Roteiro no Uruguai: Carmelo e Colonia

Voltei tão entusiasmada dessa última viagem pelo oeste uruguaio que não restou mais dúvida que é a minha rota preferida.

Colonia e Carmelo reunem propostas que se complementam, ignorar a presença de uma ou outra é quase um pecado.

Porque tem história, tem cenários fofos, tem vinhedos, tem praias de rio, tem campo, tem gastronomia, tem beleza, tem poesia.

É ótimo para quem viaja em família, perfeito para uma viagem romântica, ideal para quem procura paz e encanto.

Se você está preparando o roteiro pelo Uruguai e ainda está indeciso sobre o que incluir, aposte nessa dupla sem medo.

O post de hoje tem a missão de facilitar esse planejamento respondendo os principais questionamentos dos viajantes sobre o roteiro no oeste uruguaio.

Roteiro no Uruguai: Colonia e Carmelo

- Quando ir:

O ano inteiro tem atividades em Colonia e Carmelo, você só precisa entender o tipo de viagem que deseja fazer.

No inverno os passeios ao ar livre ficam comprometidos por conta do tempo, faz muito frio nos meses de maio a agosto, em alguns dias o vento ou a chuva podem atrapalhar quem gosta de flanar pela cidade. 

E digo podem porque não necessariamente vai estar chovendo ou ventando loucamente a ponto de você não conseguir caminhar todos os dias. Vai estar apenas frio e aí usando as roupas adequadas dá para passear numa boa.

O frio propicia atividades mais aconchegantes, roteiros mais focados em gastronomia ou enoturismo, atividades culturais no quentinho de museus e teatros, por exemplo.

Também possibilita outra experiência, na maior parte do Brasil as estações não são definidas, para muita gente é gostoso sentir um friozinho, usar outro tipo de roupa, ver uma paisagem mais de inverno, etc. 

E o verão tem suas vantagens e desvantagens. Tudo tem mais vida, o sol dá pinta até 21h da noite e permite fazer muita coisa no roteiro num único dia, mas tudo está mais caro - alta temporada - mais cheio e o calor no oeste em dezembro e janeiro é intenso. 

Aí vai rolar a chance de outra experiência diferente, pegar uma prainha de rio e não qualquer rio, amigos. Estamos falando do Rio de la Plata imponente e com um dos entardeceres mais lindos do mundo.

Roteiro no Uruguai: Colonia e Carmelo

Moral da história é que dá para ser feliz de janeiro a janeiro no Uruguai, basta ajustar as expectativas com a época da viagem porque não adianta viajar em agosto, odiar frio e esperar que faça calorzinho e as árvores estejam esplendorosas em tons de verde.

- Como chegar:

Partindo de Montevidéu é bem fácil o trajeto de ônibus tanto para Colonia como para Carmelo.

A frequência para Colonia é maior - dependendo do horário do dia tem ônibus a cada 30min ou 1h - e a viagem dura em torno de 2h30 e 3h.

A passagem custa 357 pesos. Você pode consultar horários nesse link.

Já para Carmelo geralmente a frequência de ônibus saindo da capital é a cada 2h ou 3h. O trajeto é feito entre 3h e 3h30.

A passagem custa 470 ou 507 pesos e aqui uma curiosidade: no Uruguai o preço da tarifa é por km percorrido, então nem adianta pesquisar preço nas passagens para Colonia porque todas as empresas fazem a rota de 177km, ou seja, o preço é igual em todas.

Roteiro no Uruguai: Colonia e Carmelo

Para Carmelo há uma pequena diferença no caminho que as empresas fazem, algumas completam a viagem em 235km e outras 250km, daí a tarifa custa 470 ou 507 pesos. Interessante, né? 

Você pode consultar horários para Carmelo nesse link.

E ainda nesse tema de transporte, temos um post que esclarece as dúvidas sobre viajar de ônibus no Uruguai (responde perguntas como: pode comprar por internet? Deixo para comprar na hora? Como é a rodoviária? Onde fica?).

- Como se locomover de uma cidade a outra:

Essa é a parte que mais gera dúvida, há pouquíssima informação disponível, a maioria dos viajantes escolhe alugar carro e o caminho de uma cidade a outra é feito facilmente em 1 horinha de viagem.

Outras pessoas acabam fechando um transfer com o hotel.

Mas é viável fazer por conta pegando o ônibus. A empresa que faz o transporte entre as duas cidades é a Berruti, o site deles tem o layout bem antigo, mas acabei de ligar para confirmar e está tudo certo.

Os horários podem ser consultados nesse link e a passagem custa 165 pesos.

Acho uma boa ir de carro, basicamente pelo trecho em Carmelo onde as atrações são mais dispersas, dependendo do hotel que você escolher, não vai ser tão fácil ir caminhando aos pontos de interesse.

Roteiro no Uruguai: Colonia e Carmelo

Dá para se virar usando bicicleta, a maioria dos hotéis disponibilizam a magrela para os hóspedes em Carmelo. Eu sou um tanto desastrada e zero fitness, ou seja, me canso rápido e acaba não sendo uma opção que funciona super bem comigo, confesso.

Outro jeito de se virar é pedindo ajuda ao hotel para coordenar transfer/táxi, a oferta é limitada e você fica condicionado aos horários disponíveis.

A forma mais prática é estar com transporte próprio, mas se não puder ou não quiser alugar um carro é viável fazer esse roteiro (para Colonia acho totalmente dispensável, todas as vezes que viajamos, estacionamos e só lembramos do carro na hora de ir embora! Andar definitivamente é o melhor passeio do centro histórico).

- Quantos dias ficar:

São destinos para serem vividos, apreciados com o pé no freio. A conta não funciona de acordo ao número de atrações para ver, como são cidades pequeninas, em poucas horas você até passa na frente de tudo

Mas o gostoso mesmo é dedicar tempo para perder tempo, almoçar sem pressa, caminhar pelas ruas do centro histórico, ver o fim de tarde na beira do rio, degustar vinhos numa vinícola, sair para uma pizza a noite e tal.

Roteiro no Uruguai: Colonia e Carmelo

Escolher quantos dias vai depender do perfil do viajante, do tempo e orçamento disponível. Eu dedicaria pelo menos 3 noites (sendo 2 em Carmelo - de preferência num hotel mais confortável e com ares de campo - e 1 em Colonia, rolou enquete aqui em casa e divagações mil para chegar nessa divisão hehe).

- Onde se hospedar:

A oferta é boa nas duas cidades. Em Colonia recomendo de olhos fechados a Posadita de la Plaza, temos um carinho especial pela pousada que é um projeto de uma família brasileira e é um dos estabelecimentos com melhor avaliação pelos hóspedes em todo Uruguai. 

Dicas do Uruguai: Carmelo e Colonia Sacramento

Também já nos hospedamos na Posada Don Antonio e gostamos, clicando nos links vocês encontram nossas reviews.

Em Carmelo vale lembrar que a cidade tem uma dinâmica diferente, o charme está no campo, em Colonia basicamente você pode chegar e se deixar levar pelas ruelas charmosas do centrinho que sempre levam ao rio, já em Carmelo tem que saber onde encontrar as experiências e a escolha do hotel influencia muito na viagem em si.

Dicas do Uruguai: Carmelo e Colonia Sacramento

Em Carmelo já ficamos no Hyatt e na Posada Campotinto, ambas maravilhosas e atendem super bem uma viagem romântica - esse roteiro é divino para lua de mel, inclusive - ou viagem em família, foi nossa primeira viagem com nossa pequena quando ela tinha apenas 3 meses de vida.

- Onde comer e o que fazer:

Nesses links vocês encontram as melhores dicas para comer bem em Colonia do Sacramento: aqui dicas clássicas de restaurantes e aqui as opções mais recentes e diferentes.

http://www.viveruruguay.com/2014/12/dicas-carmelo-uruguai-.html

Em Carmelo recomendamos o restaurante da Narbona e da Campotinto, tem também o Basta Pedro no Puerto Camacho, embora o atendimento não tenha sido maravilhoso nesse último, o lugar é uma graça e de repente você tem mais sorte de encontrar a mocinha de buenas com a vida hehe (estou devendo um post do Basta Pedro).

http://www.viveruruguay.com/2014/12/dicas-carmelo-uruguai-.html

E dicas do que fazer em Colonia tem nesse post aqui e em Carmelo nesse outro texto.

***

Preparado para se encantar com o lado oeste do paisito? Espero que as informações ajudem a organizar melhor a viagem e que você seja muito feliz desbravando essas cidades encantadoras.

Recordo que nosso blog é um projeto independente, todo o conteúdo é preparado com muito carinho e honestidade. As experiências compartilhadas são bancadas majoritariamente do nosso bolso.

Se você gosta do conteúdo que produzimos e quer dar uma forcinha ao projeto, te conto que participamos do programa de afiliados do Booking.com, isso quer dizer que reservando a hospedagem através desse link - para qualquer hotel no mundo - você ajuda o blog a ganhar uma comissão sem pagar nada a mais na diária (não teremos nenhum acesso a seus dados, o link indicado contém apenas nosso número de identificação para a comissão ser creditada).

Do lado de cá, agradecemos a colaboração e prometemos continuar trazendo as melhores e mais originais dicas do Uruguai para tornar sua viagem mais incrível!

Abraço e até a próxima! :)


3 comentários

  1. Amei o post!!! Vou viajar para Montevideu na 2a quinzena de Agosto e levaremos nossa filha 3 anos e meio, muito complicado está época com crianças? Qual pousada em Carmelo vc indica com criança? Já muitas vezes seu blog para o nosso roteiro! Obrigada!

    ResponderExcluir
  2. Em Colônia eu indico o Hotel Rivera, que é do primo do meu marido. Meu marido é uruguaio e vamos todos os anos para lá. Amo de paixão esse país. Gabriel, o dono do hotel, é extremamente simpático e solicito, e o pequeno hotel é muito aconchegante e convidativo.

    ResponderExcluir
  3. Mile, parabéns pelo site. Estou pensando em ir ao Uruguai no final do ano e durante a pesquisa achei seu site. Li apenas 1 post mas achei de muita qualidade.

    Obrigada e continue postando!

    ResponderExcluir