proficionais, e aqui quero enfatizar os Dentistas e Enfermeiros. Portanto pode-se dizer que sou um "revoltado" com o sistema Brasileiro, já tentei mudar isso em muitas vezes, mas tem algo aqui (Brasil) que fala mais alto, chama-se politicagem.
    Mas deixando isso de lado, e voltando para o Uruguay, tenho ouvi falar muito de bem desse pequeno país, sem mencionar o clima que adoro, Sou Nordetino como você, e sou de uma cidadezinha interiorana; de uns tempos pra cá comecei a me interessar muito por esse país e tenho começado a cogitar na possibilidade de enfrentar, ou começar uma outra vida no Uruguay.
    Minha Dúvida inicial seria quanto a aceitação de Dentistas Brasileiros, por aí, Você já ouviu falar em algum caso?
    O Diploma de uma faculdade de Odontologia brasileira tem validade aí no Uruguai?
    Há uma valorização dos profissionais de saúde pelo Governo, além de oferecer trabalho público para estes profissionasi(Dentistas)?
    Não sou muito fãn de cidades grandes e por isso pensei em começar algo, como montar um consultório, em uma cidadezinha pequena, de início pensei em Rio Branco, mas também pensei que preciso procurar uma cidaden onde a população tenha poderes aquisitivos para pagar tratamentos particulares. Será que você pode me passar algumas dicas a respeito? Desde já agradeço bastante!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Jonatan!

      Obrigada pela visita!

      Fiz uma continuação desse post, espero que te ajude mais nas dúvidas.

      Para exercer a profissão você precisa revalidar seu diploma:

      "Los estudios cursados sin reválidas no permitirán obtener título o certificado universitario ni habilitación para el ejercicio profesional en el territorio de la República"

      Sobre a valorização e o mercado de trabalho em si, não tenho muito conhecimento.

      Abraço!

      Excluir
  70. Primeiramente, obrigada pelo post! Muito esclarecedor!
    Tenho intenção de mudar para o Uruguay e montar um e-commerce na área de moda, acessórios - vendendo inclusive para as brasileiras... Mas, preciso pesquisar mais sobre esse meio de venda ai... Vc compra pela internet no Uruguay? Tem público para a área de moda?
    Bjos e obrigadaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karina!

      Obrigada pela visita!

      Não sei informar muito sobre esse mercado, sorry! Eu só compro pela internet livros e cupons de descontos em sites de compras coletivas rs!

      Acho que há público para a area de moda, mas o estilo das roupas aqui é diferente do Brasil. Por exemplo com relação ao corte das roupas, ou até mesmo das cores, que por sorte está mudando muito rápido, mas quando cheguei aqui parecia que eu era a única louca que usava vermelho, amarelo, rosa rs! As outras estavam sempre de preto, branco ou cinza rs! ;)

      Boa sorte nas pesquisas!

      Abraço.

      Excluir
  71. Parabéns pelo belo texto, bem escrito, interessante e sensível!
    Viajo pela segunda vez a Montevideo, agora com minha esposa. Que cidadezinha bacana!
    Um abraço e obrigado pelo blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jorge!

      Muito obrigada pela gentileza!
      Espero que tenho aproveitado bem a viagem!

      Abraço!

      Excluir
  72. so to testendo ver se pega

    ResponderExcluir
  73. ok,.. agora que vie que funciona vou falar,...
    desde meus 36 anos que quero sumir do brasil,.. não que eu não goste daqui,... mas a violencia esta demais.
    ja tenho 56 e me acomodei.
    mais ainda sinto insegurança aqui e se pudesse iria morar em outro pais.
    ontem mesmo alquem apareceu no portão de casa pedindo dinheiro, não dei. E ficamos apreensivos a noite inteira pois nossos visinhos são pedreiros de uma construtora que ja nos causaram problemas e creio que o pedinte era um deles.
    sem falar que minha enteada ja foi abordada por eles tambem,... mas deixa quieto.
    e moro numa cidade pequena, pacata, no interior de santa catarina, moro numa ruela sem saida e sem movimento. atualmente estão queimando onibus e atirando em policiais em todo o estado e aqui em jaragua do sul, sc ja incendiaram um onibus,... esse cidade era a mais sossegada do estado.
    ja tentei ir para australia, não deu. depois tentei o canada. tbem não deu.
    li muito sobre holanda, eu adoro a holanda pela liberdade. eta povinho maneiro!!!! tenho amigos holandeses, tenho amigos holandeses que moram aqui,....
    tambem li muito sobre o uruguai, e continuo lendo,.. e é por isso que vim parar aqui,... foi puro acaso. o uruguai é como holanda,.. bem liberal assim,.. e eu gosto.
    aprendi ingles e dei aula de ingles com o principal proposito de morar em outro pais.
    mas ja estou velho.
    a ideia de morar no uruguai veio com a noticia sobre belchior,... ele estava escondido no uruguai,... se ele, que é um excelente compositor e cantor embora seja um nó cego, pode. porque eu não posso?
    mas ja estou em final de carreira, digo, me aposento logo. criei raizes fortes aqui,... agora tenho esposa, uma filha,... tenho casa.
    sou Tecnico mecanico especializado em projetos e trabalho nisso a 34 anos.
    não quero somente ir ao uruguai e viver de aposentadoria e alugueis aqui do Brasil. quero trabalhar e quero me enturmar com o pessoal dai.
    eu me pergunto, quanto tempo eu levaria para aprender o espanhol? qual seria minhas despesas mensais morando ai?
    um abração a todos,.. lendo sobre suas rotinas sinto até um pouco de inveja,.. se eu pudesse recomeçar.... recomeçaria diferente.
    reinaldo@writeme.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Reinaldo!

      Acredito que nunca é tarde para recomeçar, se é seu desejo mudar, trabalhe nisso.

      Sobre quanto tempo levaria para aprender espanhol ou quanto iria gastar mensalmente, infelizmente não tenho como mensurar.

      Abraço!

      Excluir
  74. eu odeio o brasil, aqui não pode fazer nada, o salario é uma droga, e somos tratados como servos feldais pelo governo, sou professor aqui no estado de são paulo,meu diploma vale no uruguay?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Todos os diplomas necessitam passar pelo processo de reconhecimento e ser revalidado no Uruguay.

      "Los estudios cursados sin reválidas no permitirán obtener título o certificado universitario ni habilitación para el ejercicio profesional en el territorio de la República".

      Abraço.

      Excluir
  75. Olá mille, e a todos! Inicialmente, meus parabéns e agradecimento por responder a tantas perguntas de forma tão objetiva, mas carinhosamente com todos aqui!

    Entrei no seu blog, não foi por acaso, por que realmente, como muitos brasileiros, e acredito que por motivos até mais tristes a mim, morar no Brasil está se tornando insuportável por demais!

    Nem acredito que um dia falaria isto, mas EU ODEIO O BRASIL E ESSA CORJA DE POLÍTICOS DE DIREITA, FALSA ESQUERDA, O JUDICIÁRIO AVALIZADOR E CONIVENTE, A IMPRENSA E MÍDIA "CHAPA BRANCA" E ALIENANTE,O SENSO COMUM MEDÍOCRE DA MAIORIA POPULAÇÃO, O "JEITINHO" E A POLITICAGEM COMO REGRA,O ALTO CUSTO DE VIDA, COM PRODUTOS DE QUINTA, O EMPOBRECIMENTO CULTURAL EM TODOS OS SENTIDOS E ÁREAS, OS PÉSSIMOS SERVIÇOS PÚBLICOS, OS MIL PRECONCEITOS VELADOS OU NÃO, O FUNDAMENTALISMO RELIGIOSO, A TRUCULÊNCIA, AS PRAIAS PRÉ-PRIVATIZADAS E MAIS E MAIS POLUÍDAS, CIDADES SUJAS, A BAIXARIA, FALTA DE AMIZADE VERDADEIRAS, DE COMPAIXÃO, A ALIENAÇÃO POLÍTICA, ENFIM, O BRASIL TORNOU UM UM GIGANTE ESQUIZOFRÊNICO, BESTIAL E FANFARRÃO! De coração, desculpe-me pelo desabafo e análise conjutural tão pessimista, coisa, que realmente, seria impossível a mim, mas depois q tanto que lutei, e lutei muito por este país, por esta cidade, por uma educação pública de qualidade, democrática (vivemos há alguns anos, a sombra de um pré-fascismo na educação pública, (sou professor da rede pública em Brasilia-DF e Entorno), por ser um professor engajado, apaixonado pelo que fazia, mesmo recebendo um salário miserável, menos de milpor mês, sem vale alimentação nada, nada, ainda sofrendo perseguição das diretoras nazistas e corruptora, indicadas por prefeitos por afinidade e máfia política, não por competência, ou concurso. Eo pior, o sindicato DOMINADO pelo PT e sua corja de traidores, trai os trabalhadores, e fica do lado do governo, e não nos defende, pior, acoberta tudo, e recebe cargos em troca! Um nojo e indignidade, vendição que faria Judas parecer um santo. O BRASIL TÁ SEM CONSERTO, FOI PRO BURACO DE VEZ... se eu continuar a sofrer aqui este tanto, com tanto amagor e desespero até, penso até em acabar-me comigo seriamente...Não há uma perspectiva de se viver dignamente, com democracia e vencer apenas por méritos nesta cidade do mal, que é Brasília e o no seu entorno, que segundo o semanário eletrônico Fantástisco, esta região configura-se COMO UMA DAS REGIÕES MAIS VIOLENTAS DO PLANETA...E A JUSTIÇA? CONTINUA JANTANDO COM PREFEITOS E ENGAVETANDOS AÇÕES CONTRA OS GOVERNANTES, E APLICANDO PUNIÇÃO, PUNIÇÃO PUNIÇÃO PARA OS POBRES E SEM RECURSOS, E PARA OS MAFIOSOS POLÍTICOS E EMPRESÁRIOS, LATIFUNDIÁRIOS...CONCESSÕES, REGALIAS E PARECERES E CAUSAS FAVORÁREIS...BRASIL VC É UMA GRANDE HIPOCRISIA E UM POÇO DE MALDADES....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, vim olhar as respostas e vi seu escrito! Nada deste mundo mundano vale sua vida. Se oriente, peça a Deus a luz do Espiríto Santo DIVINO, e ele lhe orientará pra frente... Eu sei que esse mundo é "escroto",mas não fique presso à coisas e sentimentos ruins, abra sua janela, sua alma para sentimentos bons...
      Desejo que Deus lhe ilumine e ABENÇOE.

      Excluir
    2. Posso entender o que leva as pessoas a sentirem-se tão impotentes, mas ainda não consegui colocar em palavras uma forma de mostrar que temos o comando das nossas vidas. Gostaria de deixar uma mensagem de esperança ou fé para que essas pessoas pudessem enxergar que a mudança está dentro da gente.

      Sei que parece clichê, e não é fácil quando tudo em volta parece levar a negatiividade.

      Mudar de lugar talvez ajude a abrir a cabeça para o novo, se encantar com as diferenças e esquecer temporariamente os problemas, mas não é a solução, não é meramente uma mudança física que nos coloca em equilíbrio.

      E acredite, uma mudança de país não é nada fácil. Há também muitas pedras nesse mar de rosas.

      Espero que encontre algo motivador e veja a beleza da vida a sua volta.

      Abraço!



      Excluir
  76. Desculpem-me pelos erros, a digitação foi sofrega e
    desesperante...toda esta falência, sofrimentos e desilusões sem fim, me deixaram com várias debilidades e me levaram a escrever de forma inadequada à minha prática. Saiu como espasmo, perdoe-me gentil blogueira!

    Ass.: APENAS MAIS UM PROFESSOR SEM VALOR ALGUM

    ResponderExcluir
  77. Oláááááá............ Talvez vc nem acesse mais o seu blog, mas tomei conhecimento dele hoje. Passei o ano novo de 2012 p 2013 em um cruzeiro que passou pela Argentina e Uruguai, amei o Uruguai e não gostei da Argentina. Realmente minha ida a esta terra me fez pensar em morar ai pois me maravilhei, em Punta então nem se fala...
    Gostei do seu blog e me fez pensar que as coisas não são tão fáceis como um olho de turista costuma ver.
    Abraço....
    Gisele Lopes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gisele!

      rs continuo acessando esse cantinho, as vezes me falta tempo para responder todo mundo, mas sempre leio os comentários e desde já muito obrigada pela visita! ;)

      Fico feliz que tenho gostado tanto do país! Fácil não é, mas posso dizer que valeu a pena essa experiência em terras charruas!

      Abraço!

      Excluir
  78. Oi querida,
    tava precisando de trocar uma ideia com vc em off...
    tem algum e-mail no qual posso te escrever?
    Obrigada :)
    Raquel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Pode escrever no jcardoso.jamile@gmail.com

      Abraço!

      Excluir
  79. Ajudando a divulgar:

    Desculpe pela invasão!

    http://www.youtube.com/watch?v=E4k7RWN7Vjs

    ResponderExcluir
  80. Olá Mile!

    Primeiro gostaria de te parabenizar pelo ótimo blog. Sua dedicação nos fornece um material de extrema valia!

    Tenho uma dúvida que gostaria de compartilhar contigo, veja se pode me ajudar....

    Gostaria de saber como é o procedimento para um estrangeiro abrir empresa no Uruguai. Isso é possível? Muito burocrático?

    Desde já agradeço sua atenção!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Jéferson!

      Muito obrigada pelo comentário!

      É possível e também burocrático. Dá uma olhada no site da DGI que tem mais informações sobre isso.

      Abraço!

      Excluir
  81. Oi Mile tudo bom ? Parabens pelo blog! Bom, eu estou pensando em ir morar no Uruguai pelo motivo do meu trabalho! Eu sou dono de um web site a 3 anos e ganho uma media de 4 mil reais por mes. eu recebo meus ganhos por paypal e trasnfiro para o banco HSBC, entao eu posso trabalhar em qualquer lugar do mundo basta ter internet, ok ai pensei, bom nesse caso posso ir morar no uruguai e ter uma vida boa ganhar 4 mil reais por mes la? Como faço pra achar um site que venda produtos q nao estejam em dollares para eu ver se valeria a pena? obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Com 4 mil reais dá para viver bem em Montevideo.

      O dólar é moeda corrente no Uruguay, todo mundo em qualquer lugar sabe o valor da moeda. Geralmente eletrônicos e imoveis (para venda) estão expressados nessa moeda, então acho dificil você encontrar sites com o valor em pesos.

      Quando entrava nas lojas e perguntava "tá, mas em pesos é quanto?", me olhavam estranho rs, até que acostumei e passei a fazer a cotação mentalmente como eles...

      Sugiro que agora use um conversor de moedas.

      Abraço!

      Excluir
  82. Olá Mile, ótimo blog! Já viajei para Montevidéu em 2012 em função de um congresso, amei a cidade, o clima, as pessoas e fiquei muito tentada a passar um tempo na cidade para aprender melhor o espanhol e ter uma experiência de trabalho mesmo que não fosse na minha área. Como você procedeu para se legalizar no país? é necessário primeiro encontrar trabalho e depois procurar moradia?
    Há ofertas de pessoas que dividem casa, ou alugam quarto de emprega como em grandes cidades brasileiras?
    No caso de alguém formado no Brasil, por ex., em psicologia, serviço social ou qualquer outro curso é possível encontrar oferta de emprego ou dar aulas nas universidades do país? nesse caso é necessário validar o diploma?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Que bom gostou da cidade!

      O procedimento para legalização é esse que já comentei no post, para mais informações dá uma olhada na página da DNM.

      Você pode alugar sem ter trabalho, desde que encontre alguém disposto a alugar nessas condições e pague a garantia do aluguel. Aqui não funciona com fiador, ou você deposita o valor requerido pelo proprietário (geralmente correspondente a 5 meses de aluguel - recebe esse valor corrigido no final do contrato) ou participa de fundos como ANDA.

      Há estudantes que dividem apartamentos e também residencias estudantis.

      Para exercer a profissão em regra é necessário a revalida do diploma.

      Abraço!

      Excluir
  83. Oi Mile!
    Parabéns pelo blog =)
    Estava eu procurando por cursos de espanhol em Montevideo e por acaso encontrei seu blog.
    Sou brasileira e também estou morando em Montevideo há 2 meses.
    Teu post faz TODO o sentido, tudo que escreveste é tal qual acontece aqui: o país caro (custo de vida, aluguel, imóveis, carros... tudo mais caro que no Brasil!), de forma geral as pessoas sao muito educadas, porém frias e distantes no convívio diário por questao cultural mesmo (eles costumam dizer que nós Brasileiros somos muito alegres...). Com relacao a educacao (desculpem-me pela falta de acento, mas o teclado do meu notebook é espanhol e sem algumas opcoes...), como a faculdade é gratuita, a grande maioria das pessoas possuem graducacao E falam pelo menos ingles. Daí vem o meu primeiro conselho para quem pensa em vir: tenha um diferencial! Fale MUITO bem espanhol, pq sim... A LINGUA É MUITO DIFERENTE E DIFICIL... a maioria nao nos compreende..., curso superior, MBA, e um bom CV com experiencias sólidas. Se este é o seu caso, será muito bem valorizado no mercado de trabalho. Caso contrário, há sim muitas ofertas, mas a prioridade de escolha será sempre por um uruguayo!! Carreiras em destaque: engenharias, comércio exterior e TODA a área de TI.
    Vcs devem estar se pergunando: o que essa pessoa faz? Bem... sou Engenheira de Producao com experiencia em várias multinacionais importantes. Meu marido tem uma empresa de TI aqui na Zonamérica, por isso garanto que há muitas vagas no setor (programadores e designers, principalmente...).Nós dois ganhamos mais aqui do que no Brasil, mas gastamos tanto quanto em Sao Paulo. A vida tem sido muito boa e a qualidade de vida excelente =)Porém eu SEMPRE digo que nos esforcamos muito em nossas carreiras para chegar onde estamos e termos este sucesso aqui... Muito trabalho e estudo SEMPRE!! Um abraco para vcs e boa sorte para quem está vindo!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cristina,

      Muito obrigada pela visita e contribuição aqui no blog! ;)

      Seu comentário me inspirou a fazer a parte 2 desse post rs, obrigada!

      Abraço!

      Excluir
  84. E a área de logística, será que emprega bem aí no Uruguai?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Joubert!

      Sugiro que verifique as ofertas nos classificados.

      Abraço!

      Excluir
  85. Ola Mile! Td bem?
    Estou fazendo pesquisas sobre o Uruguai e me deparei com esse blog.
    Gostei do texto acima. Esta muito bem explicado.
    Vc escreveu que a violencia vem aumentando no Uruguai. Eu gostaria que vc abordasse mais sobre isso. Qual e o tipo de violencia? Assalto a mao armada? Vc poderia comparar Montevideu com o Rio de Janeiro ou Sao Paulo, por favor?
    Desculpe por essas perguntas, mas estou cogitando a possibilidade de morar ai e o fator seguranca e de muita importancia pra mim. Talvez porque more na Europa ha algum tempo e aqui, de maneira geral, e tranquilo.
    Agradeco desde ja pela resposta.
    Sucesso e td de bom.
    Janaina.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Janaina! Tudo bem e você?

      Muito obrigada pelo comentário.

      Olha, os índices vem aumentando, se você perguntar a um uruguaio se Montevideo é segura, é bem provável que escute um não como resposta.
      Eu que vivia em Salvador e inevitavelmente faço comparações, ainda acho que a cidade é relativamente tranquila.

      Dificilmente terá o "padrão Europa", mas ainda é um lugar onde se pode viver com certa tranquilidade. Quando saio para caminhar na rambla não imagino ser surpreendida com um assalto a mão armada às 13h da tarde, por exemplo!

      Abraço.

      Excluir
    2. Oi Mile!
      Comigo esta td bem.
      Obrigada por responder a minha pergunta. Estou pesquisando bastante sobre o Uruguay mas as vezes as opinioes sao controversas.
      O melhor a fazer e passar algum tempo ai e ver como e a vida e como a gente se adapta, nao e mesmo?
      Um otimo final de semana pra vc.
      Janaina.

      Excluir
  86. Mile obrigado por escrever sobre o Uruguay. Tenho 19 anos, sou casado e tenho uma filha. Atualmente sou programador freelance de sites, PC e Mobile. Já tenho um acordo com minha esposa pois concordamos que o Brasil não da mais para educação principalmente para nossa filha, se você acompanha as noticias vera o porque. Então apesar de ser programador tenho apenas o Ensino Médio, isso seria um problema para arrumar emprego no Uruguay principalmente na minha area?

    Grato, Filipe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Filipe! Obrigada pela visita!

      Fiz a continuação desse post, dá uma olhadinha depois!

      Sei que há muitos cursos na área de informática que você pode fazer e complementar seus estudos.

      Sobre ofertas, recomendo que verifique as ofertas de trabalho para ter uma noção.

      E se a ideia é mudar mesmo, recomendo ainda foco no idioma.

      Abraço!

      Excluir
  87. Boa noite !
    Cara Mile, como estão ?
    Primeiramente, sucesso e bençãos à vc´s. Parabéns pela iniciativa,bela história de vida. Em pesquisas sobre o paisito, acabei encontrando seu blog,digo que esclareceu pelo menos 80% das dúvidas que tive até o momento. Como sei, que até colocar nossos planos em prática, terei mais dúvidas, espero encontrá-la aqui para tentar esclarecê-las. Obrigada desde já. De antemão gostaria de saber o que conhece de Maldonado e região? Qual sua opinião de lá ? É uma cidade muito frequentada por turistas, possui centro comercial, empresas e etc ? enfim... entre outros motivos também estamos desanimados com educação, política, segurança aqui no Brasil. Nossos planos seria morar lá ou mais próximo de Punta del Leste. Como somos comerciantes aqui em Santo André/sp, iríamos abrir um negócio aí, relacionado a estética de carros, higienização e afins. Seja franca, acredita que a mercado neste ramo aí no Uruguai? Os uruguaios cuidam dos carros e são apaixonados como os brasileiros ? Eu e meu namorado estivemos em Punta ano passado mas, não tivemos tempo de conhecer mais a região, tivemos referências positivas, mas de um brasileiro seria mais realista. Então, fico no seu aguardo.
    Grata pelo espaço.

    Att,
    Silmara

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Silmara! Estamos bem e você?

      Muito obrigada pela gentileza!

      Maldonado é uma área que vive muito da temporada do turismo, muita gente tem negócios aí que funcionam apenas no verão. Pontos comerciais em Punta del Este, por exemplo, costumam ser caríssimos.

      Sobre cuidados com o carro, infelizmente não saberia dizer como funciona esse mercado.
      Com base no meu "achismo" poderia dizer que não se gasta muito dinheiro com acessórios, manter um carro custa muito caro no Uruguay, então me parece que no geral as pessoas fazem só o básico e necessário mesmo.

      Em Punta há pessoas com alto poder aquisitivo, talvez utilizem mais serviços para o carro, porém não é um movimento que dura todo o ano.

      Abraço!

      Excluir
  88. Cara Mile,

    Postei essa mesma mensagem ontem, mas como não a estou vendo aqui, estou postando de novo. Se aparecer repetida é culpa do Google, ok?
    É o seguinte, estou cada mais amadurecendo a ideia de ir para o Uruguai com minha família — mulher e 3 filhos. Há só um detalhe que gostaria de esclarecer, se puder. Quando você mencionou que as escolas particulares bilíngues no Uruguai eram caras, estava pensando em que faixa de valor? Obrigado.

    ResponderExcluir