Morar no Uruguai: Mobiliar e Decorar

Já faz tempo queria comentar aqui no blog sobre dois temas especiais para quem mora em Montevidéu: festa e decoração.

Festa nesse caso não seria balada hehe,  seria um papo com dicas para organizar aniversários e comemorações: onde comprar bolo, docinhos, salgados, gás hélio para os balões, bandeirolas, papelaria, copos, pratinhos e outras cositas que amamos.

Esse assunto vai ficar para outro dia, mas adianto que o bairro dos judeus é o caminho hehe.

Hoje, vou falar sobre decoração, ou melhor, sobre lugares onde buscar objetos úteis - e outros nem tanto - para a nova casinha.

Serão algumas dicas para quem chegou recentemente em Montevidéu, alugou um apê vazio e está na função de  mobiliar e decorar (ou para quem está planejando e precisa ter uma noção de preços).

Morar no Uruguai

Já precisei montar um canto do zero em Montevidéu em duas oportunidades (se contar a gravidez foram 3 vezes, é praticamente um processo de mudança escolher berço, cômoda e afins), a primeira foi quando saí do Brasil em 2011 e cheguei para morar com o maridón e a outra foi quando nos aventuramos pelo mundo, vendemos tudo e regressamos ao paisito um tempo depois.

Pela minha experiência, não é barato mobiliar e o mercado é diferente do que eu estava acostumada em Salvador. Esqueça os saldões e aquele moço queimando estoque com propagandas de gosto duvidoso na tv. Desapegue também das 347 prestações. Se acostume a ver preços de eletrodomésticos e eletrônicos também em dólares.

As lojas geralmente são menores e o crediário é mais enxuto. O seu cartão de crédito do Brasil não vai parcelar compras no Uruguai, então se programe para esse cenário.

Começando pelo básico: eletrodomésticos.

A loja Carlos Gutierrez é a mais barata, talvez a única que apresenta os preços em pesos uruguaios.

Não trabalham com muitas marcas - basicamente oferecem a Panavox, eu nunca comprei, mas conheço várias pessoas que compraram e nunca tiveram problemas, o preço pode compensar - e não aceitam pagamento com cartão de crédito (eles disponibilizam um crediário próprio, mas para ser aprovado precisa estar trabalhando ou comprovar fundos).

As outras são a MotocicloMultiahorro.

A maioria das nossas coisas vieram da Motociclo, gosto das opções deles, tem uma variedade  melhor de modelos e preços. Também trabalham com marcas que eu nunca tinha ouvido falar, como Midea e James.

Era curioso isso, eu sempre olhava desconfiada e corria para as Electrolux e Panasonic da vida, nomes que eu achava que podia julgar se era bom ou ruim, e Pablo uruguasho achava esquisito hehe, já que da mesma forma essas eram marcas pouco familiares pra ele. Aulinha de capitalismo e mercados na prática, migos.

Mas, voltando ao tema, compramos uma geladeira Midea e só amor por ela. Tanto que na segunda vez que precisamos mobiliar, compramos outro modelo igual.

E né? A marca não está me patrocinando, infelizmente hehe, essa conversa toda é só para dizer que você não precisa fazer drama como eu fiz porque não manja nada das coisas que vai encontrar nas lojas, tudo funciona com nomes diferentes numa boa.

A Motociclo agora tá na boca da mídia com anúncio de falência/fechamento das lojas depois de 90 anos na praça, rumores de crise econômica no país ou não, coisa e tal.

Certo é que ainda está aberto e vendendo (e eu ainda compraria porque outra coisa que a experiência me ensinou é que direito do consumidor é um negócio que não dá para contar muito no Uruguai, no fim das contas, havendo treta você se vira sempre com o fabricante, a loja fica plena sem se meter no babado, pois é, saudades CDC).

A Multiahorro trabalha com outras marcas que eu também desconhecia, como Punktal e Candy, mas tem lá umas LG, Electrolux, Sony, Samsung, etc.

E para terminar essa parte com alegria, não tentem traduzir microondas, tá? Só se você quiser matar a outra pessoa de rir! Não é microolas como eu já tive dúvida, é microondas mesmo. De nada.

Pronto, passamos para a parte dos móveis.

Colchão e sofá acho um mundo a parte, das coisas que não compraria nunca online, tem que sentar, provar e tudo depende de quanta grana a pessoa quer investir no conforto e boniteza, você vai achar sofá baratex de 3 mil e poucos pesos a 3 mil e tantos dólares.

São várias lojas que vendem sofás ao longo da avenida Rivera, recomendo que vá andando a partir do cruzamento com a rua Juan Paullier em direção ao Centro e pesquisando.

Nossos colchões compramos nas lojas Divino e Deseos (e esses nomes, gente? Haha). Adoro ir ver as novidades na Divino, dá para achar boas opções tanto de móveis grandes como objetos de decoração e utensílios de cozinha.

Sempre visito a loja Divino nessa fase de mobiliar a casa nova, não existe a chance de comprar sem ir lá dar uma conferida.

Uma loja made in Uruguay - desenhado e feito aqui, o que é sempre bacana apoiar - que vale a pena pesquisar é a Mod, acho tudo muito lindo.

Na decoração do quarto dos niños, a Pipa Mi Mundo Chiquito pode servir de inspiração, e para quem procura objetos Montessori a Mamon é um achado. Para trazer aconchego, fico babando nas luminárias de origami coloridas e diferentes da ChaChaCha e nos tapices e cestos delicados e fofos da Trama Design.

Para as paredes do cafofo novo, uma ideia criativa e linda são as artes do Azambuja, acho muito forte a conexão do traço dele com a cidade, tô de olho em uma para chamar de minha faz tempo hehe. Dá para comprar no  espaço multimarca do Sinergia, lugar imperdível para amantes de design.

Outro canto bonito e muito bem lembrado por uma leitora é a casa Betún Arte e Decoración.

E para quem ama plantas e quer deixá-las ainda mais maravilhosas, as cerâmicas da Arapoty são umas gracinhas.

Partindo para os utensílios básicos de cozinha, como panelas, assadeiras, pratos, talheres, sempre vejo no supermercado Gèant (também vende móveis, eletrodomésticos e comidas) do Parque Roosevelt.

Morar no Uruguai


Outra dica inusitada, mas que costuma funcionar comigo para pratos, cumbucas e coisas fofas de cozinha é a loja Cia del Oriente, sério. Meus pratos preferidos são de lá. Tem vários locais pela cidade, gosto especialmente do que fica na Peatonal Sarandí.

Mudar para o Uruguai

Morar em Montevideu


E tem a Zara Home que é sensacional, mas os preços dificilmente colaboram comigo hehe.

Outro lugar que não deixo de pesquisar é o Mercado Libre Uruguay, dá para mobiliar a casa inteira no site. Obviamente tem que estar atento a qualidade, saber o que está comprando.

Na real, eu fico tentada com coisas bonitchenhas com preço acessível, sei que não é a melhor madeira do mundo e não vai durar a vida inteira, mas as vezes tá tudo bem.

Sabe aquela cadeira da modinha no estilo Eames, um aparador para a entrada, uma estante para guardar trecos de guri ou livros, suporte para a lâmpada pendurada? Tem tudo lá. Tem também serviços como instalação de tela de proteção para janelas e varandas (malla ou red de seguridad em espanhol).

Na busca por cortinas e tapetes (alfombra em espanhol): dou um giro pela rua Canelones.

Para roupa de cama: lojas Arredo e Tiendas Montevideo.

Viver no Uruguai

Quinquilharias mil: lojas bazar do Centro, feiras de rua, Barrio de los Judios.

Para projetos de DIY: Sodimac, a loja é enorme, tem coisas para obras grandes e pequenas, como pisos e revestimentos, tintas e ferramentas, iluminação e também uma parte com móveis para casa e jardim, brinquedos para área externa como piscina e trampolim, mais objetos de cozinha, etc.

Eu gosto, mas depende da sorte, as vezes dá para encontrar boas opções de decoração, essa mesa da primeira foto é da Sodimac, a cadeira é da modinha e o mapa eu que fiz com folha de cortiça - chama plancha de corcho em espanhol.

Termino esse post apenas querendo renovar a casa inteira (ai, dinheiros), mas ok haha.

Trouxe um apanhado de ideias que espero possa ajudar quem está passando por essa fase de mudança, tentei dividir informações que me deixariam menos perdida na chegada e com mais tempo livre longe do Google buscando endereços e respostas.

Que a nova caminhada seja leve e feliz, queridos! Abraço e até a próxima! :)


* Nosso blog é um projeto independente, todo o conteúdo é preparado com muito carinho e honestidade. As experiências aqui compartilhadas são bancadas majoritariamente do nosso bolso. 
Iniciamos em 2018 o programa de afiliados do Booking.com, isso quer dizer que reservando a hospedagem no site deles através desse link - para qualquer hotel no mundo - você ajuda o blog a ganhar uma comissão sem pagar nada a mais na sua diária. Se você gosta do nosso trabalho, dá uma forcinha! Do lado de cá, prometemos continuar trazendo as melhores e mais originais dicas do paisito para tornar sua viagem mais incrível! Gracias! <3

Nenhum comentário